31.03
2012

Visita ao Palácio de Buckingham

Entre as milhões de atrações turisticas que existem em Londres, certamente uma das mais populares é a visita ao Palácio de Buckingham que acontece todos os anos, desde 1992, durante o verão Europeu! São apenas 8 semanas, nos meses de agosto e setembro, enquanto a Rainha e o Duque de Edimburgo passam suas férias na Escócia.

Eu tive a oportunidade de visitar o Palácio por dois verões consecutivos, a primeira vez foi em agosto de 2010 com meus pais e meu irmão, e a segunda, no ano passado.

O Palácio de Buckingham é a residência oficial da Rainha Elizabeth II e do Príncipe Phillip, o Duque de Edimburgo, além de ser também o seu lugar de trabalho. Continue Lendo…

Postado em Atrações turísticas, Inglaterra, Londres
29.03
2012

British Museum

Um dos lugares que não conseguimos incluir no roteiro da nossa primeira viagem à Londres foi o British Museum, então dessa vez ele não poderia ficar de fora!

Aproveitando que a chuva tinha piorado, a essa altura já chovia forte, saimos da Catedral de St Paul e pegamos um taxi até o museu, isso para nao perder tempo no deslocamento e aproveitar ao máximo a nossa.

Acho que ficamos umas duas horas lá, que mal deram pro gasto. Conseguimos ver pouquissimas coisas, pq o museu é realmente enoooorme! Continue Lendo…

Postado em Atrações turísticas, Inglaterra, Londres
28.03
2012

Londres vista do topo da Catedral de St Paul

Nessa nossa viagem a Londres, um dos únicos lugares que minha mãe fez questão de voltar foi a Catedral de St Paul. Saindo da nossa visita ao HMS Belfast, ainda continuava aquela chuvinha fraca sem graça, mas mesmo assim, resolvemos atravessar o rio Tâmisa e seguir até o coração da cidade, a The City.

A Catedral é um dos melhores lugares, depois da London Eye para ver Londres do alto e de todos os ângulos. O que muita gente não sabe, que ao comprar o ticket, junto com o valor do ingresso podemos visitar a cúpula da Catedral, que rende ótimas fotos da cidade. Continue Lendo…

Postado em Atrações turísticas, Inglaterra, Londres
27.03
2012

21º Festival de Teatro de Curitiba

Hoje começa o 21º Festival de Teatro de Curitiba, serão 13 dias de apresentações nos mais diversos teatros, casas de shows, na rua e em museus espalhados por toda a cidade.

A ideia do festival surgiu a alguns anos atrás pq não era muito frequente ter peças de teatro em cartaz em Curitiba, e fui justamente assim que nasceu o festival, totalmente voltado para esse público!

São apresentados tanto peças nacionais como internacionais, além de musicais, show de comédia stand-up, dança, circo, gastronomia e apresentações de rua. E tudo isso pode ser encontrado dentre as “classificações” utilizadas pelo festival, para tornar o evento mais organizado, como A Mostra (onde são apresentadas as principais peças do Festival), Guritiba (com peças voltadas pra o público infantil), Mostra XXX, Gastronomix (com chefs preparando suas especialidades), Fringe (com apresentações de vários grupos de teatros amadores ou não, e normamente as apresentações são gratuitas), Risorama (apresentações de comédia stand-up), Mish Mash (apresentações de mágica, malabarismo e dança) e DeRepente (como o próprio nome sugere, o show é todo feito baseado no improviso). Continue Lendo…

Postado em Brasil, Curitiba
26.03
2012

HMS Belfast, em Londres

Em nossa segunda vez em Londres, queriamos conhecer coisas diferentes das que tivemos oportunidade de visitar na ultima vez que estivemos na cidade. Logo depois do almoço, meu pai acabou escolhendo que primeiro iriamos visitar o HMS Belfast (Her Majesty’s Ship Belfast). Ele gosta muito de barcos, é daqueles que tem coleções de barcos, tem aquelas garrafas com barcos dentro pra enfeite, e por ai vai…

Como o tempo tbm já não estava mais tão animador, e começou a garoar, nem pudemos caminhar pelas margens do Tamisa, e acabamos indo rapidinho até o navio. Continue Lendo…

Postado em Atrações turísticas, Inglaterra, Londres
25.03
2012

Aeroporto London City

Uma boa opção para quem vai de Edimburgo à Londres (ou vice-versa) é o Aeroporto London City (IATA: LCY), que está convenientemente localizado no centro da cidade, e muitos dizem que esse é o verdadeiro e único aeroporto de Londres! Mas discussões a parte, o aeroporto é bem pertinho do centro mesmo, ficando a apenas 10 km de distância.

Naquele dia, saimos de Edimburgo em um voo relativamente cedo e chegamos em Londres por volta das 10 da manhã. O voo era da British Airways e não tava totalmente lotado.

Esse aeroporto é usado principalmente para negócios já que está localizado bem próximo ao centro financeiro de Londres. Os voos entre Edimburgo e Londres são mais frequentes e baratos durante a semana, e nos finais de semana os preços encarecem um pouco e as opções de horários diminuem consideravelmente.

city

Então pra quem não quer perder tempo, esse aeroporto se tornou uma excelente opção. Como nos chegamos em Londres por esse aeroporto, não sei dizer como é o Free shop, mas por ter apenas 1 terminal e o micro-área com lojinhas e cafés no desembarque ja deu pra perceber que esse aeroporto é totalmente voltado ao publico business meeeesmo!

Como eu não sabia como estaria o tempo naquele dia, fiz uma pesquisa de como seria mais fácil chegar até o centro, e existem várias opções, sendo as mais indicadas: táxi, DLR e ônibus. Nos acabamos optando por um táxi mesmo (e foi tudo tão rápido, que até esqueci de bater mais fotos), já que estavamos em 4 pessoas, e pelo que tinha visto no próprio site do aeroporto, o valor ficava em torno de 25,00 libras. Pra nós valeu muito a pena, pq estavamos com 4 malonas gigantes e mais as mochilas/malinha de bagagem de mão.

Postado em Aeroportos, Inglaterra, Londres
24.03
2012

Tudo sobre Scotch Whisky, o uísque Escoces!

Com o turismo crescendo em todo o mundo, a Escócia também não ficou de fora. Voos e mais voos diretos estão surgindo a cada ano vindos de várias partes do mundo. E assim, enquanto estamos organizando a viagem à Edimburgo é impossível não pensar em Whisky e consequentemente em Whisky Shop!!

A pesquisa pode (e deve) iniciar em casa, através de duas boas formas: pra quem é leigo, como eu no assunto, uma das maneiras mais facéis que descobri foi através do Whisky shop, um site onde é possível saber muitas coisas sobre o principal produto nacional escoces. Através desse link é possível pesquisar por uma lista de A-Z, ou através de regiões em que são produzidos na Escócia, ou pelo preço e se mesmo assim continuar a não endender bulhufas sobre as fábricas e whiskies, tem uma listinha pra ajudar, com os 10 mais recomendados de acordo com o número de vendas!! Para quem entende (e bem) do assunto, um site interessante é o Whisky Bible, e nesse link dá pra ver a lista com os melhores uisques vencedores em suas respectivas categorias (single, blended, por países, entre outras), ou ver através de uma lista onde estão os melhores uisques que receberam nota igual ou maior que 94. Continue Lendo…

Postado em Compras, Edimburgo, Escócia, Glasgow, Ilha de Skye, Inverness, St Andrews, Stirling
22.03
2012

Rose Street, em Edimburgo!

Quando falamos em nome de ruas de Edimburgo, geralmente as duas primeiras que vem em mente são: Princes Street e Royal Mile. Certo? Certíssimo!! Porém Edimburgo tem outras ruas populares, principalmente entre os locais e que muitas vezes passa desapercebido dos turistas, e justamente a Rose Street é uma dessas ruas!

Localizada na New Town, esta é uma rua somente para pedestres. Ela é pequena em termos de extensão, começando na Charlotte Square e vai até a St Andrew’s Square. E está convenientemente localizada “atrás” da Princess Street (lado oposto de onde está o Castelo de Edimburgo). Continue Lendo…

Postado em Atrações turísticas, Edimburgo, Escócia, Restaurantes
21.03
2012

Um dia em York

Uma das maneiras mais fáceis de conhecer algumas cidades do norte da Inglaterra, é partir de Edimburgo. E a escolhida da vez foi York, a capital do condado de Norte Yorkshire e uma das cidades mais antigas da Inglaterra!!

Chegando na estação de trem de York

York tem muita história pra contar, a cidade foi fundada a muuuuito tempo atrás, no ano de 71 a.C e chegou a ser capital do Império Romano por alguns anos. Além de ser uma cidade histórica, com mais de 2 mil anos, muitas coisas ainda estão bem preservadas por lá!

Partindo de Edimburgo até York, uma das melhores maneiras, é pegar um trem. Nos fomos com a empresa East Coast que faz o trajeto de forma direta com duração de um pouco mais de 2 horas.

As principais atrações de York ficam dentro das suas muralhas, muito bem conservadas por sinal e uma das melhores heranças deixadas pelos Romanos.

Centrinho de York

Nossa visita começou pelo Micklegate Bar, considerado o mais importante portão de acesso a cidade para quem chegava de Londres e de todo o sul da Inglaterra, inclusive era por onde acontecia a entrada dos Monarcas Britânicos naquela época. Nesse portão, também fica um museu, que mostra um pouco da sua própria história, que além de servir como porta de entrada a cidade, foi por alguns anos residencia para muitas familias.

Em um dos seus dois andares, mostra também um pouco da importância das muralhas pra que a cidade tenha conseguido se proteger de invasões, se desenvolver e crescer! Além disso, um dos principais destaques deste museu são os acontecimentos marcantes da cidade ao longo dos séculos, como por exemplo, quando os traidores eram executados suas cabeças eram penduradas nesse portão, para que todos pudessem ver!

Das várias batalhas que aconteceram na região, uma das mais importantes foi a Guerra das Duas Rosas, entre as casas de York e Lancaster, que teve duração de 30 anos, e foi uma das mais longas batalhas travadas entre essas duas dinastias na Inglaterra. Assim, no museu, tem uma montagem mostrando a cabeça decepada de Richard, o Duque de York, que naquela época foi pendurada como troféu nesse portão!

Sem duvida um dos principais atrativos da cidade, junto com a Catedral de York Minster, é a sua muralha medievel. O acesso a muralha, além de ser gratuito, pode ser feito por qualquer um dos seus quatro portões que estão em toda a sua extensão, ou melhor, na boa parte da extensão que permanece até hoje. E é justamente da muralha que se consegue as melhores fotos de quase toda a cidade e da Catedral de York Minster.

Acabamos saindo perto de uma ponte, a Lendal Bridge, de onde saem a cada 1 hora e 30 minutos os tours de barcos pelos rio Ouse. O tour não é muito longo não, dura menos de 45 minutos e o barco percorre boa parte do Rio Ouse, e da pra ter uma boa ideia de como é a cidade por outro ângulo.

Catedral de York vista do barco

Antigamente, o rio era muito utilizado, tendo se tornado um dos mais importantes do norte da Inglaterra, pois era através dele que era feito o transporte das riquezas e do comércio dessa região.

No final do passeio de barco, começou a chover franquinho, então resolvemos seguir para a Catedral de York Minster, considerada uma das maiores catedrais gótica do mundo!

Detalhes no teto

Famosa por seus vitrais, que chegam a 128 no total, o principal destaque fica por conta da rosácea chamada de Rose Window, que na época, por volta do ano de 1500, foi construida para comemorar a união das casas reais de York e Lancaster.

Detalhes perfeitos!

E por apenas 5,00 libras, tivemos acesso aos 275 degraus que nos levaram até o topo da Catedral. A escada é beeem estreita, mas vale o sacrificio, ver York por alguns minutos, antes da chuva desabar novamente, foi um dos pontos altos do dia!

Placas indicando a localização das principais atrações turisticas

E como ainda estava chovendo, fizemos uma parada pra um lanchinho rápido numa das sete casas de chás da Betty’s espalhadas pela cidade.

Agora vem o momento Harry Potter do dia… pra falar bem a verdade, eu nem sabia desse detalhe, mas ao colocar as fotos da viagem no Facebook, vááárias pessoas reconheceram a  Shambles Street e me disseram que ela aparecia em um dos filmes do Harry Potter.

Essa rua medieval estreitíssima e sinuosa fica entre a Catedral e a Torre Clifford. É considerada a rua mais antiga da Inglaterra e muitas coisas permanecem iguaizinhas como eram antigamente, como por exemplo, alguns edificios de madeira que foram construidos no estilo Tudor.

Souvenirs

E a ultima parada do dia foi no Castelo de York, ou melhor, no que restou dele. O que ainda podemos visitar é a Torre Clifford. Esse foi o primeiro castelo construído por William, o Consquistador em 1068. Foi construido totalmente de madeira, e alguns anos depois de pronto, houve um incendio no local, destruido praticamente tudo.

Essa torre era uma das estruturas mais importantes do Castelo, foi construida em uma posição extremamente importante, no encontro dos rios Ouse e Foss, e seriva para controlar e defender toda a cidade e o norte da Inglaterra.

Sem tempo pra mais nada, voltamos para a Estação de trem de York, e ficamos esperando nosso trem, que voltava para Edimburgo as 18:20 da tarde!

Postado em Inglaterra, York
19.03
2012

Fudge House, em Edimburgo

Normalmente quando vou pra algum outro país, acho importante provar algumas coisas tipícas desse lugar!

Na Escócia existem várias opções quando esse é o assunto, algumas muito boas, outras meio nojentinhas, e uma das melhores opções, sem duvida são os Fudges!

E um dos melhores lugares pra provar eles em Edimburgo é na Fudge House. O lugar existe desde 1949, e vem passando de geração em geração dentro da Familia Disotto.

São produzidos totalmente de forma caseira as mais de 25 opções de sabores. Alguns com ingredientes mais simples, como baunilha, uns mais elaborados, como Italy nougat,  chocolate com pimenta, marzipan e amaretto, entre outros. Continue Lendo…

Postado em Edimburgo, Escócia, Restaurantes
18.03
2012

Os jardins do Castelo de Edimburgo

Um dia eu estava caminhando à toa pelo Princes St Gardens, e de repente vejo um homem descendo dos rochedos do Castelo de Edimburgo! Pronto, essa cena foi motivo suficiente para me deixar curiosa!

Eu que já tinha lido e relido mil vezes praticamente todos os sites relacionados a Edimburgo, nunca tinha visto nada sobre esse lugar em específico! Continue Lendo…

Postado em Atrações turísticas, Edimburgo, Escócia
16.03
2012

EXPO – Feira de Intercâmbio, em Curitiba

Terça-feira aconteceu aqui em Curitiba a EXPO Estude no Exterior, uma das maiores feiras relacionadas a intercâmbio que acontecem em várias cidades do Brasil todos os anos, sempre no mês de março.

Essa foi a segunda vez que estive na Feira (a primeira foi em 2008), e acho uma boa oportunidade para conhecer as várias opções de cursos em universidades, opções de high school, agências de intercâmbio, escolas de idioma, como retirar um visto de estudos e trabalhos remunerados ou apenas estágios. Continue Lendo…

Postado em Brasil, Curitiba
Página 1 de 212