19.04
2012

That calls for a… Carlsberg!

Em nosso ultimo dia na Dinamarca, não poderiamos deixar de conhecer a fábrica da Carlsberg, uma das maiores cervejarias do país. A fábrica fica relativamente afastada do centro de Copenhagen e pra não perder tempo, pegamos um táxi para ir até lá.

Como chegamos cedo, quando começamos o tour parecia que só nos estavamos lá, mas a medida que fomos caminhando, fomos encontrando outras pessoas pelo edifício.

A visita começa pela sala onde estão todas os cartazes, propagandas, comerciais de tv, painéis, enfim, tudo o que engloba a parte de divulgação da marca. Inclusive, estão expostas algumas camisetas de times que já foram patrocinados pela Carlsberg.

 

Logo chegamos na parte mais “desejada” do lugar, a sala onde estão em exposição a coleção de garrafas de cerveja tanto da Carlsberg como de outras marcas. São mais de 15 mil garrafas, e isso até rendeu um lugar no Guinness Book, como a maior coleção de garrafas de cerveja do mundo. Legal, né?!?! Deve ter dado o maior trabalho pra ter essa coleção organizadinha por ordem alfabética de acordo com o nome do país.

Lá estão praticamente todos os exemplares de cervejas já produzidas pela Carlsberg, assim como de outras cervejas, a coleção conta com os mais variados tipos de cerveja, com garrafas com vários formatos e isso sem contar nos rótulos, rótulos escritos em todos os idiomas que se imaginar.

Como uma cervejaria-museu que se preze, não poderia faltar a ala em que conta um pouco a história de como a cervejaria foi fundada e quem foi o seu fundador.

A Carlsberg foi fundada em 1847, por J.C Jacobsen, mas a marca só “apareceu pro mundo” em 1883, quando a cervejaria desenvolveu uma forma de cultivar leveduras para serem usadas na fermentação da cerveja do tipo lagers. E desde então a marca não parou mais de crescer e hoje a cervejaria está entre as maiores do mundo.

No tour também aprendemos como são selecionados os ingredientes, vemos como funciona o processo de produção da cerveja e até tem uma ala que mostra como o sistema de distribuição da cerveja mudou ao longo dos anos.

No inicio, a distruição era apenas local, e eram usados cavalos para carregar as centenas de barris produzidos por mês. Depois, com o fim da Segunda Guerra Mundial, os problemas de distribuição de combustiveis aumentaram, e os cavalos continuaram sendo uma boa forma de manter a distribuição do produto na região. Hoje em dia, os cavalos não desempenham mais nenhuma função nesse sentido, é claro, mas eles foram mantidos ali devido a sua importancia na história da empresa.

Como forma de mostrar a importancia que um dia os cavalos já tiveram na história da empresa, nos passamos pelos estábulos onde estão alguns cavalos, que são mantidos ali, desde a fundação da empresa.

E como nem só de cerveja a Carlsberg “sobrevive”, quando estamos nos deslocando de um pavilhão para o outro, passamos por um pequeno jardim cheio de esculturas. A que mais chama atenção é uma cópia da estátua “Pequena Sereia” obra de Edvard Eriksen, que foi doada por J.C Jacobsen como presente a cidade de Copenhagen.

No final do tour, passamos por uma lojinha de souvenirs bem legal. Ali da pra encontrar realmente tudo o que se imaginar com a marca Carlsberg. Eu comprei um moleton e uns cartões postais (tem um mais bonitinho que o outro, todos tema das campanhas publicitárias da marca ao longo dos anos).

Mas para terminar meeesmo o passeio, chegamos na parte mais esperada do tour: a degustação de cervejas! São 5 opções para escolher, entre os vários tipos de cerveja (ale, lagers) tanto da Carlsberg como da Tuborg. O ticket dá direito a provar apenas duas! Como nos estavamos em 4 pessoas, cada um pegou uma 1 de cada, e as que a gente mais gostou, repetimos.

A fábrica da Carlsberg abre de terça a domingo (segunda-feira está fechado).

Bruna Bartolamei
Siga-me

Bruna Bartolamei

Catarinense, mas já morou em Curitiba (8 anos) e em Edimburgo, a capital da Escócia (quase 2 anos). Criou o blog pra contar um pouco mais sobre como foi o seu intercâmbio na terra dos Kilts e das Gaitas de Fole, e também, sobre suas viagens pelo mundo.
Bruna Bartolamei
Siga-me
Postado em Copenhague, Dinamarca - ,
Compartilhe
Deixe um Comentário
2 comentários em "That calls for a… Carlsberg!"
  1. Raul Bartolamei   19/04/12 • 16h10

    q trago as 11 da manha hehehehe

  2. Bruna   19/04/12 • 18h29

    Nem lembre desse detalhe. Sair sem café da manhã deu nisso, mas tbm.. Pra mim e pra vc foi bom né!!! Lembra que a gnt tava com um dos pés estrupiados?? Anestesiou!! hehehehe

Blog Membro RBBV
Contando as Horas
Edimburgo! 💛💛💛
.
Se quando eu estava no Brasil e precisava atravessar o Atlantico, eu sempre estava por aqui, agora morando em Portugal, eu vou aparecer com muito mais frequência.
.
Como sempre, foi pouco tempo, mas o suficiente pra amenizar a saudade.
.
Melhor presente de aniversário (antecipado) que eu poderia dar a mim mesma. 😁😁😁 (Olha que a conversão não ta nada favorável: 1,00 libra = 5,14 reais 🤯).
.
Em 2020, eeeuu volto! 🏴󠁧󠁢󠁳󠁣󠁴󠁿💙☺️
.
📍Edimburgo, Escócia
.
#castelodeedimburgo #edinburghcastle #edimburgo #edinburgh #escocia #scotland #visitacotland #escocia2029 #eurotrip #outono #fall #autumn #loveautumn #proximaviagem #amoviajar #mulheresviajantes #travelgirl #essemundoenosso #meusroteirosdeviagem #brasileirosnaescocia #viagens #sourbbv #viajar #travel #picoftheday #helloescocia
#tbt Ano passado, exatamente nesse dia, eu chegava em Lisboa para colocar em prática tudo o que havia planejado nos meses anteriores.
.
Para quem tiver interesse em vir para Portugal com o visto D2 (visto de empreendedor), basicamente é necessário seguir os seguintes passos:
- Tirar o NIF (equivalente ao CPF no Brasil), nas Finanças ou na Loja do Cidadão. Precisa ir junto um cidadão português ou um estrangeiro, desde que possua a AR.
- Abrir uma conta pessoal (em pt-pt pessoa singular).
- Arrumar um contador (em pt-pt contabilista).
- Fazer a constituição da empresa no modelo “Empresa na Hora” na Loja do Cidadão (dar inicio na atividade, fazer a ata da empresa, assinar mil coisas, entre outros procedimentos).
- Abrir uma conta pessoa jurídica (pt-pt pessoa coletiva).
** Entre esses procedimentos, sao necessarios alguns dias. Se quiser aproveitar pra passear, é o momento. Eu fui a Rússia e a Escócia , enquanto aguardava ter tudo pronto para a Segurança Social.
- Fazer os procedimentos na Segurança Social.
** Nesse periodo, ja aproveite pra ir fazendo o plano de negócios (necessário para apresentar no Consulado no momento que for solicitar esse tipo de visto).
.
📍Azenhas do Mar, Portugal 🇵🇹
.
#azenhasdomar #oceanoatlantico #portugal #turismodeportugal #visitportugal #vidaemportugal #travelgirl #viajemais #essemundoenosso #mulheresviajantes #brasileirosemlisboa #instaviagem #viagemeturismo #cahemportugal #mar #meusroteirosdeviagem #sourbbv #revistaqualviagem #amoviajar #viajar #brasileirosemportugal #trabalharemportugal #eurotrip2019 #portugalovers #moraremportugal #vistod2 #arportugal #vistod2portugal #vidaemportugal #instaportugal
Parece que foi ontem, mas hoje completa 6 meses desde que cheguei em Portugal. 🇵🇹
.
Eu poderia fazer uma lista (interminável) de tudo que já fiz nesse tempo, mas pensei melhor e resolvi falar sobre o idioma.
.
- Os portugueses atendem ao telemóvel falando “estou”, e nós atendemos o celular falando “oi”.
- Eles falam partilhar e nós falamos compartilhar.
- Eles dizem frigorífico, e nós geladeira.
- Os portugueses vão a casa de banho, os brasileiros vão ao banheiro.
- Eles atravessam a rua na passadeira, e nós na faixa de pedestres.
- Os portugueses compram sandes, gelado e sumo, e nós sanduiche, sorvete e suco.
- Eles tomam chá em uma chávena, nós tomamos chá em uma xícara.
- Eles dizem súshi e nos, sushí.
- Os portugueses são giros (estou fazendo uma moral 😅😅😅), os brasileiros são gatos.
- As portuguesas são fixes, as brasileiras são legais.
- As portuguesas usam cuecas (essa é difícil de acostumar hahaah), e as brasileiras usam calcinhas.
- Os portugueses dizem que fizemos perguntas parvas, e nós dizemos que eles respondem idiotices.
- Os portugueses dizem gajo e rapariga, e nós (no sul do Brasil) guri e guria.
- Eles andam de métro, autocarro, electrico e comboio, e nós de metrô, ônibus, bondinho e trem.
- Aqui as coisas são “sem piada”, no Brasil, as coisas são “sem graça”.
- Em Portugal existem jogadores chamados de guarda-redes e avançados, no Brasil são chamados de goleiros e atacantes.
- Em Portugal eles gritam golo, no Brasil gritamos gol.
- Em Portugal os jogadores usam camisola (ahahah essa tbm é dificil de acostumar), e no Brasil, camisa.
- Eles metem um “gosto” nas fotos do Ig e Facebook, nos colocamos um “curtir”.
.
Com certeza já aprendi muitas outras palavras, mas agora lembrei dessas.
.
Como dá pra perceber nessa listinha que vos (primeira vez que uso essa palavra na vida 🤣🤣🤣 nem sei se estou usando certo) escrevi, a língua portuguesa é igual, mas é diferente. 😅😅
.
Ah! E as despedidas: por email, sempre são com “melhores cumprimentos“, que substitui o famoso “atenciosamente” no Brasil, e por telefone (ainda tambem não me acostumei com essa) eles dizem: “com licença, beijinhos”.
.
Que venham os próximos 6 meses!
🇵🇹🇵🇹🇵🇹🇵🇹🇵🇹🇵🇹
.
📍Portugal 🇵🇹
50 tons de verde! 💚
.
Parece que estou sozinha no parque, mas 20 segundos depois passou por aqui um milhão de chineses. 😅😅😅
.
📍Plitvice, Croácia 🇭🇷
.
#plitvice #plitvicelakes #lagosplitvice #plitvickajezera #croacia #croatia #eurotrip #outono #nature #lakes #portugal #tapportugal #croatiaairlines #amoviajar #mulheresviajantes  #travelgirl #essemundoenosso #meusroteirosdeviagem #brasileirosnaeuropa #brasileirosnacroacia #viagens #travelphotography #sourbbv #viajar #travel #europa #picoftheday #euamoviajar #trilhas
Minha primeira viagem depois de me mudar para Portugal é para... Croácia! 🇭🇷😁 Achei uma passagem com preço bom e resolvi comprar de última hora.
.
Esse voo de Lisboa para Zagreb (capital da Croácia) é recente, existe desde abril desse ano. De Zagreb até aqui, o trajeto de ônibus/autocarro é feito em mais ou menos 2 horas.
.
Essa é minha 3x na Croácia, e dessa vez vim conhecer uma das maiores atrações do país: o Parque Nacional dos Lagos de Plitvice.
.
São 16 lagos e 4 tipos de trilhas, mas eu fiz as trilhas B e C (cor verde). Uma percorre os Lower Lakes e a outra, os Upper Lakes. Nem tudo fiz a pé, existe passeio de barco e ônibus/autocarro que percorrem algumas partes.
.
Dois dias são suficientes para conhecer as principais partes. E sééério, venham no outono. A cada 3 passos uma foto! 🍁🧡
.
📍Plitvice, Croácia 🇭🇷
.
#plitvice #plitvicelakes #lagosplitvice #plitvickajezera #croacia #croatia #eurotrip #outono #fall #autumn #loveautumn #nature #lakes #proximaviagem #portugal #lisboa #tapportugal #croatiaairlines #amoviajar #mulheresviajantes #travelgirl #essemundoenosso #meusroteirosdeviagem #brasileirosnaeuropa #viagens #sourbbv #viajar #travel #europa #picoftheday
No terceiro (e último dia) fizemos a trilha nos Passadiços do Paiva.
.
Essa trilha tem mais ou menos uns 8 km, e a maior parte do percurso é feita nessas estruturas de madeira que foram construídas ao longo da margem esquerda do rio Paiva.
.
Existem dois pontos de início: em Areinho e Espiunca. Nós optamos por começar em Areinho, pq apenas os primeiros 30 minutos são subida e o restante do trajeto é descida ou linha reta.
.
Pelo caminho encontramos cascatas, praias fluviais e falhas geológicas.
.
A entrada no parque é limitada e paga. Se comprar o bilhete pela internet sai mais barato (2,00 euros) e não corre o risco de ir até lá e não conseguir entrar no parque.
.
📍Passadiços do Paiva, Portugal 🇵🇹
.
#arouca #areinho #espiunca #passadiçosdopaiva #aroucageopark #turismocentrodeportugal #turismodeportugal #visitportugal #vidaemportugal #travelgirl #viajemais #mulheresviajantes #essemundoenosso #meusroteirosdeviagem #brasileirosemportugal #instaviagem #viagemeturismo #agenciadeviagem #amoviajar #viajar #summer #verao #veraoeuropeu #moraremportugal #viveremportugal #viajarfazbem #vamosviajar #travelphotography #portugaltrip #portugal2019
Contando as Horas