03.11
2011

Uma boa surpresa.. Bósnia e Herzegovina!!

Na sexta de manhã, fiz um day trip para conhecer a Bósnia e Herzegovina! Não me pergunte o pq eu resolvi ir lá, ou melhor, pode perguntar! A resposta é simples: pura curiosidade!!

Bósnia e Herzegovina

Então reservei um tour por email, ainda quando estava aqui em Edimburgo. A empresa escolhida foi a Adriatic Explore!! Gostei da empresa, as funcionárias foram bem atenciosas e sempre me responderam me rapidamente.

O tour basicamente é: subir pelo litoral Croata até atravessar a fronteira entre Croácia e a Bósnia (de novo, mas dessa vez eu tava suuuper tranquila!!), e a primeira parada é na cidade de Neum.  Seguimos pelas margens do Rio Neretva onde teve uma breve parada na cidade de Počitelj, e seguimos para o destino principal (e final): Mostar! De lá voltamos direto pra Dubrovnik. O tour foi feito com uma mini van (em bom estado de conservação), mas não estava lotado, acho que sobrou uns 2 ou 3 lugares, durou aproximadamente umas 10 horas, e eles passaram me pegar no hotel as 08:30 e me deixaram no hotel por volta as 18:00. 

Fiz o tour com a empresa Adriatic Explore

Eu sempre tive curiosidade de conhecer a Bósnia.. tinha uma idéia completamente errada do lugar, acredito que após anos de Guerras, essa é a única palavra que consigo relacionar com o país, quando penso em Bósnia e Herzegovina. Porém chegando lá, vi que o país tem sim, ainda, as marcas da Guerra, porém eles estão se recuperando a medida do possível.

Nitidamente é um país pobre, porém bem organizado e estruturado (turisticamente falando), praticamente todo mundo falava Inglês, as estradas são ótimas e muito bem sinalizadas.. e as paisagens pelo caminho? Adorei!! Seguir viagem pelas margens do Rio Neretva, que tem uma cor verde esmeralda, foi bem agradável.. isso vem falar que o dia estava super bonito, beeem quente e ensolarado!!

Bósnia e Herzegovina

Mas a Bósnia tem muuuuita história pra contar, o país ja foi disputado por sérvios, croatas, hungaros, venezianos, austriacos, bizantinos e otomanos. Aproximando mais a história, em 1918, a Bosnia foi anexada a Sérvia como parte do Reino dos Sérvios, Croatas e Eslovenos e em 1946, foi formada a Republica socialista da Iugoslávia da qual a Bósnia passou a fazer parte! Com a queda do comunismo, a Iugoslávia entrou numa onda de nacionalismo extremo.. e assim, a Croacia resolveu abandonar a Iugoslávia. Os sérvios bósnios recusaram separar da Iugoslávia que pertencia a Sérvia e assim, em 1992 a Bósnia foi arrastada para uma guerra civil que eu diria que foi devastadora e que terminou graças a intervenção da ONU, quando o Acordo de Dayton foi assinado em 1995, e assim o acordo de paz entrou em vigor no país!!

Atualmente, o país é formado por duas entidades politicamente autónomas, a  Federação da Bósnia e Herzegovina e a República Sprska.

Impossível se perder

Segundo a guia, outra questão que chama atenção é a parte politica, que no país é totalmente atípica, pois a república é tripartidaria, ou seja, o governo é comandado por um representante bósnio-muçulmano, um croata e um sérvio. Sendo assim, o cargo de Presidente do país é exercido em rotatividade pelos três “partidos” e cada um ocupa o cargo durante 8 meses ao longo do mandato que dura 4 anos. Ah, e os tres membros sao eleitos diretamente pelo povo!! Estranho não? E pelo jeito essa forma de governar deve dar certo.. eu acho!

Vista de Neum e o pequeno litoral da Bósnia

A cidade é bem pequena e tem uma população de apenas 4.600 habitantes. E a única atração no local se resume a um mirante, onde é possível ver todo o litoral da Bósnia e algumas ilhas no Mar Adriático!!

A primeira parada, na cidade de Počitelj

Seguindo viagem, a próxima parada foi mais ou menos uns 40 minutos depois na cidade de Počitelj. É a cidade mais Turca da Bósnia!

Restos de uma fortaleza

Mesquita na cidade de Počitelj

O charme dessa cidade fica por conta das águas verde esmeralda do Rio Neretva, que corta a cidade e pela ponte Stari Most. A ponte foi declarada Patrimonio mundial pela Unesco em 2005 (no país todo, só existem duas atrações que fazem parte da lista de Patrimônios da Unesco, além dessa ponte, a Ponte de Mehmed Pasa Sokolovic, que fica na cidade de Visegrad).

Anos mais tarde começou o plano de reconstrução da cidade e da ponte também, é claro! E a população da cidade conseguiu reconstruir a ponte e em 2004, a ponte simbolo do país foi reinaugurada, e digo mais, ela ficou idêntica a original!!!

Lojinhas no centro de Mostar

Em cada lado da ponte é existe uma torre, a Torre Halebija e a Torre Tara, que foram construídas durante o século XVII e juntas são chamadas de Bridge Keepers.

Na Torre de Tara, fica o Museum of the Old Bridge que foi inaugurado em 2006 para celebrar segundo aniversário da sua reconstrução. O museum tem 3 partes, porém eu só visitei a galeria de fotos mostrando como era a cidade antes e depois dos bombardeios e vi um video, muuuito triste, onde conseguiram filmar os ataques feitos a cidade e as explosões que foram pouco a pouco destruindo a Stari Most!

Exposição de fotos antes e depois da guerra e também é possível ver um video sobre a guerra, muito triste, por sinal!

Não tem como não se emocionar e não ficar indignada ao mesmo tempo com tamanha ignorância!! Além disso, mostra todo o esforço e trabalho da população de Mostar para reconstruir a ponte. A festa no dia da reinauguração é bem emocionante… ver o povo cantando, soltando balões brancos.. .foi muito legal!!

Casa Turca

Casa Turca

Além da Ponte, fui visitar a Casa Turca e uma Mesquita, a Hadzi Mehmed Karadzozbeg Mosque que é facil de identificar, pois ela tem apenas um minarete e fica logo atras da ponte!

A Mesquita foi construida durante a ocupação dos Otomanos. Foi a primeira vez que visitei uma Mesquita, na verdade não cheguei a entrar nela, fiquei somente na porta, pois cheguei la quando estavam terminando as orações..

As marcas da guerra..

.. ainda estão bem presentes!

Por ser um país que ficou totalmente destruído e conseguiu se reerguer a sua maneira, eu diria que a Bósnia foi sim uma boa surpresa e com certeza a forma como eu imaginava o país mudou totalmente.. e pra melhor, muito melhor!

Bruna Bartolamei
Siga-me

Bruna Bartolamei

Catarinense, mas já morou em Curitiba (8 anos) e em Edimburgo, a capital da Escócia (quase 2 anos). Criou o blog pra contar um pouco mais sobre como foi o seu intercâmbio na terra dos Kilts e das Gaitas de Fole, e também, sobre suas viagens pelo mundo.
Bruna Bartolamei
Siga-me
Postado em Bósnia e Herzegovina, Mostar, Neum, Počitelj
Booking.com
  1. Alan 09/03/2014 | 00:44

    Gostei bastante do post, eu tenho certa curiosidade pelo país.

    • Contando as Horas 09/03/2014 | 03:54

      Oi, Alan

      Eu tbm tinha muita curiosidade sobre a Bósnia. Ao menos os lugares por onde passei, achei bem interessante. Algumas marcas da guerra ainda existem, mas eles estão se esforçando muito para que os turistas queiram ir até lá.

  2. Michele 25/03/2015 | 16:21

    Olá, Bruna
    Estou de viagem marcada para Croácia e pretendo visitar a Bósnia. Porém, gostaria de ir além de Mostar e passar também por Sarajevo. Sabes me dizer se é possível fazer uma day tour incluindo as duas cidades? Sugeres ir por alguma empresa ou locar um carro seria uma opção?

    • Contando as Horas 26/03/2015 | 01:29

      Oi, Michele

      Na época, eu tbm queria conhecer Sarajevo, mas nao achei nenhum tour que incluisse Mostar e Sarajevo. Talvez hoje em dia isso pode ter mudado. Ir de carro pode ser uma opção caso vc nao ache um tour.

  3. Leonardo 30/03/2015 | 18:05

    Olá Bruna, Acha que a Bósnia seria um bom lugar para se viver? Eu tenho muita curiosidade pelo país, me parece bem agradável.

    • Contando as Horas 30/03/2015 | 22:04

      Oi, Leonardo

      Não sei onde vc pretende morar (qual região ou cidade), mas eu gostei do que vi nessa viagem. Eu fui com uma idéia muito diferente do que de fato encontrei la. Mas né, passear é muito diferente de ir morar. Sinceramente não sei te dizer se seria ou não um bom lugar pra se morar.

Deixe o seu comentário...