28.05
2015

Escócia: Onde é melhor morar em Edimburgo?

Nessas ultimas semanas recebi alguns emails, comentários inbox no FB e até mesmo comentários aqui no blog onde as duvidas eram unanimes: Onde é melhor morar em Edimburgo? Qual bairro vc indica?

Alguém pode me explicar o que tá acontecendo? Todo mundo se mudando em massa pra Escócia? #EuTambémQuero!!! =DD

Antes de mais nada, Edimburgo, mesmo com o status de capital da Escócia, é uma cidade super pequena. Sério mesmo. É tudo muito perto, de verdade! Quem for estudar, trabalhar ou estiver lá por poucos dias a turismo, vai me dar razão!

SONY DSC

Queria deixar uma coisa bem clara antes de começar a escrever esse post: eu vou listar os principais bairros da cidade e vou dar a minha opinião sobre cada um deles. É a minha opinião apenas. Isso de forma alguma quer dizer que é certo ou errado ou que esse ou aquele bairro deve ser o escolhido ou é o melhor/pior, ok?!?! 

Bom, nos quase 2 anos que passei em terras escocesas, eu morei sempre no mesmíssimo lugar em Edimburgo. No mesmo bairro, na mesma rua, na mesma residência estudantil e no mesmo apartamento. Então, obviamente, sempre quando me pedem sobre onde morei e o que eu achava daquela região, eu sempre fui muito sincera. Eu adorava morar naquele bairro, naquela rua e naquele apartamento. Era tudo muito perto de tudo que eu precisava, tinha mercado (um Tesco e um Sainsbury), estação de trem (Haymarket), ponto de ônibus da Airlink (em frente a Haymarket), a escola que eu estudei ficava a 15 – 20 minutos a pé, as principais atrações de Edimburgo ficavam a 10 minutos a pé de onde eu morava. Era uma maravilha!

** Quem quiser conhecer o meu apartamento escocês, é só clicar aqui.

A prefeitura de Edimburgo dividiu a cidade basicamente em 6 partes: City Centre and Leith, East, North, South, South West e West.

Mas o que isso significa? Pra quem de fato vai morar na cidade e alugar/comprar um apartamento, cada area dessas tem um departamento responsável por algumas coisas, como por exemplo: pagamento de taxas, reclamações de barulhos ou má comportamento, condições e reparos das ruas, identificação e permissão para que o morador de determinada rua tenha direito a uma vaga pra estacionar o seu carro (não é comum casas e apartamentos terem garagens, os carros ficam na rua mesmo), recolhimento de garrafas de bebidas, coleta de lixo, direito a frequentar alguns parques privados do local (cada morador recebe uma chave pra poder frequentar esses parques), entre outros.

Cada uma dessas seis partes tem o seu próprio escritório e horário de funcionamento. Recomendo uma pesquisa no site da prefeitura de Edimburgo e em caso de duvida, enviar um emai, ligar ou ir até lá pessoalmente esclarecer tudo.

** Gostaria de dizer que eu não tinha carro em Edimburgo, não cheguei a pedir permissão pra ter chave de nenhum parque na área onde eu morava e nem precisei me preocupar com muitas coisas dessas que listei acima, pois eu morava numa residencia estudantil e claro, eles me auxiliavam em qualquer coisa que eu precisasse. Portanto, eu não sei esclarecer duvidas sobre esses assuntos específicos!!

Captura de Tela (20)

Mapa Google Maps – Clique na imagem para ampliar

Dentro de cada uma dessas seis partes estão os bairros propriamente ditos de Edimburgo. Os principais são:

– Old Town: Dispensa apresentação. É nessa área da cidade onde fica o Castelo de Edimburgo, Holyrood Palace, o Parlamento Escocês, entre outras atrações. É uma região muito movimentada, tanto de dia quanto a noite. Tem de tudo, bares, restaurantes, mercados, padarias, igrejas, lojas, enfim, qualquer coisa. Único problema é o preço do aluguel, um dos mais caros de Edimburgo.

– New Town: Se na Old Town ficam as principais atrações da cidade e em termos de aluguel é tudo muito caro, na New Town a coisa piora um pouco. Essa região é considerada mais “posh” e portanto, é melhor nem perder tempo procurando apartamentos por aqui.

– Leith: No tempo que morei em Edimburgo, essa região era a que eu menos gostava de ir caminhar/passear. Sei lá, sempre achei esse lugar meio estranho. Um pouco sujo. As vezes me parecia decadente. Tinha dias eu ficava com medo de caminhar por ali. Sem falar que existem umas pessoas muito esquisitas nessa região. Em termos de aluguel, o valor é muito chamativo comparado com outras áreas mais centrais da cidade. Nessa ultima viagem, eu fui dar uma voltinha por lá. Achei que muita coisa melhorou. Algumas áreas foram revitalizadas. Muitos predios com arquitetura mais moderninha foram construídos, mas sei lá, eu ainda deixaria esse lugar como ultima opção (minha opinião, ok?!?!)

– Stockbridge: O dia que eu voltar a morar em Edimburgo (isso com certeza um dia vai acontecer!!!), eu não tenho a menor duvida de dizer que esse seria um dos top 3 bairros que eu consideraria morar. Ele fica logo atrás da New Town, super perto do centro e ainda, tem de tudo, mercado, padaria, lojinhas legais, mercadinhos, restaurantes ótimos, entre outros. É uma região bem tranquila. Hoje em dia alguns turistas já descobriram essa região, mas não chega a ter uma invasão em massa. O bairro ainda é bem original.

– Dean Village: Outro bairro que eu gosto bastante. No tempo que morei em Edimburgo eu costumava ir lá quase toda a semana caminhar, dar uma voltinha. De uns tempos pra cá, o bairro se tornou bem turistico. No tempo que morei em Edimburgo ele ainda era muito tranquilo, mas nessa ultima viagem que fiz no ano passado pra lá, vi levas e mais levas de turistas andando na região, portanto, imagino que o preço do aluguel tenha ficado mais caro.

– Fountainbridge: Era a região onde eu morava, ou melhor, meu apto ficava na divisa entre ela, a Old Town e o Tollcross/West End e Bruntsfield. É uma região muito legal, além de ficar super perto do centro da cidade. Devido ao grande numero de residencias estudantis na área, essa região é cheia de estudantes. Certamente eu consideraria morar aqui novamente se um dia eu voltar a “Edinbrááá”!!

– Dairy: Essa não era uma região que eu costumava frequentar. Apesar desse bairro ficar logo atrás da Haymarket Station, eu fui poucas vezes ali. Mas pelo pouco que vi, é uma região bem tranquila, perto do centro e como não é uma area turistica, é uma região que ainda se conservou bem original, sem ter sido revitalizada.

– Gorgie: Não lembro de ter algum dia ido especificamente nessa região da cidade. Talvez no dia que fui ver um jogo entre Hearts of Midlothian x Celtic, eu tenha chegado perto de entrar nesse bairro. Não sei dar muitos detalhes, mas se for parecido com o que é o Dairy, deve ser bem tranquilo.

– Murrayfield: Esse bairro fica no trajeto de quem vai ao aeroporto. Quem andar no ônibus Airlink vai passar por ali. Ele fica um pouco afastado do centro da cidade, mas é uma região bem tranquila. Fui algumas vezes caminhar pra esses lados da cidade, e não sei bem explicar, mas me sentia bem passeando por ali. É uma região cheia escolas, parquinhos e crianças, um lugar bem familia, sabe? Exceto a parte que fica na rua principal, que é onde tem bastante opções de hospedagens do tipo B&B.

– Tollcross / West End: Outra área que eu também consideraria morar seria aqui. Por ser uma região que ficava grudada ao meu antigo bairro, volta e meia eu tava caminhando por ali. Tem umas partes mais modernas, que estão sendo revitalizadas. Não tinha o costume de ir em lojas ou restaurantes nessa região do Tollcross, mas gostava de caminhar por ali. É um bairro onde tem bastante estudantes e imigrantes, devido a proximidade com a Universidade de Edimburgo (campus mais antigo). Já o West End é onde ficam os cinemas, bares, restaurantes, casas de show de Edimburgo. É uma região legal tbm, bem movimentada, mas um pouco mais cara que o Tollcross, apesar de que o Tollcross também não deve ser muito barato.

– Bruntsfield: Essa região fica nos arredores do Meadows, um parque enoooorme que fica bem no centro da cidade. Esse parque não é muito frequentado por turistas (todo mundo vai ao Holyrood Park ou ao Princes Street Gardens), mas com certeza essa região merece uma visita. É uma região bem legal, faz divisa com o Tollcross e era muito perto de onde eu morava. Imagino que o preço do aluguel seja um pouco mais barato que no Tollcross/West End.

– Morningside: Esse bairro entra no mesmo esquema que o Gorgie que eu falei anteriormente. Não sei se de fato já estive ali, mas como esse bairro faz divisão com o Bruntsfield, talvez eu até já tenha caminhado por ali sem saber. É uma area relativamente tranquila, e que fica pros fundos da Old Town, digamos assim.

– West Port: Nessa ultima viagem que fiz a Edimburgo eu aluguei um apartamento nessa região da cidade. O West Port fica na divisa com a Old Town, é uma região cheia de turistas e também de estudantes, devido a Universidade de Edimburgo (campus antigo). Eu não sei quanto custa alugar um apto por mÊs nessa região, mas ano passado eu me hospedei ali por uma semana e achei o valor comparado com os de um hotel na mesma região bem barato.

– Southside: Se o preço do aluguel não agradar em West Port, o Southside faz divisa com essa região. É uma região cheia de estudantes e como fica pros fundos da Old Town, no sul da cidade, pode até ser uma região a ser considerada. Eu sei que essa região se mantem muito original, apenas algumas áreas mais próximas ao Old Town passaram por revitalizações, principalmente a parte próxima ao Meadows.

– Outras região nos arredores de Edimburgo: perto de Edimburgo ficam diversas cidades, aquelas que a gente consideraria parte da região metropolitana de uma grande cidade aqui no Brasil. Com certeza todas essas cidadezinhas são boas de morar, o custo de vida é muito mais baixo do que morar em Edimburgo, porém apesar do transporte publico ser ótimo e eficiente, talvez se perca muito tempo no transporte publico indo e vindo de Edimburgo.

Outra forma alternativa de procurar por uma região/bairro em Edimburgo é usando os códigos postais (postcodes) usados pelo correio. A cidade de Edimburgo tem 17 areas de codigos postais, indo do EH1 ao EH17. Eu morava no EH3, uma região bem central. Já as areas consideradas parte da região metropolitana vão do EH 18 ao EH55. Pra saber mais sobre isso e ver quais bairros fazem parte de uma determinada área de código postal, é só clicar aqui.

800px-EH_postcode_area_map.svg

Foto retirada do Wikipédia – Clique na imagem para ampliar

No geral, a minha opinião é a seguinte:

Entre todas essas opções, se dinheiro não fosse problema, certamente eu escolheria morar na New Town ou na Old Town por questões obvias. Mas morar nessas regiões é muito caro, muito caro mesmo pelo simples motivo que esses são os dois melhores lugares da cidade por questão de localização.

Eu morei na região de Fountainbridge, então sempre que me pedem sugestões eu indico esse lado da cidade. Gostei muito desse bairro em todos os sentidos (segurança, comodidade, transporte publico, a possibilidade de ir caminhando ao centro da cidade, mercados, lojas, restaurantes, estação de trem, entre outros). Essa região onde morei pode ser considerada bem central e pra quem não for morar em uma residencia estudantil e achar o valor do aluguel um pouco caro, como opções mais próximas estão os bairros de Bruntsfield, Tollcross e West End e Dairy. Próximos a esses bairros, respectivamente ficam ainda Morningside (é o próximo bairro na sequencia ao Bruntsfield) e Gorgie (próximo bairro depois do Dairy).

Na verdade, acho que já deu pra perceber que eu prefiro mais o lado oeste/norte da cidade do que qualquer outra parte.

Outra questão que apareceu junto com a duvida de onde morar em Edimburgo foi sobre a segurança. Gente, sério mesmo, a Escócia e Edimburgo estão longe de ser um lugar perfeito, livre de qualquer coisa, mas né, a cidade também está longe de ter uma guerra civil não declarada como vemos todos os dias em grandes cidades do Brasil (Rio de Janeiro, por exemplo).

Obviamente que acontecem alguns crimes na cidade, roubos, estupros, assaltos, mas assim, não é uma coisa que a gente veja com muita frequencia na tv ou nos jornais. Ao menos no tempo que morei lá e pelo que sempre venho acompanhando nos jornais sobre o país, eu nunca vi estatisticas do tipo: “hoje aconteceram x assaltos, y estupros ou w esfaqueamentos”. Não, sinceramente eu nunca vi nada desse tipo.

No tempo que morei em Edimburgo, eu sempre caminhei muito pela cidade, andei por tudo (ou quase tudo), pouquíssimas vezes senti medo de alguma coisa, pouquíssimas mesmo, tanto que nem lembro de nenhuma situação que tenha acontecido pra relatar aqui como exemplo.

Se alguém estiver cogitando morar/estudar/trabalhar/passar um tempo/visitar/ Edimburgo, eu garanto, não há necessidade de focar muito na questão segurança como principal quesito de escolha pra morar em um bairro da cidade. Escolha apenas pelo preço do aluguel, comodidade ou proximidade com o centro da cidade.

Eu tenho certeza que onde quer que seja o lugar escolhido por você pra morar, certamente a experiência vai ser muito legal! Edimburgo é muito organizada, limpa e segura.

Aqui vão alguns links extra pra quem quiser pesquisar mais sobre Edimburgo: Only in Edinburgh, The City of Edinburgh Council, Frommers, Expat Arrivals, Scotland, Gumtree e Edinburgh Guide.

** Quem for morar em Edimburgo com visto já tirado aqui no Brasil, precisa se registrar na Policia de Imigração. Para mais infos, é só clicar aqui.

** Quem pretende levar para o UK algum animal de estimação é necessário seguir algumas regrinhas. Para mais infos, é só clicar aqui.

** Para saber como funciona a questão médica do sistema público de saude do UK (NHS) por bairro, é só clicar aqui.

Se alguém tiver alguma duvida, alguma experiencia pra relatar ou algum site legal pra indicar, a caixa de comentários está a disposição!

Bruna Bartolamei
Siga-me

Bruna Bartolamei

Catarinense, mas já morou em Curitiba (8 anos) e em Edimburgo, a capital da Escócia (quase 2 anos). Criou o blog pra contar um pouco mais sobre como foi o seu intercâmbio na terra dos Kilts e das Gaitas de Fole, e também, sobre suas viagens pelo mundo.
Bruna Bartolamei
Siga-me
Postado em Assuntos diversos, Edimburgo, Escócia, Hospedagem, Intercâmbio - , , , , , , , , , ,
Compartilhe
Deixe um Comentário
14 comentários em "Escócia: Onde é melhor morar em Edimburgo?"
  1. Alex   30/05/15 • 22h08

    Bruna,

    Muito util essa materia que você publicou, parabéns.
    Moro no Brasil atualmente, mas já trabalhei no Canadá alguns meses em 2013. Foi uma experiência incrível. Guardo dinheiro desde o meu retorno, pensando em morar em um novo destino. A Escócia me pareceu ser um lugar muito interessante. Seu blog me convenceu a ir para lá. Volto a falar com você mais adiante, pois tenho certeza que vou precisar de mais algumas informações. Parabéns mais uma vez. Obrigado

    • Contando as Horas   31/05/15 • 17h57

      Oi, Alex

      Sabe que também to considerando ir ao Canadá? hehehe
      Sobre a Escócia, independente da cidade que vc escolher, tenho certeza que vc vai gostar de lá, principalmente se vc gosta de frio (ou não se importa tanto com isso).

      Se precisar de alguma info adicional, fico a disposição. Sempre tento ajudar quando possível!

      Obrigada pela visita aqui no blog!

  2. Iara   19/08/15 • 04h13

    Oi Bruna,

    Adoro o seu blog e sempre que tenho um tempinho eu entro aqui pra ver suas dicas. Acabo de chegar em Edimburgo e vou ficar 7 meses. Estou com dúvidas se é melhor alugar alguma um apartamento/casa short term (com todas as contas inclusas) ou se me arrisco a um contrato long term. Não sei se é muito complicado pagar todas as taxas e contas que tem por aqui (sei que até TV temos que pagar a parte, correto?). Pode me ajudar? Estou com muitas dúvidas e pouco tempo.
    Muito obrigada! Abraços

    • Contando as Horas   22/08/15 • 16h34

      Oi, Iara

      Difícil essa pergunta, viu! Acho que primeiro vc tem que levar em consideração o tempo que vc pretende ficar ai. Serão 7 meses mesmo ou vc pretende ficar mais tempo? Se vc vai ficar sete meses, o ideal é vc ir no short term, já se vc pretende ficar mais tempo, vc pode também ir ficando nesse short term e depois procurar algo melhor que se enquadre no long term. Na verdade, complicado de pagar não é, apenas vc tem que estar preparada financeiramente, pois eles podem exigir que vc pague tudo de uma vez ou pague alguns meses adiantado pra poder garantir o contrato, isso depende muito.

      Obrigada pela visita aqui no blog! Aproveitaaa!!

  3. Suzanny   23/08/15 • 23h26

    Bruna,parabéns pelo blog, está me ajudando muito, mas ainda tenho milhões de dúvidas. Rs. Em janeiro estarei indo para a Escócia passar 1 ano e o que mais me preocupa no momento é o visto e onde morar. Estou procurando algum ap perto da Universidade Heriot- Watt, vc conhece? Algum desses bairros fica mais próximo dela? Espero que consiga me ajudar.

    • Contando as Horas   25/08/15 • 13h41

      Oi, Suzanny

      Não conheço pessoalmente a Universidade, mas já ouvi falar sim. Ela fica beeem fora do centro da cidade, próximo ao Pentland Hill (um parque bem famosinho nos arredores de Edimburgo).

      Na região onde eu morava, perto da Haymarket pode ser uma boa idéia. Murrayfield, Gorgie, Fountainbridge, Dairy… Se vc estiver olhando pro mapa de Edimburgo no Google Maps, todas as regiões pro lado esquerdo, a oeste, são as melhores opções. Se vc optar, por exemplo, por morar no Leith, vai ser do outro lado da cidade.

  4. letícia   08/06/16 • 10h59

    Oi Bruna, você conhece a easter drylaw area? Vou fazer intercambio em edimburgo e a casa da família que vou ficar fica nessa região! Queria saber como é, se é perto do centro…obrigada desde já!!

    • Contando as Horas   09/06/16 • 16h17

      Oi, Letícia

      Não conheço, mas pesquisando por esse nome no google diz que é EH4, e se for isso mesmo, fica um pouco longe sim. Se vc olhar no mapa de Edimburgo, fica a esquerda do Botanic Garden e do Inverleith Park.

  5. nathalia   06/02/18 • 11h56

    ola bruna, estou lendo seu blog inteiro, amei, ja seguia vcs no instagram, mas nunca tinha lido as materias, e sao otimas, estou indo morar em edimburgo em junho, vou ficar na casa dos meus cunhados, que fica exatamente onde voce morou, em fountainbridge (eh3). Estou muito feliz, mas meio apreensiva pelo ingles, meu marido tem dupla cidadania, entao vou tirar o family permit e sei que sera mais facil trabalhar e morar la. muito obrigada pelos textos, é super util, faz realmente a gente entender e conhecer tudo e ficar cada dia mais apaixonada.

    • Contando as Horas   08/02/18 • 11h33

      Oi, Nathalia

      Muito obrigada pelas palavras. Tenho certeza que você vai adorar morar em Edimburgo.
      Manda noticias de lá. Se quiser, usa a #helloescocia, assim podemos ver tuas fotos.

      Obrigada pela visita aqui no blog!

  6. Pat   16/03/18 • 16h46

    Oi Bruna, tudo bem? estou planejando passar um ano em Edimburgo, com minha família para um pós-doc na University of Edinburgh. Nesse caso o aluguel entra no short term? você indica algum site ou empresa de locação? encontrei a Zoopla, mas achei poucas opções. qual bairro fica mais perto da Business School da University of Edinburgh? vc tem ideia de como é o esquema de escolas para crianças de 4-5 anos? são pagas ou gratuitas? vi que no reino Unido normalmente se paga uma taxa anual, mas vi comentários que em Edimburgo não… Agradeço se puder me auxiliar.

    • Contando as Horas   28/03/18 • 15h37

      Oi, Pat

      Não, 1 ano ou mais é long term. Eu sempre aluguei direto com a residencia estudantil que morei, então não sei te sugerir nenhum site.

      Eu procurei no google, existem duas Business School, sabe me dizer o endereço certinho de onde vc vai estudar? Assim consigo te dizer.

      Infelizmente não sei como é esse esquema das escolas para crianças. Vc pode falar com a Anelise, do blog Vida na Escócia http://vidanaescocia.com.br ela mora na Escócia e tem um filho mais ou menos nessa idade.

      Obrigada pela visita aqui no blog! :D

  7. Eveline   15/07/18 • 20h00

    Olá!
    Eu gostaria de ir a Edimburgo para passar 1 mês estudando inglês. Vc teria indicação de outras residências estudantis que não sejam caras, mas limpas e organizadas? Teria algum mês mais adequado para ir, em termos de clima e atrações.

    • Contando as Horas   15/07/18 • 21h09

      Oi, Eveline

      Pelo q fiquei sabendo, as residencias estudantis nao fazem mais contrato para menos de 6 meses. Talvez vc consiga algo em hostels, muitos alugam quartos com banheiro privativo (dividem apenas cozinha e sala). Vc pode procurar algumas opçoes em Fountainbridge, ali tem alguns lugares desse tipo.

      Depende! Vc pode ir em qqer epoca, mas geralmente é melhor ir entre junho e setembro, se quiser pegar os eventos do festival de verao ou em dezembro, quando tem as comemorações de Natal e Ano Novo.

      Obrigada pela visita aqui no blog!!

Blog Membro RBBV
Contando as Horas
Kremlin de Moscou 🇷🇺🇷🇺
.
Antigamente essa fortaleza servia de proteção para a cidade, mas hoje em dia é a sede do governo e residencia oficial do Presidente da Rússia.
.
Ele é formado por vários palácios, catedrais, museus, um jardim, as torres e a muralha.
.
Quem estiver em Moscou pode incluir uma visita ao Kremlin no roteiro.
.
É possível conhecer algumas atrações, como: o Palácio do Arsenal, local onde está o Museu do Arsenal e o Complexo das Catedrais (formado por 4 igrejas). Todas todos os demais edifícios podem ser fotografados apenas por fora.
.
⚠️O Kremlin não abre as quintas-feiras. Para visitar o Museu (700 rublos) e o Complexo das catedrais (800 rublos) o valor total é de 1500 rublos (95,00 reais).
.
🌏Moscou, Rússia
.
#praçavermelha #redsquare #redsquaremoscow #kremlin #kremlindemoscou #moscou #moscow #russia #copadomundo2018 #missãovt #sourbbv #instaviagem #meusroteirosdeviagem #essemundoenosso #revistaviajar #blogdeviagem #cahnarússia #amoviajar #eurotrip #travelgirl #viajarmais #viajar #eurotrip2018 #viajandosozinha #viajarmais #viagemeturismo #worldcup2018 #russiaworldcup2018 #russia2018 #brasilnacopa #visitrussia
Existem diversas formas de entrar na Praça Vermelha, em Moscou, mas sem duvida alguma, a mais bonita é atravessando o Portão da Ressurreição, localizado literalmente entre a Prefeitura de Moscou (lado esquerdo) e o Museu Estatal de História Nacional (essa construção a direita).
.
Nessa foto também da pra ver a Capela Ibérica e o Marco Zero da Russia.
.
🌏Moscou, Rússia
.
#praçavermelha #redsquare #redsquaremoscow #moscou  #moscow #russia #copadomundo2018 #kempinski #missãovt #sourbbv #instaviagem #hotelinspectors #meusroteirosdeviagem #essemundoenosso #revistaviajar #blogdeviagem #cahnarússia #amoviajar #eurotrip #travelgirl #viajarmais #viajar #visitrussia #viajandosozinha #viajarmais #viagemeturismo #worldcup2018 #russiaworldcup2018 #russia2018 #jogosdobrasilnacopa2018 #brasilnacopa
Parque da Vitoria é onde está localizado o Museu da Grande Guerra Patriótica, que é como os russos chamam a Segunda Guerra Mundial. Obviamente, esse museu conta toooooda a historia dessa guerra (com muitas fotos, documentos, objetos, entre outros - tem legendas em inglês).
.
Além disso, também destaco: O Hall dos Heróis (foto 3) que presta uma bela homenagem a todos os russos que morreram nessa guerra, mais de 20 milhões de pessoas, o Hall das Lagrimas (foto 4) que simboliza as lagrimas de quem perdeu filhos, pais, irmãos e maridos durante essa guerra e por fim, os Dioramas de Guerra (foto 5), esses paines gigantes que retratam algumas cenas de momentos importantes dessa guerra.
.
O parque é gigante e o Museu é enorme, portanto, vá com muito tempo (tempo minimo de 3 - 4 horas).
.
Dica: Para chegar aqui, o acesso é feito pela estaçao de metro Парк Победы, aquela que tem as escadas rolantes mais profundas de todas as estações de metro de Moscou, sao quase 3 minutos andando nessa escada. 😱
.
🌏Moscou, Rússia
.
#parquedavitoria #moscou #moscow #russia #copadomundo2018 #missãovt #sourbbv #instaviagem #meusroteirosdeviagem #essemundoenosso #queroviajarmais #revistaviajar #blogdeviagem #cahnarússia #amoviajar #eurotrip #travelgirl #viajarmais #viajar #visitrussia #viajandosozinha #viajarmais #viagemeturismo #worldcup2018 #russiaworldcup2018 #russia2018 #jogosdobrasilnacopa2018 #brasilnacopa
Museu Memorial da Cosmonáutica é formado por três partes: 
1) Alameda dos Cosmonautas: com varias estatuas de cosmonautas russos, entre elas, Yuri Gagarin, primeiro cosmonauta russo a ir ao espaço (da um zoom ai nas imagens q da pra ver algumas estatuas)
2) Monumento aos Conquistadores do Cosmos: é essa estrutura que simboliza um foguete decolando em direçao ao espaço.
3) Museu do Espaço: localizado logo abaixo disso tudo, aqui é possivel aprender um pouco sobre a chegada dos russos ao espaço atraves de equipamentos, roupas, documentos historicos, entre outros. A parte mais legal, na minha opiniao, é poder entrar na réplica da Estação Espacial Mir e ver como era a vida deles durante uma missão no espaço.
.
O museu tem explicações em inglês. Além do valor do ticket, quem quiser fotografar, precisa comprar uma permissão de fotos.
.
🌏Moscou, Rússia
.
#cosmonautas #museumemorial #vdnkh #moscou #moscow #russia #copadomundo2018 #missãovt #sourbbv #instaviagem #meusroteirosdeviagem #essemundoenosso #revistaviajar #blogdeviagem #cahnarússia #amoviajar #eurotrip #travelgirl #viajarmais #viajar #visitrussia #viajandosozinha #viajarmais #viagemeturismo #worldcup2018 #russiaworldcup2018 #russia2018 #jogosdobrasilnacopa2018 #brasilnacopa
Certeza absoluta que essa é uma das atrações mais fotografadas de toda a Rússia!!!
.
A Catedral de São Basilio foi construída durante o seculo 16 por ordem do Czar Ivan, o Terrível. Ela é formada por 9 capelas, mas elas não ficam lado a lado, é quase como se fosse um labirinto com varias escadas e corredores.
.
Dica: Essa igreja nao abre as quartas-feiras. Além do valor do ticket, é necessário comprar uma permissão para fotos e/ou videos.
.
🌏Moscou, Rússia
.
#praçavermelha #redsquare #catedraldesaobasilio #stbasilscathedral #moscou #moscow #russia #copadomundo2018 #missãovt #sourbbv #instaviagem #meusroteirosdeviagem #essemundoenosso #revistaviajar #blogdeviagem #cahnarússia #amoviajar #eurotrip #travelgirl #viajarmais #viajar #visitrussia #viajandosozinha #viajarmais #viagemeturismo #worldcup2018 #russiaworldcup2018 #russia2018 #jogosdobrasilnacopa2018 #brasilnacopa
Uma das praças mais bonitas do mundo, a Praça Vermelha, em Moscou! 🇷🇺
.
Reserve 1 dia inteiro pra conhecer essa praça. Entre as principais atrações estão: Portão da Ressurreição (a principal forma de entrar na praça), a Capela Ibérica, Museu Estatal de História Nacional, o Kremlin de Moscou (dá pra comprar ingresso antecipado no site oficial), Mausoléu de Lênin, a Catedral de São Basílio, Loja de Departamento GUM, a Catedral de Kazan e a Prefeitura de Moscou.
.
Essa era a vista do meu quarto em Moscou, no Hotel Baltschung Kempinski.
.
🌏Moscou, Rússia
.
#kremlin #kremlindemoscou #moscou #moscow #russia #copadomundo2018 #kempinski #missãovt #sourbbv #instaviagem #hotelinspectors #meusroteirosdeviagem #essemundoenosso #revistaviajar #blogdeviagem #cahnarússia #amoviajar #eurotrip #travelgirl #viajarmais #viajar #visitrussia #viajandosozinha #viajarmais #viagemeturismo #hotelview #worldcup2018 #russiaworldcup2018 #russia2018 #jogosdobrasilnacopa2018 #brasilnacopa
Contando as Horas