22.08
2014

Alemanha: Roteiro de 1 dia em Colônia

Um dos motivos que me fez ir até Colônia era pq eu queria conhecer alguma cidade da Alemanha. A cidade que eu mais quero conhecer ainda é Berlim, porém, na época que eu morava em Edimburgo, a única empresa que fazia o trajeto direto entre as duas cidades era a Ryanair, com saída sempre as quintas e volta no sábado, o que tornava essa viagem inviável.

SONY DSC

Quando eu fui a Bruxelas pela segunda vez, eu resolvi incluir um bate-volta a Colônia. Pra quem não sabe, Colônia (Köln em alemão) é a quarta maior cidade do país e tem mais de 1 milhão de habitantes.

A cidade ficou famosa por ser o local onde foi criado a Água de Colônia, inclusive tem um museu na cidade que conta um pouco mais sobre a sua história.

01112011(033)

A melhor forma de ir até lá partindo de Bruxelas é pegar o trem Thalys. A viagem é direta (só teve duas breves paradas em Liége e Aachen) e leva aproximadamente 1 hora e 45 minutos. Em Bruxelas, o Thalys parte da estação de trem Bruxelas Midi (a mesma de onde parte o Eurostar) e em Colônia, o desembarque é feito na estação de trem Köln Hbf (existe outra estação na cidade, então é bom prestar a atenção pra não parar no lugar errado). Quem estiver hospedado próximo a estação de trem Bruxelas Central, pode comprar um “bônus” chamado “Any Belgian Station”, que permite pegar o trem em qualquer estação em Bruxelas e ir até a Bruxelas Midi com o mesmo ticket.

SONY DSC

Nessa viagem foi a primeira vez que andei nos trens Thalys. Esses trens são de alta velocidade e cobrem muito bem as capitais da Bélgica, Holanda, França e Alemanha. Pra quem tiver viagem marcada pra esses país, o deslocamento com esses trens pode ser uma ótima idéia. As classes nesses trens são classificadas em “comfort 1” (primeira classe) e “comfort 2” (segunda classe). Eu optei por ir de primeira classe, pois naquela época a diferença entre as tarifas não era grande, como ainda hoje em dia também não é. Em ambas as classes é necessário reservar os assentos.

01112011(011)

O trem partiu pontualmente no horário. A primeira classe não tava lotada. As poltronas são bem espaçosas, pareciam sofás. Na primeira classe os assentos estão dispostos nas configurações de 2-1, então eu sentei sozinha. Tem tomada, é servido lanchinho e bebida (já incluído no valor da passagem) e ainda, pra quem quiser, tem como pegar mesa entre as poltronas.

SONY DSC

Cheguei em Colônia um pouco depois das 11 da manhã em um dia chuvoso. Antes de chegar no continente europeu, eu passei uns dias em Londres e consequentemente não estava acompanhando as notícias. Somente quando desembarquei em Colônia que vi o estado em que a cidade se encontrava. O rio Reno tinha transbordado, diversas áreas as margens do rio estavam bloqueadas, o que já dá pra imaginar, estragou boa parte do meu passeio.

SONY DSC

SONY DSC

Ao sair da estação, a primeira coisa que vemos é o principal cartão postal da cidade, a imponente Catedral de Colônia. Mas eu não fui visitar ela de imediato. Como eu tenho costume de fazer em viagens de bate volta, eu sempre vou primeiro no lugar mais longe da estação de trem.

SONY DSC

SONY DSC

Isso quer dizer que, eu fui direto ao lugar que eu mais queria conhecer na cidade, o Museu do Chocolate ou Imhoff-Schokoladenmuseum, que fica bem no meio do rio Reno. Como eu disse, por conta da chuva e do rio transbordando, eu não pude visitar o museu. Imagine a minha cara de decepção ao ver o museu fechado e todos os acessos até lá bloqueados. Queria sentar e chorar. Isso que dá não acompanhar as notícias.

SONY DSC

Mas pra quem tiver interesse em ir até lá, esse museu conta a história do chocolate desde a sua origem (a mais de 3 mil anos atrás) até os dias de hoje e isso inclui os métodos de fabricação, os produtos usados, como as barras de chocolate são produzidas, entre outros.

SONY DSC

O museu tem uma fachada toda de vidro, que inclusive permite avistar de longe a sua maior atração, uma fonte de chocolate com mais de 3 metros de altura. Desde 2006, a Lindt & Sprüngli são sócios do museu, o que garante que a loja vai estar recheada de chocolates suíços também. Imagino eu!

SONY DSC

O tempo que eu tinha calculado pra visitar o museu e não foi usado, me permitiu dar uma voltinha maior pela cidade. Inclusive consegui fotografar outro símbolo da cidade, a ponte Hohenzollembrücke, que fica de frente pra estação central.

SONY DSC

Minha próxima parada foi na gigantesca Catedral de Colônia (Kölner Dom), considerada a principal igreja da cidade. Quando eu digo gigantesca, é pq ela é enorme meeesmo. Eu acho que foi a maior igreja que visitei até hoje, suas duas torres tem mais de 150 metros de altura. Tanto que quando ela ficou pronta, no final do século 19, ela era o maior edifício do mundo. Dá pra acreditar?

SONY DSC

SONY DSC

Mesmo com esse tamanhão todo, a igreja sobreviveu aos bombardeios sofridos durante a Segunda Guerra Mundial. Ficou danificada, precisou ser reconstruída, mas aguentou firme e não desmoronou. Já imaginou se a igreja tivesse sido destruída? Os mais de 600 anos de trabalho que levaram pra deixar ela pronta teriam sido em vão.

SONY DSC

A estrutura interna da igreja é muito bonita e imponente, o altar também é muito bem decorado, mas o grande destaque da igreja fica por conta do relicário feito totalmente de ouro guardando as relíquias dos Três Reis Magos.

Com isso, mais de 6 milhões de pessoas visitam a catedral todos os anos, fazendo com que ela seja uma das igrejas mais visitadas de toda a Alemanha!

SONY DSC

E por fim, um bom lugar pra passar o tempo (principalmente quando tá chovendo muito forte), é o centro de informação turística da cidade, que fica bem em frente a catedral e a estação de trem. Existem diversas opções de souvenirs pra comprar, uma coisa mais bonitinha que a outra.

SONY DSC

SONY DSC

Ainda, antes de pegar o trem de volta pra Bruxelas, eu tive tempo de fotografar a catedral e a ponte a noite. Aproveitei também pra comer salsicha e tomar uma cerveja Kölsch que comprei num mercadinho dentro da estação.

** Precisando de hotel em Colônia? Inicie as pesquisas aqui.

** Precisando de seguro viagem? Inicie as pesquisas aqui.

Se você gostou das dicas, ao reservar hospedagem e seguro viagem aqui pelo blog, nós ganhamos uma pequena comissão, mas você não paga nada a mais por isso. Obrigada! :D

Posts relacionados:

Todos os posts sobre a Alemanha

Todos os posts sobre Colônia

Siga o Blog Contando as Horas nas redes sociais:

no Instagram: @brunabartolamei

e curta nossa fanpage no Facebook: facebook.com/ContandoAsHoras

Bruna Bartolamei
Siga-me

Bruna Bartolamei

Catarinense, mas atualmente morando em Curitiba-PR. Já morou em Edimburgo, a capital da Escócia por quase 2 anos. Criou o blog pra contar um pouco mais sobre como foi o seu intercâmbio na terra dos Kilts e das Gaitas de Fole, e também, sobre suas viagens pelo mundo.
Bruna Bartolamei
Siga-me
Postado em Alemanha, Colônia
Booking.com
  1. Fernanda Scafi 24/08/2014 | 20:58

    Não sabia desse museu do chocolate, mas agora definitivamente aumentou o meu interesse em conhecer Colônia!!! hehehe Dica anotada!

    • Contando as Horas 24/08/2014 | 23:02

      Oi, Fernanda

      hahahaahha Sabe que eu também me interessei mais quando soube desse detalhe do museu do chocolate? =DDD

      Eu ainda quero voltar um dia em Colônia, pelo pouco que vi, achei a cidade legal. Pena que chovia muito naquele dia e tava tudo bloqueado. Foi uma pena!

  2. Josevana 29/08/2014 | 12:35

    Eu fui de Bruxelas para Colônia de ônibus pela bagatela de 9,90 euros. Viagem super confortável e tranquila! Pela Thalys estava por uns 60 euros, só um trecho.

    • Contando as Horas 31/08/2014 | 21:14

      Oi, Josevana

      Opa, legal! Obrigada por compartilhar a experiencia, assim fica uma alternativa pra quem quiser fazer esse mesmo trecho com outro meio de transporte!

  3. Guilherme Biazzi 16/09/2014 | 13:21

    Boa Tarde,
    Acha que vale dormir em Colônia? Estarei em Berlim.
    Obrigado,

    • Contando as Horas 17/09/2014 | 19:44

      Oi, Guilherme

      Depende muito de como vc organizou teu roteiro, mas no geral, eu acho que vale a pena sim.

      Obrigada pela visita aqui no blog! :D

  4. Mariana Oliveira 09/11/2014 | 10:01

    Olá Bruna!
    Estarei em Bruxelas daqui 2 semanas e também estou querendo fazer um bate e volta para Colônia.
    Você comprou as passagens de trem na hora ou antes pela internet?
    Acho que comprar pela internet é mais prático mas tem a questão da previsão do tempo!

    • Contando as Horas 09/11/2014 | 23:28

      Oi, Mariana

      Comprei umas semanas antes da viagem pela internet, pra garantir um preço melhor. O risco que se corre ao comprar pela internet antecipadamente e pagar mais barato é esse, o tempo. Vc tentou fazer simulações pra ver se o valor muda muito se comprar com semanas de antecedência e se comprar um dia antes?

      Eu sempre recomendo comprar tudo pela internet o quanto antes, particularmente eu prefiro, assim, alem de economizar um pouco, eu já viajo com tudo organizado e não perco tempo indo atras desse tipo de coisa durante a viagem.

  5. Hercília Oliveira 18/01/2015 | 12:28

    Olá Bruna…!
    Fiquei conhecendo hoje seu blog, e o acho muito interessante.
    E, já agora…, queria aproveitar seu conhecimento, pedindo-lhe o favor de me ajudar na seguinte informação:

    Estou planeando ir de Dusseldorf a Colónia em Março.
    Pelo que fui sabendo, a melhor forma de o fazer é de trem.
    O que gostaria de saber, é se realmente é esta a melhor forma, e qual o trem mais económico para o fazer, pois as viagens de trem na Alemanha não são baratas.
    Se me puder dar preços de trem e ónibus para fazer a comparação, muito lhe agradecerei.
    Desde já, o meu muito obrigada.

    Hercília

    • Contando as Horas 19/01/2015 | 01:15

      Oi, Hercília

      Eu acredito que seja sim a melhor forma. Vc pode optar por ir tbm de ônibus ou alugar um carro. O trajeto é curto, em torno de 30 minutos e é direto. Pelo que vi, os valores estão na faixa de 15,00 a 20,00 euros/trecho.

      A empresa de trens da Alemanha é a DB Bahn.. Vc pode pesquisar nesse site aqui:
      http://www.bahn.de/i/view/overseas/en/index.shtml

      Infelizmente nunca andei de ônibus entre cidades na Alemanha e nem sei nomes de empresas. Teria que pesquisar.

      Obrigada pela visita aqui no blog!

  6. Sonia Abreu 24/01/2015 | 14:05

    Adorei o site. Vou p/ alemanha em abril e visitarei Colonia , Berlim e Munich.
    Parto do Brasil p/ LUFTHANSA p/ FRANKFURT e saio do avião p/ um trem direto p/ KOLN..
    Estou um pouco apreensiva com esta forma de conecção, dizem q a mala vai diretamente p/ o trem .
    Vc conhece este serviço?????

    • Contando as Horas 25/01/2015 | 18:49

      Oi, Sonia

      Já ouvi falar, mas não conheço no sentido de ter usado. Infelizmente não vou poder te ajudar dando maiores detalhes.

      De qualquer forma, obrigada pela visita aqui no blog!

  7. iara de farias 14/04/2015 | 22:38

    nunca estive na alemanha e estava apreensiva com minha primeira noite ser em colonia. gostei de suas dicas. foi bom conhecer seu site. obrigada

    • Contando as Horas 15/04/2015 | 00:13

      Olá Iara,

      Fique tranquila, Colônia e Alemanha são bem seguras. Não há motivos pra se preocupar. Obrigada pela visita aqui no blog!

  8. Lilian 20/05/2015 | 17:34

    Olá Bruna ! Estou com viagem marcada para setembro, chego em Frankfurt às 15:00 e estou em dúvida se pego o trem e vou direto para Bruxelas ou passo a noite em Colonia, o que vc acha,vale a pena ? Obrigada e parabéns pelo blog !

    • Contando as Horas 20/05/2015 | 21:28

      Oi, Lilian

      Eu gostei bastante de conhecer Colônia, então eu te indicaria passar uma noite lá e conhecer um pouco da cidade no dia seguinte antes de seguir viagem a Bruxelas.

  9. Otto Fernandes 27/05/2015 | 11:01

    Bom dia Bruna, por sua única e exclusiva culpa estou inclinado a visitar Colônia quando estiver em Bruxelas. Acho que seria um ótimo bate e volta, já que as cidades são bem próximas né? Boa dica, mas lá vai mais um dia passeando… Obrigado e abçs.

    • Contando as Horas 27/05/2015 | 19:58

      Oi, Otto

      Olha, Colônia em um dia de chuva forte e alagamentos não é uma boa idéia, definitivamente. Alias, nenhum lugar do mundo seria. Mas assim, no inicio desse mes eu estive na Alemanha e fui novamente a Colônia, pq né, essa visita que deu origem a esse post nem contou, pq nao pude fazer nada decentemente.

      E posso te garantir, vale muito a pena ir lá! A cidade é super animada, muito bonita, organizada, limpa, enfim, eu não deixaria passar a oportunidade de conhecer Colônia de jeito nenhum! Vai sim, vc vai gostar!

  10. Olga Julia 19/08/2015 | 11:10

    Olá Bruna, vou a Bruxelas e farei umas cidades da Alemanha tbem. Estou com dificuldade em saber o melhor lugar pra dormir se Dusseldorf ou Colonia.Vc tem sugestão? Obrigada

    • Contando as Horas 22/08/2015 | 16:35

      Oi, Olga

      Depende do teu roteiro. Eu não fui a Dusseldorf, então não saberia te dizer. Mas em Colônia já estive por duas vezes e gostei bastante. Gostei também das opções de transporte publico pra outras partes da Alemanha. Dá uma pesquisada melhor nisso, pois assim vc consegue se decidir onde fica melhor se hospedar pra conhecer outras cidades da Alemanha.

  11. Therezinha 04/12/2015 | 16:11

    Adorei seus comentários e gostaria de saber se vc sabe se é mto longe ir de Groningen na Holanda para Colônia de trem
    Antecipadamente obrigada

    • Contando as Horas 07/12/2015 | 14:50

      Oi, Therezinha

      Então, nunca ouvi falar nessa cidade da Holanda, mas super longe não é, pois Amsterdam fica a umas 3 horas de Colônia de trem.

  12. ALBERTO MAGNO BAGETTI 02/09/2016 | 03:31

    Olá Bruna. O museu do chocolate fica a que distância da catedral ?

    • Contando as Horas 05/09/2016 | 17:51

      Oi, Alberto

      Não sei exatamente a distancia, mas acho que dava uns 15 min – 20 min no maximo de caminhada pela beira do rio.

  13. Jane azevedo 11/09/2016 | 14:19

    Oi Bruna ! Sempre e muitoooo bommm suas dicas de roteiros ! Adorei saber um pouco sobre Colonia ! Ficarei uma tarde e uma noite por la ! Espero nao encontrar o rio reno transbordando !! Hehehe… A Catedral e lindaaaa… a ponte tambem! O museu de chocolate, aiiiiiiiii… so de pensar, ja fico com agua na boca …. Obrigada!

Deixe o seu comentário...