07.11
2010

País de Gales: Informações práticas

O ultimo país membro do Reino Unido que eu conheci durante esse meu intercâmbio aqui na Escócia, foi o País de Gales. O país tem um pouco mais de 3 milhões de habitantes e a sua capital é Cardiff, único lugar que conheci durante esse final de semana que passei lá.

Nesse final de semana a cidade, o aeroporto, as ruas, as atrações, os hotéis e os restaurantes estavam lo-ta-dos e eu não estava sabendo o motivo.

DSC03604

No dia seguinte, no sábado de manhã, quando sai para conhecer a cidade entendi o que estava acontecendo. No sábado a tarde teve um jogo de rugby entre País de Gales x Austrália valido pelo Campeonato Mundial de Rugby.

Vi muitos torcedores do País de Gales (de vermelho) e da Austrália (de amarelo) por toda a cidade. O centro da cidade e arredores do Castelo de Cardiff estavam enfeitados com bandeiras de todos os países participantes desse campeonato. Vi vários torcedores carregando suas bandeiras e cantando felizes. Foi super legal estar na cidade durante esse evento!

Mas chega de blablablá e vamos ao que interessa: 

→ Localização

O País de Gales é um dos 4 países membros que formam o Reino Unido, localizado na costa oeste da ilha da Grã-Bretanha. Tem fronteira terrestre apenas com a Inglaterra e é banhado pelo mar da Irlanda e o pelo Canal de Bristol.

mapa cardiff

→ Vistos, Vacinas e Seguro Viagem

Brasileiros que viajam a turismo ao País de Gales não precisam de visto, já se for para estudar ou trabalhar, é necessário um visto especifico.

Nós também não precisamos de nenhuma vacina para viajar ao Reino Unido, ao menos nunca ninguém me pediu nenhum tipo de comprovação desse tipo.

Seguro viagem não é obrigatório para entrar no País de Gales, mas obviamente, ninguém vai querer ter despesas em libras caso algo aconteça. Eu fortemente recomendo fazer um seguro viagem. O blog tem parceria com duas empresas nessa área: a Mondial Assistance e a Real Seguros (clique nos respectivos links em vermelho pra fazer as cotações).

DSC03733

→ Melhor época

Não existe nenhuma época que seja melhor ou pior de visitar o País de Gales. Talvez seja interessante ver se você faz questão de estar lá quando tiver algum grande evento ou festival.

Claro que, como todo lugar, Cardiff costuma recebe bastante turistas, principalmente em época de grandes comemorações, como festivas (Tafwyl Fringe Festival, que acontece na ultima semana de junho e primeira semana de julho), feriados nacionais, ferias de verão, Natal e Ano Novo.

DSC03516

→ Como ir até o País de Gales

Existem diversas formas de ir até o País de Gales, como por exemplo: de avião, de trem, de ônibus, de ferry ou de carro.

Como eu só estive lá uma unica vez, e foi durante o período do meu intercâmbio em Edimburgo, eu optei por ir de avião. A empresa escolhida para fazer esse trajeto foi a Flybe, a mesma cia aérea que voei mês passado quando estive na Irlanda do Norte.

11072010006

Eu sai de Edimburgo final de tarde de sexta-feira e em pouco mais de 1 hora eu já estava aterrizando em Cardiff. O voo tava no horário e como os aviões da Flybe são relativamente menores do que os que a gente está acostumado, quando estávamos chegando perto de Cardiff, passamos por uma grande área de turbulência, coisa que fez o avião mexer muito. Me deu um medinho! Chovia bem forte na hora que desembarquei lá. Felizmente deu tudo certo.

→ Aeroporto Internacional de Cardiff (IATA: CWL)

O Aeroporto Internacional de Cardiff é o principal aeroporto do país e está localizado a 19 km do centro da capital, Cardiff. Existem três opções para ir até o centro da cidade (ou vice-versa): de táxi, ônibus ou trem.

DSC03761

Eu sempre dou preferencia para ir de trem, mas nesse caso, os trens partem de/para o aeroporto apenas 1x por hora e aos domingos, os trens partem 1x a cada 2 horas. Achei um absurdo ter que esperar todo esse tempo! Parece que eles não gostem muito que os turistas usufruam desse meio de transporte!

Quando desembarquei lá, o trem tinha recém saído e como chovia bastante, nem me dei ao trabalho de ir até a estação de trem do aeroporto e já fui direto pegar um táxi. Confesso que o valor do táxi não é lá super barato, mas com aquele chuvão, achei que seria melhor desembolsar 20,00 libras no trajeto até o hotel no centro da cidade.

DSC03760

Na ida peguei um taxista gales mesmo, conversei com ele sobre o país, perguntei sobre o que ele achava sobre alguns assuntos relacionados ao UK. A conversa fluiu bem, consegui entender boa parte do que ele falou, mesmo não sendo acostumada com o sotaque de lá. Já na volta, peguei o táxi com um senhor do Bangladesh (até então em toda minha vista, eu nunca tinha falado com uma pessoa de lá) e literalmente minei o cara de perguntas, afinal, eu nunca tinha ouvido nada além do próprio nome do país até aquele dia, foi legal saber um pouco daquele lugar.

Veja a lista completa de destinos com voos diretos (ou não) partindo do Aeroporto Internacional de Cardiff aqui: Cardiff Airport – Destinations.

→ Imigração

Quem já estiver no Reino Unido, em qualquer cidade da Inglaterra, Escócia ou Irlanda do Norte, não vai passar pela imigração, afinal, esse voo é considerado doméstico. Como eu estava em Edimburgo, não passei na imigração. Ao desembarcar lá, foi só seguir para área de desembarque e seguir para o centro da cidade.

Quem chegar ao País de Gales vindo de outros países europeus, vai precisar passar pela imigração, obviamente. Como nunca tive essa experiência, não sei dar mais detalhes de como as coisas são.

11072010008

→ Idioma

O País de Gales tem dois idiomas oficiais: o inglês (amplamente falado, ao menos em Cardiff, onde estive, todo mundo falava inglês) e o galês (talvez tenha até ouvido alguém falar, mas como não reconheço esse idioma, não sei ao certo).

11062010022

Uma coisa que pude reparar é que os galeses fazem questão de manter a sua cultura e idioma presentes no dia a dia. Por todos os lados (literalmente) vi tudo escrito em inglês e em galês, seja em placas de transito, cardápios em restaurantes, placas no aeroporto, souvenirs, ou seja, vi os dois idiomas em absolutamente tudo.

DSC03748

Se quiser ouvir alguém falando gales, a BBC tem um canal exclusivo em gales, onde todos os programas e noticiários são apresentados nesse idioma. É impossível entender alguma coisa, mas ao menos é engraçado o sotaque!

→ Dinheiro

A moeda oficial do País de Gales é a libra esterlina.  Tanto a libra “inglesa” (com imagens da Rainha Elizabeth II), como a libra “escocesa” (com imagens de personalidades e atrações famosas na Escócia) são aceitas lá sem problema algum. Eu geralmente ando sempre com libras emitidas na Escócia, e apesar de as vezes gerar duvida, é tudo o mesmo dinheiro, é tudo libra esterlina.

DSC03554

→ Diferença de fuso horário

Existe diferença de fuso horário entre Brasil e País de Gales e ela é a mesma para todos os outros países membros do Reino Unido (Inglaterra, Escócia e Irlanda do Norte).

Quando for inverno aqui Europa, a diferença de fuso horário é de duas horas, ou seja, duas horas a mais no País de Gales.

Quando for verão aqui Europa, a diferença de fuso horário é de quatro horas, ou seja, quatro horas a mais no País de Gales.

Obviamente que nos períodos de transição entre os horários de verão no Brasil e no Reino Unido, podem existir períodos com diferença de horários de 3 horas a mais no UK, mas esses períodos são curtos, coisa de umas 2 ou 3 semanas.

DSC03585

→ Tomadas e Adaptadores

Quem for ao Reino Unido vai precisa de um adaptador de tomada, afinal, as tomadas lá tem três pinos quadrados grandões incompatíveis com qualquer uma das tomadas aqui do Brasil (modelo antigo de dois pinos redondos ou modelo novo de três pinos redondos).

DSC03545

→ Chip de celular

No tempo que eu morei em Edimburgo eu tinha um chip de celular da O2, que funcionava perfeitamente bem em todos os países membros do UK. Quando viajei da Escócia para País de Gales, mesmo teoricamente sendo outro país, as ligações, envios de mensagem e uso de internet são considerados nacionais, ou seja, as tarifas são as mesmas que quando uso o celular na Escócia.

Quem estiver indo ao País de Gales e quiser comprar um chip de celular, eu escrevi um post com TODAS as dicas sobre esse assunto. Para ver esse post, é só clicar aqui: Chip Pré-Pago e Internet no celular no Reino Unido.

DSC03470

→ Apps para celular

Eu recomendo ter no celular 3 aplicativos: National Rail Enquiries (para pesquisar horários e passagens de trem), Cardiff Offline Street Map, Cardiff Castle, Cardiff Bus, Show me Wales e Wales Discovered.

DSC03508

→ Meu roteiro 

Esse roteiro foi feito para passar um final de semana em Cardiff apenas. Eu cheguei na sexta-feira no final de tarde e fui embora no domingo a tarde.

– Sexta-feira: Quando desembarquei em Cardiff estava caindo um mega chuvão e eu decidir ir direto para o hotel. Jantei la mesmo e tentei assistir um pouco de tv, ora em Welsh, ora em English, afinal, a BBC tem vários canais em inglês e um em Welsh. Foi no minimo muito engraçado!

– Sábado: Visitei o centro da cidade, a Prefeitura e o Alexandra Gardens pela manhã. Depois do almoço fui no Castelo de Cardiff e ainda fui caminhar um pouco aos arredores do Estádio, para ver a movimentação do jogo de rugbi. Quando o jogo começou, segui caminhando até a Cardiff Bay, uma área que foi recentemente revitalizada. Jantei por ali mesmo e fui assistir ao Ballet Lago dos Cisnes;

– Domingo: Dei uma ultima volta na cidade, passei pelo Millennium Stadium, comprei uns souvenirs e metade da tarde fui pro aeroporto.

DSC03626

→ Os galeses

Tá ai uma grande surpresa. Antes de chegar aqui no UK para meu intercâmbio, eu estava bem apreensiva de como seria minha experiencia com os britânicos em geral. A gente sempre tem aquela impressão de que todo mundo é muito sério e fechado. Mas na prática, sério mesmo, a coisa não é bem assim. Os galeses são bem simpáticos e prestativos. Sempre me ajudaram quando precisei de alguma informação na rua ou até mesmo quando não entendi ou tive que pedir pra repetirem alguma coisa. Fique bem tranquilo quanto a isso, no geral, eles são muito receptivos.

DSC03485

→ Segurança

Eu já estive em todos os países membro do UK e até hoje, de verdade, nunca tive nenhum problema com segurança. Nunca passei medo. Nunca mesmo. E olha que já viajei muito sozinha para diversos lugares, já andei de manhã bem cedo, a tarde ou até mesmo a noite nas mais variadas cidades e nunca tive problema algum. Obviamente que sempre fico um pouco mais (do que o normal) ligada a noite ou se estou andando em uma área sem muito movimento, mas no geral, costuma ser super tranquilo.

É muito difícil a gente ver pessoas atoa sentadas ou paradas pela cidade ou perto de atrações turísticas. Inclusive, também é bem difícil alguém vir te abordar pra pedir algo ou oferecer algo. Eu mesma nunca passeio por essa situação lá.

DSC03505

** Precisando de hotel no País de Gales? Inicie as pesquisas aqui.

** Precisando de seguro viagem? Inicie as pesquisas aqui.

** Precisando alugar um carro? Inicie as pesquisas aqui e/ou aqui.

Se você gostou das dicas, ao reservar hospedagem, seguro viagem e aluguel de carro aqui pelo blog, nós ganhamos uma pequena comissão, mas você não paga nada a mais por isso. Obrigada! :D

Posts relacionados:

Todos os posts sobre País de Gales

Todos os posts sobre Cardiff

Siga o Blog Contando as Horas nas redes sociais:

no Instagram: @brunabartolamei

e curta nossa fanpage no Facebook: facebook.com/ContandoAsHoras

Bruna Bartolamei
Siga-me

Bruna Bartolamei

Catarinense, mas já morou em Curitiba (8 anos) e em Edimburgo, a capital da Escócia (quase 2 anos). Criou o blog pra contar um pouco mais sobre como foi o seu intercâmbio na terra dos Kilts e das Gaitas de Fole, e também, sobre suas viagens pelo mundo.
Bruna Bartolamei
Siga-me
Postado em Cardiff, País de Gales
Booking.com
Deixe o seu comentário...