10.05
2016

Intercâmbio na França: IFAlpes, a escola onde estudei Francês

Escolhi fazer meu intercâmbio na escola IFAlpes, localizada na cidade de Annecy, na França. A escola tem mais de 20 anos de experiência e é parceira da IPAC School of Management (uma faculdade francesa com mais de 1500 anos e atuando em 5 cidades na região da Savóia).

IFAlpes 2

A IFAlpes recebe aproximadamente 180 alunos todos os meses pra estudar francês, de mais de 40 destinos diferentes de todo o mundo.

Eles possuem diversos cursos de francês, desde cursos com 9 horas por semana (caso do curso Semi-intensif), cursos com 15 horas por semana (no caso do curso Intensif) e até cursos de 30 horas por semana (caso do Super-intensif). 

Quando eu ainda estava aqui no Brasil, eu tinha escolhido o Cours de Français + SKI, que nada mais é do que um curso Intensif de 3 horas de duração diária + prática de SKI / esportes de neve.

IFAlpes 5

A prática de SKI ou esportes de neve funcionava da seguinte forma:

1) Na sexta-feira a tarde: a atividade era uma caminhada na neve com raquetes, uma atividade fisica onde se faz uma caminhada na neve com uma espécie de raquete nos pés, essa raquete impede que o pé afunde na neve, facilitando o deslocamento.

2) No sábado o dia todo: a saída para um resort de ski na região acontece por volta das 7 da manhã, com deslocamento feito em van e dura o dia todo.

3) No domingo o dia todo: com saída no mesmo horário que no sábado, pegamos um ônibus (do Ski Club du Fier) e vamos para outro resort de ski da região.

Obs. 1: As estações de ski sempre são diferente.

Obs. 2: O valor do deslocamento para todas as estações de ski e do Ski-Pass já está incluído no valor total do curso. Como eu não tinha nenhum equipamento de snowboard, o único gasto extra que tive foi para alugar os equipamentos quando chegava em cada estação de ski.

IFAlpes 9

Ao chegar em Annecy, vi que a cidade era muito pequena e que os horários de deslocamentos para outras cidades e até mesmo para as estações de ski não eram favoráveis, principalmente com o horário de horas de sol reduzida no inverno.

Então por exemplo, nos dias que tinha aula de manhã, a tarde os deslocamentos só iniciavam as 14:00 e com isso, não dava pra fazer nenhum bate-volta pra qualquer outro lugar na região no mesmo dia, o que acabou complicando um pouco os meus planos de conhecer a região.

Logo no primeiro dia de aula, logo depois de perceber isso, eu achei mais sensato trocar o meu curso para o Super-intensif e estudar 6 horas diárias de francês, perdendo as saídas de sexta-feira a tarde, mas continuando com as saídas de ski no sábado e domingo.

Minha intenção nessa viagem era de estudar francês, de realmente tentar ter uma imersão na língua, então, fazer essa troca de curso e deixar de conhecer outras cidades da região não foi nenhum grande problema. Com isso, foquei mais em conhecer os resorts de ski da região do que as cidades ao redor de Annecy.

IFAlpes 7

Quanto a escolha da escola, eu achei a estrutura muito boa. Eles tem mais de 5 salas de aula, o que não faz a escola ser grande, mas também não é pequena, tendo em vista que haviam aulas tanto na parte da manhã, na parte da tarde ou ambos.

Para estudar o francês aqui, o aprendizado da língua é dividido em A1 até o C2 (onde o A1 é o nível iniciante e o C2 é o nível mais avançado). Eu acabei ficando na turma B2, isso quer dizer que meu nível era B1, mas fui colocado em um nível acima pra ter um desafio e estudar mais.

IFAlpes 6

Assim, quando todos os alunos chegam ou até mesmo antes de chegar (como foi o meu caso), tem que fazer um teste de avaliação do nivel de conhecimento de francês, que inclui um teste de multipla escolha, um teste oral de aproximadamente 8 minutos e uma redação. Como fiz o teste antes de chegar na escola, a prova de multipla escolha e a redação eu fiz online e o teste oral fiz via skype com o professor. Após isso eles te avaliam e te entregam a grade de horários no primeiro dia de aula.

No primeiro dia de aula, eles me apresentaram a escola (com duração de aproximadamente 1 hora) e depois fizemos um tour a pé pela cidade (com duração de 1 hora também) onde eles mostram onde fica o mercado, a estação de trem, a rodoviária, o cinema, o principal shopping da cidade, restaurantes ao redor da escola, o teatro, a biblioteca, além de uma breve caminhada pelo Centro Histórico de Annecy. Claro que toda essa apresentação é feita em francês, porém eles se disponibilizam em explicar em inglês também, mas eles evitam ao máximo, que é pro aluno já ir se acostumando com o sotaque.

IFAlpes 1

Após essas apresentações, voltamos pra escola e estamos liberados. Quem teve essa apresentação na parte da manha, tem aula a tarde e quem teve aula na parte da manhã, teve essa apresentação a tarde. Assim ninguém perde nenhum dia de aula.

Como já expliquei anteriormente, no segundo dia de aula eu preferi alterar meu curso de Intensif para Super-intensif de acordo com os motivos já apresentados e não tive nenhum problema, eles alteraram minha programação.

Eu chegava na aula as 09:00 e saia as 12:20 para o almoço e retornava as 13:30 até as 16:50 para a aula. Apos isso, sempre dava uma volta na cidade principalmente no Centro Histórico (em dias com tempo bom) ou no shopping, lojas ou atrações turísticas (nos dias de muito frio e com chuva).

IFAlpes 3

IFAlpes 8

A escola conta com um refeitório bem simples, equipado com um microondas e uma geladeira, ambos de uso coletivo. Tem ainda uma máquina de venda de comida e uma máquina de venda de café.

A escola também tem uma pequena biblioteca, onde eles emprestam livros e revistas pra levar pra casa. E ainda, tem uma sala de informática, com vários computadores.

As salas de aula são bem estruturadas, os professores não perdem tempo em instalar cabos e projetores. Tudo já está devidamente instalado e configurado pra aula. Nesse sentido a estrutura é muito boa.

IFAlpes 10

As aulas envolvem principalmente a produção oral e a escuta do francês. A parte escrita fica como tema de casa. Eles não te obrigam a fazer nada e quem não fizer os temas, não acontece nada. Mas claro que eu sempre fazia, afinal, o preço dessa brincadeira toda não estava saindo barato para não cumprir totalmente o cronograma.

O material é sempre entregue em sala de aula, ou seja, não recebemos um livro. Os professores entregam diversas fotocopias para cada aluno de acordo com o tema proposto para aquela aula.

Os professores são bem simpáticos, brincam o tempo todo e só falam francês obviamente. Não permitem que os alunos se comuniquem em outra língua durante as aulas e pegam no pé valendo. É importante falar francês sempre, tanto dentro de sala de aula como na rua, lojas, restaurantes.

IFAlpes 11

Todos os colegas que tive eram muito simpáticos e comprometidos com o estudo do francês. Afinal, fazer um intercâmbio é caro pra todo mundo. Na minha sala haviam principalmente colombianos e alemães, mas também tive colegas croatas, russos, neozelandeses, britânicos, taiwanês, japoneses, vietnamitas, entre outros.

A escola também auxilia com a hospedagem. Mas esse não foi o meu caso, pois como já contei nesse post aqui -> Intercâmbio na França: As opções de hospedagem e onde eu escolhi me hospedar, eu optei por alugar um apartamento no centro de Annecy.

IFAlpes 13

A IFAlpes também tem outros cursos, além desses que citei no inicio desse post, como por exemplo: Français + Affaires (voltado para o mercado de trabalho), cursos voltados para quem quer estudar em alguma faculdade na França e ainda, os cursos específicos pra quem quer fazer testes de nivelamento de francês de forma oficial como o DALF/DELF/TCF (muito usado para trabalho ou até mesmo estudos superiores).

E por fim, a escola também faz alguns eventos, como saidas para jogos de hockey (ver o time local jogar), visitação a alguns lugares históricos da cidade (como no caso do hotel de luxo da cidade com cassino), palestras sobre temas diversos (o tema do mês quando estive lá era sobre a estrutura de ensino da França), eventos de degustação de queijos e vinhos da região, entre outros.

IFAlpes 12

Como já falei nesse post aqui -> Próxima viagem: Intercâmbio na França a experiência foi rápida, mas muito boa. Gostei tanto, que daqui uns 2 anos estou cogitando fazer outro intercâmbio para treinar e melhorar um pouco mais o meu francês.

Quem quiser saber mais sobre meu intercâmbio, é só ficar ligado aqui no blog e nas redes sociais (Instagram e Facebook) com a hastag #IntercambioNaFrança. Caso tenham alguma duvida, sugestão ou curiosidade, é só deixar nos comentários.

Post relacionado:

Todos os posts sobre meu intercâmbio na França

Siga o Blog Contando as Horas nas redes sociais:

no Instagram: @brunabartolamei

e curta nossa fanpage no Facebook: facebook.com/ContandoAsHoras

Raul Bartolamei
Siga-me

Raul Bartolamei

Catarinense, formado em Administração e Direito. Eventualmente escreve no blog sobre suas viagens, tours em estádios e jogos de futebol. E agora, também, sobre seu intercâmbio na França.
Raul Bartolamei
Siga-me
Postado em Alpes Franceses, Annecy, França, Intercâmbio na França - , , , , , , , , ,
Compartilhe
Deixe um Comentário
11 comentários em "Intercâmbio na França: IFAlpes, a escola onde estudei Francês"
  1. Rodrigo Silva   15/05/16 • 00h11

    Nossa, eu estava procurando informações sobre essa escola há algum tempo, e seu post vai de encontro ao que eu queria saber! Foi ótimo para mim, muito obrigado :)
    Deixe-me fazer umas perguntas.. Você fez a matrícula diretamente com a escola ou por alguma agência? O processo da matrícula e pagamento foi tranquilo?
    E quanto à cidade, havia bastante coisa pra fazer (fora o ski)? É fácil alugar uma bicicleta por lá? E o transporte público, é prático/fácil de usar?
    Com relação ao bate-voltas, quais cidades próximas você visitou/recomenda? E em relação ao que você falou, você acha que o curso Intensif sozinho vale a pena? O super-intensif é interessante mas acaba sendo bem mais caro.
    Ah, acho que a ordem dos níveis é o contrário, não? O A1 como iniciante e C2 como mais avançado, geralmente essas siglas são padrões do Quadro Europeu Comum de Referência para Línguas (CEFR)

    Abraços e parabéns pelo post! :D

    • Raul Bartolamei   16/05/16 • 11h25

      Bom dia Rodrigo,

      Então a matricula fiz via agencia. Tudo tranquilo, muito simples… so passei meu dados e paguei. Logo teremos um post sobre esse procedimento.

      A cidade é muito boa, limpa, o transporte público é o ônibus, facil de usar tbm… já com relação ao que fazer na cidade nao tem muita coisa nao, em um final de semana vc consegue visitar tudo que tem de turismo la. Alem de ficar tudo próximo, não são muitas coisas. Tem alguns castelos pela região, mas eu nao fui. Bicicleta tem aquele sistema tipo Paris, onde se aluga nas maquinas as bicicletas, bem tranquilo tbm.

      Os bate e volta são complicados, pq tudo é um pouco longe… Lyon fica a mais de 1 hora, então em dia de aula sem chance de fazer algo aproveitável. Já nos finais de semana é uma boa pedida, eu não fiz nenhum bate e volta desse tipo, pq preferi conhecer as estações de esqui da região, então não posso te dizer muito sobre as cidades ao redor.

      Como não tem muita coisa para fazer em Annecy, eu achei muito tranquilo fazer o Intensif (tranquilo no lado negativo) acaba sobrando muito tempo sem ter o q fazer, por isso resolvi trocar o curso la para o superintensif, o que foi muito produtivo, e exaustante, essa foi a minha ideia.

      Realmente houve um equivoco com relação aos níveis, obrigado por nos avisar.

      Abraço

  2. Priscila Paulino   05/10/16 • 16h30

    Muito bacana seu post, obrigada por dividir tudo isso! Estou comecando a ver cidades e escolas pela Franca e Suica para passar minhas proximas ferias melhorando meu frances. Pesquisei essa escola e acho que vou ficar em Annecy. Voce acha que fez uma boa escolha indo pra essa cidade no lugar de tantas outras por ai? Infelizmente so posso ficar 2 semanas fora do meu trabalho :(

    Obrigada e desculpa a falta de acentuacao desse texto.

    • Raul Bartolamei   05/10/16 • 23h02

      Ola Priscila,

      Obrigado pelo comentario. A cidade é pequena. Para até 2 semanas se for estudar, ótimo, é um bom tempo, da para ir a Genebra, Lion e algumas outras cidadezinhas na região, pode conhecer os vários morros dos Alpes franceses tbm, porem se for mais tempo, ou se não for estudar, aconselho ir a uma cidade maior, como Nice, ou Marseille, ate mesmo Paris.

      Não que eu não tenha gostado de Annecy, muito pelo contrario, gostei muito, mas se eu não tivesse ido para estudar de manhã e a tarde, com certeza iria sentir falta do que fazer.

  3. GUSTAVO FERREIRA   06/10/16 • 15h56

    Boa tarde,
    poderia informar qual agência você usou para intercambio na IFALPES em Annecy?

    • Raul Bartolamei   13/10/16 • 09h34

      Ola Gustavo,

      A agencia que utilizei foi a Travelmate aqui da cidade de Chapecó-SC.

      Att;

  4. Vera Rodriguez   10/02/17 • 10h27

    Muito bom seu post…inclusive eu achei a organização do lugar maravilhosa!

    • Raul Bartolamei   13/02/17 • 09h47

      Vera,

      Obrigado. Realmente a escola é muito organizada, as pessoas se importam com você… e os professores são ótimos. Indico o lugar.

  5. Ana Carolina   11/07/18 • 15h44

    Olá,

    A escola IFALPES está em reforma, fiz um curso superintensivo no mês de junho/18 e eles estavam aumentando a escola.
    Gostei muito da cidade e da escola também, porém fiz um curso superintensivo de 4 semanas e no final recebi o mesmo certificado dos colegas que fizeram a metade de H/A que eu fiz…isso me chateou um pouco.

    • Raul Bartolamei   17/07/18 • 23h15

      Ola Ana Carolina,

      Ótimo ler o seu relato, realmente fica de aviso então para o pessoal obter mais informações sobre os certificados, como o meu curso era pequeno, eu realmente não busquei maiores informações sobre isso.

      Obrigado por compartilhar.

  6. Ana   18/09/18 • 18h20

    Gostaria de saber a duração do seu curso de francês e se tem curso para aprender somente nas férias de janeiro do Brasil, pois só posso nessa época? Obrigada!!

Blog Membro RBBV
Contando as Horas
Edimburgo! 💛💛💛
.
Se quando eu estava no Brasil e precisava atravessar o Atlantico, eu sempre estava por aqui, agora morando em Portugal, eu vou aparecer com muito mais frequência.
.
Como sempre, foi pouco tempo, mas o suficiente pra amenizar a saudade.
.
Melhor presente de aniversário (antecipado) que eu poderia dar a mim mesma. 😁😁😁 (Olha que a conversão não ta nada favorável: 1,00 libra = 5,14 reais 🤯).
.
Em 2020, eeeuu volto! 🏴󠁧󠁢󠁳󠁣󠁴󠁿💙☺️
.
📍Edimburgo, Escócia
.
#castelodeedimburgo #edinburghcastle #edimburgo #edinburgh #escocia #scotland #visitacotland #escocia2029 #eurotrip #outono #fall #autumn #loveautumn #proximaviagem #amoviajar #mulheresviajantes #travelgirl #essemundoenosso #meusroteirosdeviagem #brasileirosnaescocia #viagens #sourbbv #viajar #travel #picoftheday #helloescocia
#tbt Ano passado, exatamente nesse dia, eu chegava em Lisboa para colocar em prática tudo o que havia planejado nos meses anteriores.
.
Para quem tiver interesse em vir para Portugal com o visto D2 (visto de empreendedor), basicamente é necessário seguir os seguintes passos:
- Tirar o NIF (equivalente ao CPF no Brasil), nas Finanças ou na Loja do Cidadão. Precisa ir junto um cidadão português ou um estrangeiro, desde que possua a AR.
- Abrir uma conta pessoal (em pt-pt pessoa singular).
- Arrumar um contador (em pt-pt contabilista).
- Fazer a constituição da empresa no modelo “Empresa na Hora” na Loja do Cidadão (dar inicio na atividade, fazer a ata da empresa, assinar mil coisas, entre outros procedimentos).
- Abrir uma conta pessoa jurídica (pt-pt pessoa coletiva).
** Entre esses procedimentos, sao necessarios alguns dias. Se quiser aproveitar pra passear, é o momento. Eu fui a Rússia e a Escócia , enquanto aguardava ter tudo pronto para a Segurança Social.
- Fazer os procedimentos na Segurança Social.
** Nesse periodo, ja aproveite pra ir fazendo o plano de negócios (necessário para apresentar no Consulado no momento que for solicitar esse tipo de visto).
.
📍Azenhas do Mar, Portugal 🇵🇹
.
#azenhasdomar #oceanoatlantico #portugal #turismodeportugal #visitportugal #vidaemportugal #travelgirl #viajemais #essemundoenosso #mulheresviajantes #brasileirosemlisboa #instaviagem #viagemeturismo #cahemportugal #mar #meusroteirosdeviagem #sourbbv #revistaqualviagem #amoviajar #viajar #brasileirosemportugal #trabalharemportugal #eurotrip2019 #portugalovers #moraremportugal #vistod2 #arportugal #vistod2portugal #vidaemportugal #instaportugal
Parece que foi ontem, mas hoje completa 6 meses desde que cheguei em Portugal. 🇵🇹
.
Eu poderia fazer uma lista (interminável) de tudo que já fiz nesse tempo, mas pensei melhor e resolvi falar sobre o idioma.
.
- Os portugueses atendem ao telemóvel falando “estou”, e nós atendemos o celular falando “oi”.
- Eles falam partilhar e nós falamos compartilhar.
- Eles dizem frigorífico, e nós geladeira.
- Os portugueses vão a casa de banho, os brasileiros vão ao banheiro.
- Eles atravessam a rua na passadeira, e nós na faixa de pedestres.
- Os portugueses compram sandes, gelado e sumo, e nós sanduiche, sorvete e suco.
- Eles tomam chá em uma chávena, nós tomamos chá em uma xícara.
- Eles dizem súshi e nos, sushí.
- Os portugueses são giros (estou fazendo uma moral 😅😅😅), os brasileiros são gatos.
- As portuguesas são fixes, as brasileiras são legais.
- As portuguesas usam cuecas (essa é difícil de acostumar hahaah), e as brasileiras usam calcinhas.
- Os portugueses dizem que fizemos perguntas parvas, e nós dizemos que eles respondem idiotices.
- Os portugueses dizem gajo e rapariga, e nós (no sul do Brasil) guri e guria.
- Eles andam de métro, autocarro, electrico e comboio, e nós de metrô, ônibus, bondinho e trem.
- Aqui as coisas são “sem piada”, no Brasil, as coisas são “sem graça”.
- Em Portugal existem jogadores chamados de guarda-redes e avançados, no Brasil são chamados de goleiros e atacantes.
- Em Portugal eles gritam golo, no Brasil gritamos gol.
- Em Portugal os jogadores usam camisola (ahahah essa tbm é dificil de acostumar), e no Brasil, camisa.
- Eles metem um “gosto” nas fotos do Ig e Facebook, nos colocamos um “curtir”.
.
Com certeza já aprendi muitas outras palavras, mas agora lembrei dessas.
.
Como dá pra perceber nessa listinha que vos (primeira vez que uso essa palavra na vida 🤣🤣🤣 nem sei se estou usando certo) escrevi, a língua portuguesa é igual, mas é diferente. 😅😅
.
Ah! E as despedidas: por email, sempre são com “melhores cumprimentos“, que substitui o famoso “atenciosamente” no Brasil, e por telefone (ainda tambem não me acostumei com essa) eles dizem: “com licença, beijinhos”.
.
Que venham os próximos 6 meses!
🇵🇹🇵🇹🇵🇹🇵🇹🇵🇹🇵🇹
.
📍Portugal 🇵🇹
50 tons de verde! 💚
.
Parece que estou sozinha no parque, mas 20 segundos depois passou por aqui um milhão de chineses. 😅😅😅
.
📍Plitvice, Croácia 🇭🇷
.
#plitvice #plitvicelakes #lagosplitvice #plitvickajezera #croacia #croatia #eurotrip #outono #nature #lakes #portugal #tapportugal #croatiaairlines #amoviajar #mulheresviajantes  #travelgirl #essemundoenosso #meusroteirosdeviagem #brasileirosnaeuropa #brasileirosnacroacia #viagens #travelphotography #sourbbv #viajar #travel #europa #picoftheday #euamoviajar #trilhas
Minha primeira viagem depois de me mudar para Portugal é para... Croácia! 🇭🇷😁 Achei uma passagem com preço bom e resolvi comprar de última hora.
.
Esse voo de Lisboa para Zagreb (capital da Croácia) é recente, existe desde abril desse ano. De Zagreb até aqui, o trajeto de ônibus/autocarro é feito em mais ou menos 2 horas.
.
Essa é minha 3x na Croácia, e dessa vez vim conhecer uma das maiores atrações do país: o Parque Nacional dos Lagos de Plitvice.
.
São 16 lagos e 4 tipos de trilhas, mas eu fiz as trilhas B e C (cor verde). Uma percorre os Lower Lakes e a outra, os Upper Lakes. Nem tudo fiz a pé, existe passeio de barco e ônibus/autocarro que percorrem algumas partes.
.
Dois dias são suficientes para conhecer as principais partes. E sééério, venham no outono. A cada 3 passos uma foto! 🍁🧡
.
📍Plitvice, Croácia 🇭🇷
.
#plitvice #plitvicelakes #lagosplitvice #plitvickajezera #croacia #croatia #eurotrip #outono #fall #autumn #loveautumn #nature #lakes #proximaviagem #portugal #lisboa #tapportugal #croatiaairlines #amoviajar #mulheresviajantes #travelgirl #essemundoenosso #meusroteirosdeviagem #brasileirosnaeuropa #viagens #sourbbv #viajar #travel #europa #picoftheday
No terceiro (e último dia) fizemos a trilha nos Passadiços do Paiva.
.
Essa trilha tem mais ou menos uns 8 km, e a maior parte do percurso é feita nessas estruturas de madeira que foram construídas ao longo da margem esquerda do rio Paiva.
.
Existem dois pontos de início: em Areinho e Espiunca. Nós optamos por começar em Areinho, pq apenas os primeiros 30 minutos são subida e o restante do trajeto é descida ou linha reta.
.
Pelo caminho encontramos cascatas, praias fluviais e falhas geológicas.
.
A entrada no parque é limitada e paga. Se comprar o bilhete pela internet sai mais barato (2,00 euros) e não corre o risco de ir até lá e não conseguir entrar no parque.
.
📍Passadiços do Paiva, Portugal 🇵🇹
.
#arouca #areinho #espiunca #passadiçosdopaiva #aroucageopark #turismocentrodeportugal #turismodeportugal #visitportugal #vidaemportugal #travelgirl #viajemais #mulheresviajantes #essemundoenosso #meusroteirosdeviagem #brasileirosemportugal #instaviagem #viagemeturismo #agenciadeviagem #amoviajar #viajar #summer #verao #veraoeuropeu #moraremportugal #viveremportugal #viajarfazbem #vamosviajar #travelphotography #portugaltrip #portugal2019
Contando as Horas