05.04
2015

Beauty: Onde comprar produtos Moroccanoil em Edimburgo

No tempo que morei em Edimburgo ou sempre quando eu to viajando, eu costumo comprar alguns produtos de beleza pra testar. Geralmente compro a versão mini (ou a menor embalagem que tiver), vejo se eu gosto e dependendo da minha opinião, antes de voltar ao Brasil compro mais algum pra trazer pra casa.

Além disso, todo mundo que viaja pra fora do Brasil leva uma lista imensa de eletrônicos, acessórios, roupas ou produtos de beleza. Felizmente eu não sou assim. Só compro o que realmente eu gosto e preciso muito, pois não tenho mania de comprar coisas só pq eu achei bonito ou apenas por comprar. Nesse sentido eu sou bem econômica!

IMG_3547

Então, um dos produtos que não é tããão fácil de encontrar aqui no Brasil são os da marca de produtos para cabelos Moroccanoil. Até existe em alguns lugares por aqui, esses dias quando tava em Curitiba eu vi em algumas redes de salões de beleza espalhados pela cidade, mas o preço não ajuda muito. 

Todos os produtos dessa marca são feitos a base de óleo de argan, que são indicados pra fortalecer e dar elasticidade aos cabelos. Deixa o cabelo super bem tratado, com brilho e maciez. Muito bom!

Nessa minha ultima viagem a Escócia (setembro de 2014), meio que sem querer eu acabei encontrando diversos produtos dessa marca com relativa facilidade.

edimburgo mapa

No mapa: (A) Sassoon no Multrees Walk, (B) Harvey Nichols, (C) Toni & Guy e (D) Brian Drumm. Em preto a Princes Street, em roxo a George Street e em amarelo a Queen Stree. Mapa retirado do Google Maps. Clique no mapa para ampliar.

Quem estiver atrás de produtos Moroccanoil, os lugares mais indicados são:

Sassoon: é uma rede de salão de beleza que existe no UK, Alemanha, Estados Unidos e Canadá. Na Escócia tem apenas em Glasgow e em Edimburgo. O salão em Edimburgo fica no Multrees Walk, uma região de comércio com lojas de marcas internacionais. O Multrees Walk fica entre a St Andrews Square e a Edinburgh Bus Station (a rodoviaria da cidade). Vi diversos tipos de produtos lá, desde shampoo, condicionador, máscaras, entre outros.

IMG_3550

Toni & Guy: no tempo que eu morava em Edimburgo, existia um salão da Toni & Guy na George Street, bem pertinho da Charlotte Square, mas fechou. Agora esse salão está em novo endereço, na Frederick Street, entre a George Street a Queen Street. Também vendem diversos produtos, inclusive dá pra comprar pelo site, onde a entrega é gratuita no UK (nunca comprei dessa forma nessa loja, mas vi no site que existe essa possibilidade).

SONY DSC

– Brian Drumm: é outro salão de beleza que vi em Edimburgo. Confesso que não lembro se esse salão já existia quando eu morei lá, mas como nessa minha ultima viagem a Edimburgo eu andei pela cidade toda (literalmente), acabei vendo que na vitrine desse salão existiam esses produtos a venda também. Esse salão fica na George Street quase na esquina com a Hanover Street. Quem vem da Princes Street, precisa subir a rua que fica bem em frente a Royal Scottish Academy / Scottish National Gallery, não tem erro.

IMG_3678

Harvey Nichols: de todos esses lugares, nessa loja de departamento foi onde eu vi menos variedades de produtos dessa marca. Olhando agora no site, vi que mesmo na internet eles também tem poucas opções. A parte relacionada a produtos de beleza ficam logo no primeiro andar, entrando por qualquer uma das portas, seja a principal (de frente pra St Andrews Square) ou a lateral (que fica de frente pra loja da Louis Vuitton).

Bruna Bartolamei
Siga-me

Bruna Bartolamei

Catarinense, mas já morou em Curitiba (8 anos) e em Edimburgo, a capital da Escócia (quase 2 anos). Criou o blog pra contar um pouco mais sobre como foi o seu intercâmbio na terra dos Kilts e das Gaitas de Fole, e também, sobre suas viagens pelo mundo.
Bruna Bartolamei
Siga-me
Postado em Beauty, Compras, Edimburgo, Escócia
Booking.com
  1. Angélica 02/10/2016 | 19:54

    Quanto aos preços desses produtos, você se recorda?
    É bem diferente do preço do Brasil?

    • Contando as Horas 02/10/2016 | 22:11

      Oi, Angélica

      Mesmo com a conversão da libra do jeito que tá, ainda assim era mais barato comprar lá do que aqui no Brasil. Vale a pena comprar lá!

Deixe o seu comentário...