07.02
2016

Manaus: Zoológico do CIGs

O que não falta em Manaus são lugares para ver os animais da região. E nesse caso, um dos lugares mais visitados da cidade é o Zoológico do CIGs (Centro de Instrução de Guerra na Selva), do Exército Brasileiro.

DSC_0846

Ali é possível encontrar aproximadamente 50 espécies dos mais variados tipos de animais (mamíferos, répteis, quelônios, aves, entre outros). 

Dizem que os animais que estão ali ou foram entregues pela população ou foram resgatados pelo Ibama por algum motivo (maus tratos, risco de extinção, contrabando ou simplesmente pq estavam fora do seu habitat natural).

DSC_0647

A visita começa na mais nova atração do zoológico, o Aquário Amazônico, local onde estão alguns peixes da Amazônia, como Pirarucu, Tambaqui, Matrinxã, Pirarara, além de outros peixes exóticos e arraias. A água do tanque está super limpinha, o que facilita bastaaaante a visualização dos animais.

DSC_0671

DSC_0662

DSC_0665

DSC_0655

DSC_0660

Um pouco mais adiante fica a Oca do Conhecimento Ambiental, uma espécie de museu onde podemos aprender um pouco sobre os principais animais da Amazônia…

DSC_0674

DSC_0683

E também, podemos ver alguns exemplares de bichos (aranhas, besouros, borboletas) encontrados por ali…

DSC_0677

E o lugar também exibe uma exposição especial sobre o Sauim-de-Coleira, uma espécie de macaco comum na região que esta em extinção.

DSC_0678

Eles também tem diversos painéis educativos falando sobre a época de pesca de terminados tipos de peixes e o que fazer caso alguém seja picado por uma cobra ou aranha. Apesar de ser um lugar pequeno, os funcionários são bem receptivos e compartilham diversas informações. Adorei!

DSC_0685

Depois disso, começa o Zoológico propriamente dito. Os animais estão todos separados, obviamente.

Uma das alas que eu achei mais legal foi a que estão os jabutis (nessa viagem eu acabei descobrindo que eu só gosto dos animais super leeeentos – bicho-preguiça, tartaruga, jabuti.. hahaha =D).. São muitos jabutis e tem de todos os tamanhos. Engraçado é ver eles caminhando, sem a menor pressa!

DSC_0700

DSC_0826

DSC_0693

DSC_0822

DSC_0828

Logo ao lado estão os quatis. No dia que estivemos lá eles estavam beeem preguiçosos e praticamente nem se mexeram pra nada. Ficaram o tempo todo estirados no telhado de uma casinha..

DSC_0688

DSC_0704

Também vimos diiiiversas araras (vermelhas e azuis)… Meu Deus! É de enlouquecer a gritaria que elas fazem!

DSC_0733

DSC_0734

Não sei como aquele Gavião Real ainda não surtou com aquela gritaria toda! =DD

DSC_0735

DSC_0736

Outra parte beeeem legal do zoológico é a ilha onde estão os macacos. Eles são os unicos animais que estão de certa forma “livres”..

DSC_0769

DSC_0759

É legal parar um tempo ali e ver a habilidade deles de subir, descer e se pendurar nas coisas… Achei bem divertido!

DSC_0795

DSC_0800

Ali pertinho dos macacos tem outra ilha cheia de tartaruguinhaaaas!!! Tartaruga é o meu tipo de animal preferido (junto com o bichinho-preguiça, claro!)!

DSC_0749

DSC_0748

DSC_0751

Também conseguimos ver tucanos e alguns papagaios (que também são super barulhetos!)…

DSC_0744

E finalmente chega a hora de visitar as duas principais atrações do CIGs, as onças preta e pintada! Para ver melhor esses animais, foi construido uma passarela (tipo uma ponte), onde de um lado fica uma onça preta e do outro lado ficam duas onças pintadas.

DSC_0771

DSC_0777

DSC_0780

Logo após atravessar a passarela, a gente consegue ver mais de pertinho as onças pintadas…

DSC_0775

DSC_0784

E mais adiante também estão algumas outras especies de animais desse tipo, como jaguatirica, gato maracajá, entre outros.

Também conseguimos ver antas, jacarés e cobras (sucuris, jararacas, entre outras)..

DSC_0788

DSC_0727

DSC_0728

A visita varia muito de pessoa para pessoa. O lugar é relativamente pequeno e as distancias entre os lugares onde estão cada animal não são grandes. O que determina mesmo o tempo da visita é o interesse em ficar observando (e fotografando) cada animal. Eu acho que a gente levou um pouco menos de 2 horas pra visitar tudo com bastante calma.

DSC_0819

Achei o lugar beeem legal e muito bem cuidado. A unica coisa que as vezes atrapalha um pouco é o calor, mas pra quem quiser se refrescar um pouco, o Aquário Amazônico e a Oca do Conhecimento Ambiental tem ar-condicionado. Ah, também tem banheiros e lanchonete por ali. Vale a visita!

DSC_0820

O Zoológico do CIGs abre todos os dias, exceto as segundas-feiras, onde de terça-feira a sexta-feira, das 09:00 as 17:00 e sábado e domingo das 09:00 as 18:00. Valor de 5,00 reais (essas informações são referentes a visita que aconteceu em novembro de 2015).

* Precisando de hospedagem no Amazonas? Para iniciar as pesquisas no site Booking, é só clicar aqui. *

Posts relacionados:

Próxima viagem: Manaus e Floresta Amazônica

Manaus e Floresta Amazônica: Informações práticas

Dica de hotel em Manaus: Hotel Caesar Business Manaus

Manaus: Onde é melhor se hospedar?

Praia da Ponta Negra, a maior praia fluvial de Manaus

Dica de restaurante em Manaus: Amazônico Peixaria Regional

Manaus: Tour privado para conhecer o Encontro das Águas e muito mais!

Manaus: Reserva Florestal Adolpho Ducke (Museu da Amazônia – Musa e Jardim Botânico)

Bruna Bartolamei
Siga-me

Bruna Bartolamei

Catarinense, mas atualmente morando em Curitiba-PR. Já morou em Edimburgo, a capital da Escócia por quase 2 anos. Criou o blog pra contar um pouco mais sobre como foi o seu intercâmbio na terra dos Kilts e das Gaitas de Fole, e também, sobre suas viagens pelo mundo.
Bruna Bartolamei
Siga-me
Postado em Amazonas, Brasil, Manaus
Booking.com
Deixe o seu comentário...