31.01
2012

Lucerna

O outro dia amanheceu chovendo em Genebra, e assim, resolvi pegar um trem e fui para a parte Alemã da Suíça, mais precisamente em Lucerna. Em exatas 2 horas e 50 minutos eu estava lá.

Lucerna!

Lucerna!

Lembro que enquanto planejava a viagem à Suíça, olhei umas mil vezes os mapas do Google, e anotei tudo, pra não me perder, pois eu ainda tinha uma pequena esperança de que as cidades Suíças não fossem tãão pequenas como todo mundo já tinha me dito. 

E realmente, todas são pequenas, quer dizer, Genebra (segunda maior cidade do país ) era, Lucerna também, com os seus 76 mil habitantes, é uma cidade que está localizada bem no meio dos Alpes, as margens do rio Reuss, que deságua no Lago dos Quatro Cantões ou para os mais familiarizados, o Vierwaldstättersee!

Mapa com o nome de todas as montanhas, lagos, rios, cidades ao redor de Lucerna!

Como está na parte Alemã da Suíça, a lingua oficial é o alemão, mas todo mundo fala Inglês super bem. Deu pra se virar tranquilamente!

Torre da Água

Tudo em Lucerna gira em torno do rio e da Ponte da Capela, e pra onde quer que se olhe (em Genebra também foi assim), lá estão elas, as muitas montanhas e com o seus topos cobertos com neve!

A Ponte da Capela, de outro ângulo

Saindo da estação de Lucerna, aquela preparação toda e ver o Google Maps muitas vezes não saiam da minha cabeça, só de colocar a cabeça na porta da Estação, praticamente já vi todas as principais atrações da cidade (hehehe)!

A Estação de Trem de Lucerna

Comecei atravessando a ponte e segui andando pelas margens do rio, apreciando a vista dos Alpes e fui  conhecer a Hofkirche, com suas duas torres pontudas, também são um simbolo da cidade! Essa é considerada uma das igrejas mais valiosas da época do renascimento alemão.

Fiquei imaginando como seriam essas árvores no verão…

Hofkirche

Mas a grande atração de Lucerna fica por conta da Torre da Água, e a Ponte da Capela, que é totalmente feita de madeira. A ponte é super antiga, e foi construída ainda no século 14 para ligar a Cidade Velha com a Cidade Nova, cruzando o rio Reuss.

Totalmente feita de madeira meeesmo!

E a água bem limpinha!

Em algumas partes os painéis foram retirados pra restauração

A parte que pegou fogo!

Foto da noite em que pegou fogo!

Atualmente, os painéis que não sofreram danos e que estão nas extremidades da ponte, são os originais. A parte que estão sem os painéis, vão ficar assim, para que o incendio naquela noite não seja esquecido!

Praticamente em frente a Ponte da Capela fica a Igreja Jesuíta de Lucerna, com seu estilo barroco, dizem ser uma das Igrejas mais bonitas do país.

Igreja Jesuíta de Lucerna

E o ultimo lugar que visitei foi a Muralha (Musegg Wall), formada por suas 9 torres. A muralha também foi construída no século 14 e está praticamente intacta.

A muralha

O ínicio

Sinalização

Como era inicio de dezembro, periodo de inverno na Europa, a muralha estava fechada pra visitas, porém, há um caminho alternativo, que dá pra caminhar ao redor da muralha, mas pelo lado de fora! E vale a pena!

As Nove Torres, na frente de um restaurante

E foi assim, que terminou o dia em Lucerna, mas antes de voltar para a Estação de Trem, ainda tive tempo de parar em uma das milhares de lojinhas que vendem chocolates, souvenirs…

souvenirs

Para chegar em Lucerna, comprei o ticket na estação de trem de Genebra, nas máquinas mesmo. O trajeto é direto, ou seja, não precisa trocar de trem.

** Precisando de hotel em Lucerna? Inicie as pesquisas aqui.

** Precisando de hotel na Suíça? Inicie as pesquisas aqui.

** Precisando de seguro viagem? Inicie as pesquisas aqui.

** Precisando alugar um carro? Inicie as pesquisas aqui e/ou aqui.

Se você gostou das dicas, ao reservar hospedagem, seguro viagem e aluguel de carro aqui pelo blog, nós ganhamos uma pequena comissão, mas você não paga nada a mais por isso. Obrigada! :D

Posts relacionados:

Todos os posts sobre a Suíça

Todos os posts sobre Lucerna

Siga o Blog Contando as Horas nas redes sociais:

no Instagram: @brunabartolamei

e curta nossa fanpage no Facebook: facebook.com/ContandoAsHoras

Bruna Bartolamei
Siga-me

Bruna Bartolamei

Catarinense, mas já morou em Curitiba (8 anos) e em Edimburgo, a capital da Escócia (quase 2 anos). Criou o blog pra contar um pouco mais sobre como foi o seu intercâmbio na terra dos Kilts e das Gaitas de Fole, e também, sobre suas viagens pelo mundo.
Bruna Bartolamei
Siga-me
Postado em Lucerna, Suiça
Booking.com
  1. mariana 02/02/2012 | 00:53

    Que cidade linda, cheia de charme e história. Não tive oportunidade de conhecer na minha trip,mas já entrou pra lista de lugares pra visitar!

    bjs ;)

    • Bruna 02/02/2012 | 13:08

      Linda, né?
      Eu adorei, e pra falar bem a verdade, gostei mais de Lucerna do que Genebra (que eu tava tão ansiosa pra visitar).

      =)

  2. Thomaz Mostardeiro 11/02/2012 | 20:52

    Lucerna é realmente linda! No verão vale a pena também usar as “balças” que interligam as pequenas cidades do lago (vierwaldstädtersee em alemão) e oferecem vistas espetaculares da montanha e da água límpida se contrastando com as pastagens verdes dos alpes. O passeio é bem mais proveitoso no verão, pois no inverno há nevoeiros frequentes e a vista é bem imparcial, além disso, mesmo no verão, a brisa é fresca e pede um casaco leve. Além disso o eurail pass e o swiss pass cobrem em 100% as viagens. O serviço segue a pontualidade suíça e não atrasa seguer um minuto nas cidades em que vai parando no percurso. Além disso, você pode parar em qualquer uma das cidades do lago e simplesmente retornar para Lucerna em outro serviço! Simples, eficiente e pontual, como toda a Suíça!

  3. Fábio 13/02/2012 | 19:12

    Ótimo post, Bruna. Fotos lindas tb. Um roteiro extremamente destrinchado. Já favoritei seu post e levarei comigo de forma impressa.

  4. Eliane 10/01/2014 | 09:02

    Lindas as imagens realizadas por você!!! Realmente é um sonho meu, desde a infância, conhecer a Suíça. Certamente este país fará parte do meu roteiro de viagem. Cada foto sua servirá de inspiração. Super importante também suas informções sobre os passeios. Vou lembrar de todas elas ao montar o meu roteiro.

    • Contando as Horas 11/01/2014 | 01:05

      Oi, Eliane

      Obrigada, mas 90% dos créditos das fotos são das cidades suíças mesmo. Elas parecem quadros, tudo muito organizado e perfeito. Tenho certeza que vc vai adorar, mas prepara o bolso, pq a Suíça está entre os países mais caros que já fui até hoje. =D

  5. Flavio 23/07/2015 | 13:57

    Bruna,
    Muito obrigado pelas dicas sobre Lucerna e a subida ao monte Pilatus. Vc ajudou bastante com tuas orientações claras e fiéis.
    Abs,
    Flavio

    • Contando as Horas 30/07/2015 | 17:33

      Oi, Flavio

      A logistica do passeio não parece tão simples, mas como é tudo muito bem organizado, tenho certeza que vc vai achar muito fácil e vai aproveitar muito.

      Obrigada pela visita aqui no blog!!! :D

Deixe o seu comentário...