28.10
2012

O que fazer em 48 horas em Edimburgo?

Uns meses atrás eu escrevi um post com sugestões para quem tem apenas 24 horas na cidade. Eu sei que é um roteiro corrido e acho que Edimburgo merece um pouco mais de atenção. Então, continuando a série de sugestões de roteiros, nesse post vou escrever o que eu faria se tivesse apenas dois dias inteiros pra conhecer Edimburgo.

Normalmente a maioria dos hotéis e hostels estão a uma curta caminhada da Princes Street, então sempre acho legal começar qualquer roteiro por aqui.

Dia 01

A Princes Street é uma rua cheia de lojas e cafés de um lado e do outro lado da rua é onde fica o Princes Street Gardens. O parque é dividio pelo The Mound em duas partes, o East Princes Street Gardens e o West Princes Street Gardens. O parque é um ótimo lugar pra uma caminhada, pra bater fotos do Castelo de Edimburgo e pq não, se der sorte, vai ser possível até encontrar um ou vários esquilinhos por lá e se divertir por alguns minutos tentando bater foto deles. E eu já aviso, não é nada fácil.. eles são muito ligeiros!

Quem se interessar, no The Mound existem 3 museus: o Royal Scottish Academy, logo atrás fica a National Gallery of Scotland e subindo a colina, ainda é possível visitar o Museum on the Mound.

Seguindo pela Princes Street, já vai dar pra ver o Calton Hill de longe. Mas pode ficar tranquilo, pq o tempo de caminhada até lá é curto, uns 10 minutos mais ou menos.

Eu já apresentei o Calton Hill nesse post aqui, então, além de ver os monumentos, ainda podemos dar quase que a volta completa ao redor da colina. E olha, rende ótimas fotos de toda a cidade!

Saindo do Calton Hill pelo mesmo lugar que entramos, dá pra seguir caminhando pela Regent Road, um pouco mais a frente fica o St Andrews House, sede de algumas repartições pública do Governo Escoces.

Seguindo por essa rua, no lado direito vamos ver o Old Royal High School que é sede de outras repartições publicas, mas dessa vez relacionadas a prefeitura da cidade. Caminhando pelo lado esquerdo dessa rua, vamos ter ótimas vistas tanto da Old Town como da residência da Rainha Elizabeth, quanto do Holyrood Park e o Arthur’s Seat.

Um pouco antes de dobrar a direita para ter acesso a parte baixa da cidade, vamos ver o Burns Monument, um monumento que só abre no mês de setembro, em dias especificos, pois faz parte do evento Doors Open Days que acontece por todo o Reino Unido. Esse evento permite que as pessoas conheçam lugares que normalmente não estão abertos ao publico em geral durante o ano todo.

A primeira rua que aparecer e que der pra dobrar a direita, é ali mesmo que temos que ir. A primeira vista a area vai parecer meio estranha, mas pode ficar despreocupado, é bem tranquilo caminhar por ali.

Depois de passar por baixo de um viaduto, vamos sair na parte detrás do Palácio de Holyrood. O Palácio é a residência da Rainha Elizabeth II e de toda a familia real britanica quando estão em Edimburgo. Normalmente dá pra visitar, exceto quando qualquer membro da familia real está hospedado ali. No complexo, podemos visitar além do Palácio em si, as ruinas da Holyrood Abbey e a Queen’s Gallery.

Saindo do Palácio, bem em frente fica o edificio que até destoa na paisagem. Esse edificio de traços modernos é o Parlamento Escoces. Quem tiver interesse, ele também está aberto a visitação e a entrada é gratuita.

E pra terminar o dia em grande estilo (e se o tempo permitir), seria bem interessante subir uma das trilhas do Arthur’s Seat, de preferencia a que fica pro lado em que está a cidade, e la do alto, sentar e esperar o por do sol. Tenho certeza que vai render ótimas fotos!

A noite, existem vários pubs e restaurantes legais pra ir em Edimburgo. Se quiser algo mais tranquilo e sem muitos e muitos turistas indico ir até a Rose Street, agora se quiser algo mais movimentado, o ideal é ir até um dos vários pubs da Grassmarket.

Dia 02

Pra quem achou que eu tava ficando louca e ia deixar o Castelo de Edimburgo de fora do roteiro, pode se tranquilizar.

O segundo dia deve começar com uma caminhada até a Royal Mile, onde em uma das suas extremidades se encontra o Castelo de Edimburgo. A visita é paga, existe a opção de alugar um audio-guide pra facilitar o aproveitamento da visita.

Como o castelo não é formado somente por um edificio, eu reservaria pelo menos umas 3 horas pra visitar todo o complexo onde está o castelo. Ali podemos ver as joias da coroa escocesa, a Pedra do Destino que era o local onde os Reis e Rainhas escoceses eram coroados, além conhecer um pouco mais sobre as tradições militares escocesas. Também recomendo muito procurar pelo Castle View, de onde dá pra ver Edimburgo por completo e até o Firth of Forth (aquele “braço”de agua do mar do norte que invade as terras escocesas).

Saindo do castelo, duas otimas opções que ficam praticamente uma em frente da outra são: o Tartan Weaving Mill e o Scotch Whisky Experience. No Tartan Weaving Mill é possivel aprender um pouco sobre os tartans, os kilts e os clãs escoceses. E já que estamos respirando cultura escocesa, pq não visitar o unico museu sobre o principal produto escoces: o whisky.

Descendo pela Royal Mile, vamos passar por muitas e muitas lojinhas de souvenirs e lojas que vendem cashmere.

Dobrando a direita na rua antes de chegar na Catedral de St Giles, se seguirmos por ali vamos passar pela National Library of Scotland.. um pouco mais a frente, no lado direito, fica o Elephant House, um dos lugares mais famosos de Edimburgo. Foi ali que JK. Rowling costumava passar suas tardes tomando chá e escrevendo os livros da série Harry Potter.

Na proxima rua a esquerda, fica o National Museums of Scotland. São dois museus, o primeiro, um predio redondo mais moderninho é onde podemos ver objetos e coisas que pertenceram aos reis e rainhas escoceses.

No predio ao lado, de arquitura mais clássica, é onde fica o outro museu que faz parte desse complexo. Os dois principais destaques desse museu são: a arquitetura do seu hall principal e o clone da ovelha Dolly (fica no primeiro andar).

Voltando pela mesma rua, seguimos o passeio até a Catedral de St Giles, uma das principais igrejas da cidade. A visita é gratuita.

Pra quem gosta de ghost tour, nos arredores dessa igreja ficam varios cartazes e pessoas oferecendo seus ghosts tour, alguns acontecem somente em inglês, mas também existe outras opções de idioma.

E sem esquecer que logo ali do outro lado da rua fica o close mais famoso da cidade, o Mary`s King Close, o top dos ghost tours da cidade.

Pra finalizar o dia, existem vários pubs ao longo da Royal Mile, é só escolher um, pedir um fish and chips e aproveitar o resto da noite!

** Precisando de hotel em Edimburgo? Inicie as pesquisas aqui.

** Precisando de seguro viagem? Inicie as pesquisas aqui.

** Precisando alugar um carro? Inicie as pesquisas aqui e/ou aqui.

Se você gostou das dicas, ao reservar hospedagem, seguro viagem e aluguel de carro aqui pelo blog, nós ganhamos uma pequena comissão, mas você não paga nada a mais por isso. Obrigada! :D

Posts relacionados:

Todos os posts sobre a Escócia

Todos os posts sobre Edimburgo

Todos os posts sobre Glasgow

Todos os posts sobre as Highlands

Siga o Blog Contando as Horas nas redes sociais:

no Instagram: @brunabartolamei

e curta nossa fanpage no Facebook: facebook.com/ContandoAsHoras

Bruna Bartolamei
Siga-me

Bruna Bartolamei

Catarinense, mas já morou em Curitiba (8 anos) e em Edimburgo, a capital da Escócia (quase 2 anos). Criou o blog pra contar um pouco mais sobre como foi o seu intercâmbio na terra dos Kilts e das Gaitas de Fole, e também, sobre suas viagens pelo mundo.
Bruna Bartolamei
Siga-me
Postado em Edimburgo, Escócia, Roteiros
Booking.com
  1. […] | da inglaterra à suíça | LINK 166. @contandoashoras | o que fazer em 48 horas em edimburgo? | LINK 167. @contandoashoras | escócia inglaterra suécia dinamarca e holanda | LINK 168. […]

  2. Marcos Hansen 13/01/2013 | 01:32

    Olá Bruna! Antes de mais nada, muito legal o teu blog. Estou indo para Edinburgh no início de abril/13 e gostaria de saber sobre excursões para as Highlands. Você tem alguma dica de agência ou dá pra fazê-las por conta mesmo! Abraço.

    • Bruna 13/01/2013 | 17:30

      Oi Marcos,

      Obrigada!! =))

      Eu fiz esse passeio com uma agência, inclusive já escrevi um post sobre esse assunto, não sei se vc já viu?!?!
      http://contandoashoras.com/2011/08/18/day-trip-para-o-lago-ness-glencoe-e-the-highlands/

      Mas existem muitas outras empresas que oferecem esse mesmo passeio, talvez com alguma coisinha ou outra diferente, mas basicamente a viagem é a mesma, como por exemplo a Rabbies, a Timberbush Tours, a Haggis Adventures (essas q eu lembro de cabeça agora).. Mas existem muitas outras, claro! Ah, e a própria empresa que eu fiz o passeio, a Scotline Tours.

      Inclusive vc me deu uma boa opção de assunto para um próximo post!! =))

  3. Thay 09/08/2014 | 16:20

    Olá bruna tudo bem?? eu amo seu blog, e li os dois posts sobre Edimburgo, um sobre o que fazer em 24 horas e outro sobre o que fazer em 48 horas, a questão é que eu tenho um dia e meio hehe, na verdade dois, mas não são inteiros, tenho uma noite, um dia inteiro, e uma manhã, pois a tarde umas 15:10h será nosso voo para Lisboa, qual sua dica de passeios? hehe fiquei bem perdida, obrigada, bjs.

    • Contando as Horas 10/08/2014 | 20:01

      Oi, Thay

      Vc pode seguir qualquer um dos roteiros, dá pra vc fazer tranquilamente. O que vai interferir é o que vc vai querer visitar realmente, pq é impossível visitar tudo em apenas 1 dia. Então vc teria que priorizar isso. Escolhe o que mais te interessou, tipo: algum museu ou o castelo ou o palácio ou o parlamento. Eu aconselho vc escolher apenas duas, pra não comprometer o restante do roteiro.

      Obrigada pela visita aqui no blog!! =D

  4. Thay 13/08/2014 | 23:30

    Obrigada pela dica, hehe tem algum passeio que eu possa fazer a noite? :)

  5. Thay 06/09/2014 | 23:14

    Não amiga não tenho essa coragem, já fiquei com medo só de pensar hehehehe

    • Contando as Horas 08/09/2014 | 05:02

      Oi, Thay

      Hahaha Eu tbm! Tenho pavor desse tipo de tour. Chego a ter pesadelos a noite! :DD

  6. Letícia 10/09/2014 | 14:57

    Oi Bruna! Obrigada pelas dicas!
    Queria te perguntar se é possível visitar as Highlands em 2 dias e meio lá.
    Chego no horário de almoço em Edimburgo, vindo de trem de Londres e ficaremos 2 dias e meio (2 noites).
    Beijos

    • Contando as Horas 10/09/2014 | 19:47

      Oi, Leticia

      Depende o que vc quer fazer. Se for só visitar Inverness, Lago Ness e passar rapidamente pela Ilha de Skye, até é possivel sim. Ficará meio corrido, mas se programar direitinho, pode ser possivel. O ideal mesmo seria ter pelo menos 3 a 4 dias.

  7. Thiago Rodrigues 13/11/2014 | 03:11

    Montei todo meu cronograma de 2 dias e 1 tarde seguindo suas dicas. Extremamente útil e bem escrito. Muito obrigado!

    • Contando as Horas 13/11/2014 | 13:29

      Oi, Thiago

      Muito obrigada pelo comentário, sempre bom receber um feedback positivo. Aproveite bastante Edimburgo, essa cidade é espetacular.

      Obrigada pela visita aqui no blog!

  8. Isabella Caldeira 09/12/2014 | 11:08

    Você saberia me dizer se essas atrações ficam abertas aos domingos? Obrigaada!

    • Contando as Horas 10/12/2014 | 01:08

      Oi, Isabella

      Assim de cabeça eu não sei te dizer com certeza, mas vc pode olhar site por site dos lugares que te interessa e verificar. O Castelo de Edimburgo abre aos domingos, já o Palácio de Holyrood depende muito da presença da familia real na cidade e as igrejas abrem, porém vc deve ir na parte da tarde, pois de manha, normalmente tem missa e eles não deixam turistas entrarem.

  9. Fabricio Mello 11/02/2015 | 15:34

    Bruna,

    Voce recomenda fazer o passeio para Highlands/Inverness a partir de Edimburgo (bate e volta) por alguma agencia ou ir por conta (trem ou ônibus) e ficar hospedado em Inverness? Quantos dias é suficiente para as Highlands?
    Antecipadamente grato!

    • Contando as Horas 13/02/2015 | 01:38

      Oi, Fabricio

      As Highlands apesar de não parecer, é uma região enoooorme. Depende muito do que vc quer fazer lá. Se for só conhecer o principal, tipo: Inverness, Lago Ness, Eilean Donan Castle dois dias. Se vc quiser esticar até a ilha de Skye, aconselho mais dois dias. Se vc quiser conhecer destilarias de whisky, fazer a rota dos castelos na costa leste, vc vai precisar de mais uns 3 dias pelos menos tbm. É tudo muito relativo.

      • Fabricio 30/04/2015 | 21:43

        Oi Bruna obrigado pelas dicas. Ja programei minha viagem para final de maio/2015. Vou ficar 3 noites em Edimburgo e 2 noites em Inverness, incluindo um passeio day trip para Ilha de Skye. Depois irlandas…

        • Contando as Horas 04/05/2015 | 11:00

          Oi, Fabricio

          Legal! No geral, acho que assim fica bem tranquilo. Talvez a ilha de Skye fique meio corrido, mas isso é relativo, pq depende muito do que vc tem interesse em conhecer, claro. :D

  10. Maria 15/03/2015 | 14:58

    Oi! Adorei o roteiro (:

    Ando um pouco em dúvida. Irei para Edimburgo agora finalzinho de março. Terei uma tarde e mais dois dias inteiros na cidade.
    Estou na dúvida se fico esses dois dias e meio apenas em Edimburgo ou se uso um dos dias para fazer um passeio pelo Lago Ness e Highlands.

    Você sabe me dizer se esses passeios de um dia valem muito a pena? E se a paisagem do Lago Ness/Highlands é imperdível?

    Quando eu fui para a Irlanda eu fiz um passeio desses bate-volta para os Cliffs e com certeza valeu a pena pelas paisagens… mas o tempo de ônibus é bem cansativo.

    Beijos! Parabéns pelo blog (: está me ajudando muito nessa viagem

    • Contando as Horas 16/03/2015 | 23:07

      Oi, Maria

      Olha, eu sou muito suspeita em falar qualquer coisa da Escócia. Mas na minha opinião, vale a pena sim fazer um passeio de bate-volta as Highlands, nem que seja pra vc ver um pouquinho das paisagens, que são muito bonitas.

      Em Edimburgo, se vc se organizar bem, em 1 dia inteiro e mais uma tarde vc consegue ver bastante coisa na cidade, já que é tudo muito perto.

  11. Cristina Helena Almeida 05/05/2015 | 20:14

    Boa noite Bruna
    Em primeiro lugar parabéns pelo blog, muito elucidativo, prático e direto!
    Gostaria da sua ajuda em dois aspectos, primeiro a indicação de um restaurante para comemorarmos o aniversário de meu marido em Edimburgo , que será no dia 3/8/2015 , não vale o do Jamie Oliver … O outro ponto e o seguinte , vou alugar um carro e vou de Edimburgo até Inverness onde fico 3 dias inteiros, mais o dia da ida e o dia da volta da viagem, qual melhor estrada, quais os lugares imperdiveis no caminho , visto que não temos hora de chegada e pelo que sei o visual e deslumbrante ,existe um jeito de ir por um local e voltar por outro? Me indica algum local para pesquizar sobre isto ! Desde já agradeço, abraços .Cristina Helena.

    • Contando as Horas 06/05/2015 | 19:52

      Oi, Cristina

      Obrigada!! :D

      Eu indico o The Whitchery (já escrevi sobre ele aqui no blog – aconselho a reservar com bastante antecedencia, o lugar é pequeno e lota rapido), Castle Terrace, Ondine, Angel with Bagpipe, entre outros. Da uma olhada e vê se algum desses te agrada.

      Vc pode ir por um caminho e voltar por outro diferente. Apesar de eu nunca ter dirigido no UK, eu te indicaria ir via Glasgow/Fort Augustus/Fort William e voltar via costa leste, passa do por Stonehaven, St Andrews, alguns vilarejos a beira mar, Dundee (Glamis Castle), Perth (Scone Palace), Forth Bridges.. Ou vice versa, claro.

  12. Cristina Helena Almeida 18/05/2015 | 15:13

    Bruna muito obrigada pela resposta!
    Abraços
    Cristina Helena

  13. Marília 16/10/2015 | 13:01

    Bruna, estou amando cada dia mais o Blog, irei à Glasgow na próxima semana e estou usando todos os seus roteiros como guia. Vou aproveitar 02 dias livres em Glasgow e irei conhecer Edimburgo, irei de ônibus. A Estação é próxima dos pontos do roteiro ou terei que utilizar algum transporte para chegar lá?

    • Contando as Horas 17/10/2015 | 18:39

      Oi, Marilia

      Obrigada pelo comentário!! Fico feliz que esteja gostando do blog! Então, se vc parar na Edinburgh Bus Station, ela fica no centrão da cidade. Ela fica do lado do Multrees Walk, em frente a St Andrew Square e a 1 quadra da Princes Street e se vc subir pela North Bridge, vc já sai na Royal Mile, é só atravessar essa ponte e vc já está lá. Bem tranquilo!

  14. Thamara 10/11/2015 | 19:27

    Oi Bruna! Estou pesquisando para ir para Edimburgo dia 23/dez e voltar dia 25/dez com meu namorado. O voo sairia de Dublin bem cedo (6h30) e voltaria mais tarde na volta (20h15) pra gente poder aproveitar bem os dois dias. As passagens ficariam 87 euros na ryanair e o hotel seria o Cityroomz Edinburgh por 127 euros as duas diárias. O hotel fica bem no centro e tem boa pontuação no booking.com.. Queremos entrar no Castelo (óbvio hehe) então gastaríamos mais 33 euros com a entrada. Imagino gastar uns 150 euros com comida e uma possível lembrancinha. No total ficaria 400 euros a viagem para nós dois juntos. O que você acha? É um valor bom? Caro? Muito obrigada desde já!!

    • Contando as Horas 12/11/2015 | 15:26

      Oi, Thamara

      Dois dias é o tempo minimo pra conhecer Edimburgo, menos que isso fica muito corrido, na minha opinião.

      Esse hotel, o Cityroomz fica na Shandwick Place, a rua que é tipo uma continuação da Princes Street. A localização é ótima. Antigamente tinha outro hotel lá, agora nessa ultima vez q estive em Edimburgo, vi que era esse hotel. Imagino que tenha passado por uma reforma, então as instalações devem ser novinhas.

      Olha, teoricamente 150,00 euros pra comida eu imagino que dá, se vocês forem em pubs e tal. Tem ótimas opções na Grassmarket (os mais turisticos), mas tbm tem outros legais em Stockbridge, Rose Street, Porto de Leith…

      Acho que os gastos estão na medida, mas sempre é bom levar um pouco a mais pra garantir, afinal, tem o Palácio de Holyrood que vcs tbm podem visitar (é pago!), tem o transporte do aeroporto ao centro da cidade e vice-versa, esse tipo de coisa. Mas é por ai mesmo!

      Obrigada pela visita aqui no blog!

  15. Cristina 13/04/2016 | 16:33

    Oi Bruna,
    Adorei as dicas, foram muito úteis, fiz um roteirinho básico pra não ficar perdendo tempo escolhendo os lugares. Saio de Londres de trem da King Cross bem cedo pra aproveitar os
    três dias, se der vou fazer um bate volta no domingo até ao lago, pois retorno só as 20h.
    Vou ter que confiar nessas excursões que os hotéis oferecem, você indica alguma de algum hotel específico, vou ficar no Thistle Edinburgh, The King James na Leith Street.
    Obrigada por tudo, pra quem viaja sozinha , me senti muito bem orientada! Bjs bjs!

  16. Adriano Stadler 29/05/2016 | 23:16

    olá
    ótimas dicas, estou indo amanhã pra Edimburgo.
    sou curitibano e estou morando em Glasgow há um mes pra fazer doutorado.
    vou aproveitar suas indicações.
    abraço
    Adriano

  17. Patricia 31/10/2016 | 20:54

    Olá, Bruna
    Parabéns pelo site!
    Meu namorado está morando em Edimburgo, irei dia 20/12, por duas semanas. Por favor, me dê dicas do que levar de roupa. Que tipo de bota? Tem que ter pêlo dentro? Galochas? Somente botas? É muito frio mesmo? Neva? O que tem para fazer na noite de réveillon? Moro no RJ, não tenho muita coisa para o frio, e não queria comprar muitas peças… Vc me ajuda? Se eu precisar comprar alguma coisa lá, vc tem loja para indicar, com bom preço? Obrigadao! Bj

  18. Patricia 31/10/2016 | 20:57

    Bruna,
    Botas tipo Ugg?

  19. Mabel 29/03/2017 | 21:45

    Olá Bruna, estou me organizando para ir a Edimburgo e de lá pretendo conhecer as Higlands (Inverness, Aberdeen, Fort William e Glasgow). quantos dias você considera necessários para este roteiro? Seria melhor hospedar-se em cada uma das cidades ou ficar em Edimburgo e fazer bate e volta até os outros locais? Ainda, é possível ir de Glasgow até Belfast, Irlanda?

    • Contando as Horas 29/03/2017 | 22:43

      Oi, Mabel

      Depende! Se vc for conhecer só as cidades, se vai conhecer mais atrações nos arredores, se vai fazer algum bate-volta. Nesse caso é melhor se hospedar em cada uma das cidades, exceto Edimburgo e Glasgow, que você pode fazer bate-volta, pois ficam bem perto. As outras cidades ficam um pouco mais longe entre si e dependendo do que você for fazer em cada uma delas, não vale a pena um bate-volta.

      Vc pode ir de Glasgow a Belfast de avião ou de ferry. Para ir de ferry eu só acho que vale a pena se vc tiver um roteiro bem folgado e se for no verão, pois o clima e as condições do mar podem mudar a qualquer momento e as travessias são canceladas.

Deixe o seu comentário...