12.11
2015

Mina da Passagem: Uma visita a uma mina de ouro

Nessa região onde está localizada Ouro Preto, o que não faltam são minas de ouro. Como queria muito visitar pelo menos uma, acabei escolhendo a Mina da Passagem, localizada literalmente no meio do caminho entre Ouro Preto e Mariana.

DSC_0957

Essa mina foi fundada em 1719 e ficou em funcionamento por mais de dois séculos, quando foi desativada em 1985. Hoje em dia, ela é considerada a maior mina de ouro aberta a visitação do mundo. E não é atoa todos os dias turistas do mundo inteiro passam por ali pra ter a oportunidade de conhecer de fato uma mina e saber um pouco mais sobre a extração do ouro. 

DSC_0878

DSC_0879

No dia em que fui visitar Mariana, na volta, aproveitei e parei nessa mina pra conhecer. O ônibus praticamente deixa a gente na porta, só é necessario caminhar um pouquinho (coisa de uns 2 minutos) até chegar na bilheteria. Ali, além de comprar o ingresso, eles também vendem água, sucos e refrigerantes.

DSC_0936

IMG_1821

Depois de comprar o ingresso, é só caminhar mais ou pouquinho até de fato ter acesso ao local onde está a mina, um pequeno museu e uma lojinha de artesanato.

DSC_0884

DSC_0895

O passeio começa em uma espécie de vagão, usado pelos mineiros, que desce mais de 300 metros sobre trilhos, chegando a 120 metros de profundidade em mais ou menos uns 3 minutos. Chegando no interior da Mina de Ouro, a guia nos leva pra caminhar nas galerias, resultado da extração do ouro.

DSC_0899

Caminhando pro lado esquerdo, a guia nos mostrou alguns objetos usados na extração do ouro, nos contou um pouco de como era o dia a dia dos mineiros ali naquele lugar e também, falou sobre algumas curiosidades.

DSC_0904

DSC_0907

Uma das informações mais interessantes que ela nos contou é que, eles acreditam que aproximadamente 700 toneladas de ouro foram retiradas de lá.

DSC_0903

Ferramentas usadas

Outra curiosidade.. A temperatura no interior da mina fica na faixa de uns 20 graus o ano inteiro, garantindo uma temperatura beeeem agradável.

IMG_1836

Caminhando por lado direito, logo chegamos a um lago natural com águas bastante transparentes que foi formado durante um processo de escavação que perfurou o lençol freático.

DSC_0931

DSC_0928

Pra quem se interessar, a guia comentou que é possível fazer mergulho nesse lago, percorrendo algumas galerias subaquáticas. Existe uma empresa que faz esse passeio, mas precisa ser agendado. Fica a dica!

DSC_0912

Antes de sair da Mina de Ouro, a guia nos dá um tempinho para fotos e quem tiver alguma duvida ou pergunta, pode esclarecer nesse momento.

DSC_0922

De volta ao vagão que nos leva para fora da mina de ouro, a guia nos leva num tanque onde ela faz uma breve demonstração com uma bateia de como o ouro era separado da água. Como eu nunca tinha visto nada desse tipo ate então, achei bem interessante.

DSC_0939

IMG_1859

E por fim, ela nos leva até o pequeno museu e a lojinha de artesanato. Lá a visitação é livre.

DSC_0951

DSC_0945

O tour na mina, mas a visita no museu e lojinha leva mais ou menos uns 50 minutos. Uma coisa que achei legal é que, não há necessidade de esperar juntar um grupo ou esperar por um determinado horário. A hora que a gente chega, o guia já nos leve fazer o passeio. Quando estive lá, estava apenas eu e mais duas mulheres. Abre todos os dias da semana.

DSC_0949

Prepare o bolso, pq esse não é um passeio barato. O valor do ingresso em agosto de 2015 era de 30,00 reais.

Para ir de ônibus até a Mina da Passagem, a empresa que faz esse trajeto é a Viação Transcotta. Para saber mais sobre onde pegar esse ônibus em Ouro Preto ou Mariana, é só clicar aqui.

Bruna Bartolamei
Siga-me

Bruna Bartolamei

Catarinense, mas já morou em Curitiba (8 anos) e em Edimburgo, a capital da Escócia (quase 2 anos). Criou o blog pra contar um pouco mais sobre como foi o seu intercâmbio na terra dos Kilts e das Gaitas de Fole, e também, sobre suas viagens pelo mundo.
Bruna Bartolamei
Siga-me
Postado em Brasil, Mariana, Minas Gerais, Ouro Preto
Booking.com
Deixe o seu comentário...