09.09
2015

Gendarmenmarkt, a praça mais bonita de Berlim

O que não falta em Berlim são diversos lugares legais, mas um deles chamou bastante a nossa atenção: a Gendarmenmarkt. Esse nome enorme, que a um primeiro momento intimida (parece que a gente não vai aprender a escrever isso nunca!!!), é uma praça enoooorme, com uma localização bem central em Berlim, fica literalmente bem no meio do caminho entre o Portão de Brandemburgo e a Ilha dos Museus.

SONY DSC

Todos os guias, blogs e sites que li diziam que ela era uma das praças mais bonitas de Berlim e é verdade, realmente o seu estilo neoclássico chama muito atenção, mas o toque especial fica por conta das flores, que durante a primavera deixaram o lugar ainda mais bonito. 

SONY DSC

Quando eu disse que essa praça era enorme, eu não estava exagerando. Pra ter uma ideia, em cada canto da praça ficam duas catedral iguais, a Catedral Francesa e a Catedral Alemã. E bem no meio das duas está uma das maiores casas de concertos da cidade e sede da Orquestra Sinfônica de Berlim, a Konzerthaus.

No centro da praça fica uma estátua do poeta alemão Friedrich Schiller, um dos líderes do movimento literário romântico alemão junto com Goethe e Wieland.

SONY DSC

A Catedral Francesa (Französischer Dom) fica bem em frente ao hotel que estávamos hospedados. É considerada a mais antigas das duas catedrais que estão nessa praça, pois ela foi construída no inicio do século 18. Tentei visitar essa catedral diversas vezes, até que finalmente numa das tardes encontrei ela aberta. Na verdade, apesar de ela ter o nome catedral, ela de fato não é uma já que nunca foi sede de um bispado.  O seu interior é bem mais simples do que uma igreja que estamos acostumados a ver por ai. Junto a essa igreja tem um restaurante, que apesar de a gente não ter ido lá nenhuma vez (por pura falta de tempo!), me pareceu ser muito bom. Nas pesquisas que fiz dizia que também tinha um deck de observação, mas acho que quando fui lá ele não tava aberto pra visitação, pois não vi nenhuma placa indicando nada relacionado e ninguém pra perguntar (super estranho!).

SONY DSC

SONY DSC

SONY DSC

No centro da praça fica a Konzerthaus, uma casa de espetáculos que foi construída sobre as ruínas de um antigo teatro, o Teatro Nacional. Eu fui com o meu pai e minha mãe assistir a um concerto da pianista Mitsuko Uchida com a Orquestra Sinfônica de Berlim (tema para outro post). Além de ter um estilo clássico por fora, a decoração interna é belíssima, tanto que chegamos uns 30 minutos antes do inicio, só pra poder fotografar tudo com calma.

SONY DSC

SONY DSC

E no outro lado da praça, em frente ao Hotel Hilton, fica a Catedral Alemã (Deutscher Dom), construída três anos após a inauguração da Catedral Francesa. Se a estrutura interna da Catedral Francesa já chama atenção por ser bem simples, o mesmo a gente não pode falar da Catedral Alemã. Na verdade, quem for até lá achando que vai encontrar uma igreja, eu já adianto, o local é na verdade um museu, que conta um pouco da história alemã, com mais enfase a parte dos acontecimentos ocorridos no século passado e sobre o parlamento. Tem até uma réplica em menor tamanho do Parlamento alemão, tem muitas imagens, videos e história. Vale a pena tirar umas 2 horas pra conhecer esse lugar!

SONY DSC

SONY DSC

SONY DSC

Essa é a primeira visão que se tem ao entrar nessa Igreja

SONY DSC

SONY DSC

E ainda, pra quem gosta de bons restaurantes, a região é lotada de boas opções. Nós fomos em alguns ali na praça ou nos arredores e gostamos bastante, tanto pela diversidade de tipos de gastronomia, quanto pela animação do local. Pra não deixar esse post enorme, as dicas de restaurantes eu vou escrever nos próximos posts.

SONY DSC

A Kozerthaus e a Catedral Francesa vistos da escadaria da Catedral Alemã

E pra quem está mesmo interessado em comprar, na própria Gendarmenmarkt (próximo a Catedral Alemã) fica a loja de chocolate Fassbender & Rausch. A loja além de ter um café e um restaurante, vende todos os tipos de chocolates que der pra imaginar. No balcão estão diversas opções de pralines, até eu que não sou muito chegada nesses ai, tive que me render. Eles são muito bons e não tem aquele gosto meio estranho e artificial. Ah, não deixe de reparar nas mini atrações turísticas de Berlim, todas feitas de chocolate! O atendimento também é ótimo. Os chocolates são muito bons (trouxe umas barrinhas pra casa!!). Vale a pena conhecer!

SONY DSC

SONY DSC

SONY DSC

Ali pertinho, na Franz Strasse fica outra loja de chocolate bem popular na Alemanha, a Ritter Sport. No hotel em que estávamos hospedados, todos os dias as camareiras quando iam fazer a abertura das camas deixam dois novos sabores pra gente provar.

SONY DSC

Na mesma rua, ao lado da Ritter, fica a Galeria Lafayette, uma filial da Galerie Lafayette de Paris. A loja não é tããão grande como a de Paris, mas tem bastante opções. Cada andar é dividido por “temas”, com opções como gastronomia, maquiagens e acessórios, roupas de homens, roupas de mulheres, eletrônicos, entre outros.

IMG_9326

IMG_9271

Quem for no Food Hall, vai encontrar diversos produtos de todos os tipos a vendas, além de alguns restaurantes. Ali também fica uma passagem para a Friedrichstadt Passagen, um local com diversas lojinhas interessantes também. Vale dar uma olhada.

SONY DSC

SONY DSC

Muito perto dessa praça ficam outras duas grandes ruas comerciais da cidade: a Unter den Linden, uma avenida enoooorme que vai do Portão de Brandemburgo até a Ilha dos Museus. Ali estão diversas lojinhas e restaurantes. Vale destacar a lojinha do Ampleman e a loja da Nivea, já a Friedrichstrasse, é outra rua comercial, com diversas lojas de roupas (masculinas e femininas) e acessórios em geral, além de restaurantes. É ali também onde está a Galeria Lafayette, além de lojas de marcas mundialmente conhecidas como Gucci, Louis Vuitton, entre outras.

SONY DSC

E quem assim como nós quiser passar mais tempo por essa região da cidade, pode se hospedar por ali também. Além do Hotel Sofitel Gendarmenmarkt que foi onde nos hospedamos, existem muitas outras opções como: The Westin Grand Berlin Hotel, Hotel Regent Berlin, Hotel de Rome – Rocco Forte, Hotel Titanic Deluxe Berlin, Arcotel John F Berlin, Hotel Hilton Berlin, Hotel Gendarm Nouveau e Hotel Mandala Suites.

SONY DSC

Como deu pra notar por esse post, motivos pra gostar ainda dessa praça não faltam!

** Precisando de hotel em Berlim? Inicie as pesquisas aqui.

** Precisando de seguro viagem? Inicie as pesquisas aqui.

Se você gostou das dicas, ao reservar hospedagem e seguro viagem aqui pelo blog, nós ganhamos uma pequena comissão, mas você não paga nada a mais por isso. Obrigada! :D

Posts relacionados:

Todos os posts sobre a Alemanha

Todos os posts sobre Berlim

Siga o Blog Contando as Horas nas redes sociais:

no Instagram: @brunabartolamei

e curta nossa fanpage no Facebook: facebook.com/ContandoAsHoras

Bruna Bartolamei
Siga-me

Bruna Bartolamei

Catarinense, mas já morou em Curitiba (8 anos) e em Edimburgo, a capital da Escócia (quase 2 anos). Criou o blog pra contar um pouco mais sobre como foi o seu intercâmbio na terra dos Kilts e das Gaitas de Fole, e também, sobre suas viagens pelo mundo.
Bruna Bartolamei
Siga-me
Postado em Alemanha, Berlim
Booking.com
Deixe o seu comentário...