19.06
2016

Villa la Angostura: Cerro Bayo, a primeira estação de ski boutique da Argentina

A cidade de Villa la Angostura está localizada as margens do Lago Nahuel Huapi e consequentemente, também está dentro do Parque Nacional Nahuel Huapi. Essa cidade fica a 85 km de Bariloche, bem no meio do caminho entre Bariloche e San Martin de los Andes.

CB 1

Essa cidadezinha da Patagônia Argentina de apenas 12 mil habitantes é muito procurada durante os meses de inverno por causa da sua estação de ski, o Cerro Bayo

CB 2

CB 3

Localizado na Cordilheira dos Andes, essa montanha tem 1.792 metros de altura. Pra quem gosta de sossego e menos muvuca, essa estação de ski é uma boa alternativa as estações de ski de Bariloche, principalmente o Cerro Catedral.

CB 8

De uns tempos pra cá, essa estação de ski passou a se auto intitular de Centro de Ski Boutique, com o objetivo de oferecer um serviço de excelente qualidade e sem filas de espera gigantes. O que eu posso dizer é o seguinte: por ser uma estação menor, é beeem mais fácil se localizar por ali e consequentemente, da uma sensação de melhor proveito do dia.

CB 4

Logo que chegamos, bem na entrada já estão os guiches para comprar os passes. Junto a esses guiches estão alguns mapas, pra gente já ir se familiarizando com a estação de ski.

CB 5

CB 6

Passando a casinha dos guiches de ingressos, estão os restaurantes/bares e algumas lojinhas (inclusive tem 2 ou 3 lojas para aluguel de roupas e equipamentos).

CB 7

Nosso grupo era grande, estávamos em 12 pessoas, todos estavam com roupas próprias, mas ninguém tinha os equipamentos. Então, precisamos alugar algumas coisas, como os esquis/snowboards e óculos de neve. Por ser uma estação menor, foi super rapido e muito tranquilo (não tinha muvuca ou fila de espera para alugar os equipamentos).

CB 9

CB 10

Depois disso é hora de pegar os equipamentos e se dirigir ao teleférico. O teleférico estava localizado logo acima da loja onde alugamos todos os equipamentos de ski. O teleférico são tipo gôndolas fechadas, com capacidade para umas 4 pessoas. O tempo de subida é de uns 10 minutos, no máximo. No caminho, já dá pra ver as pistas de ski (que imagino que pela inclinação sejam referentes aos níveis intermediário).

CB 11

Primeira parada do teleférico

O teleférico faz duas paradas, uma para as pistas de iniciantes e intermediárias e outra, mais lá no topo, para os avançados. Nos só ficamos na primeira parada, afinal, era ali onde estavam as nossas pistas, os restaurantes e os mirantes para o Lago Nahuel Huapi.

CB 12

Segunda parada do teleférico (a esquerda)

CB 22

No total, o Cerro Bayo tem 24 pistas de ski espalhadas em 12 km de área esquiável, sendo que 2 são para iniciantes, 10 para intermediários e 12 para avançados ou experts.

CB 14

CB 15

Pista Iniciante 1

CB 24

CB 23

Quem quiser, pode contratar aulas pra aprender a esquiar, que podem ser particulares ou coletivas. Já falei sobre isso no post do Cerro Catedral e como aqui também funciona mais ou menos no mesmo esquema, quem tiver interesse em saber mais detalhes, é só clicar aqui -> Bariloche: Cerro Catedral, a maior estação de ski da América do Sul.

CB 16

CB 17

Pista Iniciante 2 (mais inclinada)

CB 25

Como nós fizemos aula particular no Cerro Catedral, achamos que não era necessário contratar mais aulas. Então, com os equipamentos alugados, ficamos boa parte da manhã na pista para iniciantes.

CB 18

Pista Panorâmica – Para intermediários

Fazendo uma comparação entre as pistas de iniciantes do Cerro Catedral e do Cerro Bayo, minha opinião é a seguinte:

CB 19

1) A pista do Cerro Catedral fica na base da montanha, já a pista de iniciantes do Cerro Bayo fica lá no alto.

CB 21

2) A pista do Cerro Catedral tem uma area sem inclinação, perfeita pra perder o medo de deslizar o esqui, coisa que no Cerro Bayo não tem.

CB 20

Restaurante perto da Pista de Iniciante

3) A pista do Cerro Bayo é um pouco mais inclinada do que a do Cerro Catedral. Eu fiquei um tempãããão me enrolando pra criar coragem e descer pela primeira vez la no Cerro Bayo (mas eu tbm sou muito medrosa, então, levem em consideração essa questão).

CB 28

CB 27

4) No Cerro Bayo existem duas pistas para iniciantes, que estão localizadas no mesmo lugar, com uma area mais plana no meio (onde da pra dar uma treinadinha pra perder o medo de deslizar). A pista que fica pro lado do teleférico é a mais basiquinha (e eu só fiquei nessa) e a outra, é um pouco mais inclinada e se continuar a descer, logo da pra entrar na área de intermediários que desce em meio a floresta (meus primos e meu irmão foram nessa pista intermediária na parte da tarde, mas eu não tive coragem).

CB 26

Ah, desde a temporada de 2015, é possível fazer caminhada com raquetes de neve, ski-bunda, descer de tubing, entre outras coisas. A gente até queria encarar ski bunda depois do almoço, mas como almoçamos super tarde (por volta de umas 15:00), não dava mais tempo suficiente pra fazer algo decente (afinal, a gente tinha que descer de teleférico, devolver os equipamentos, alugar o ski bunda, pegar o teleférico de volta). Em um grupo com bastante pessoas, é preciso administrar muito bem o tempo, senão acaba acontecendo  como nós.

CB 29

Pra quem não quiser fazer nenhum esporte de inverno, é possível comprar um passe chamado “Passe Peatón / Peatón Senior”, onde a pessoa pode subir e descer no teleférico, circular por todas as áreas da estação de ski, mas não pode esquiar. Para essa temporada de 2016, na alta temporada, o valor é de 440,00 pesos (mais ou menos uns 110,00 reais).

CB 33

Já pra quem for esquiar, existem passes por dias (Peatón, meio dia, 1 dia, 2 dias, 3 dias, 4 dias, 5 dias, 6 dias, 7 dias, 7 dias universitário e 15 dias) e os preços variam de acordo com a temporada também (baixa, media ou alta). Quanto mais dias comprar, mais barato fica o dia. Como estávamos hospedados em Bariloche e fomos lá apenas 1 dia, compramos o passe mais simples de 1 dia.  Agora em 2016, na alta temporada, tá 950,00 pesos (o equivalente a 240,00 reais mais ou menos). Mais detalhes sobre as tarifas, aqui.

CB 30

Para ir até la: Como estávamos hospedados em Bariloche, contratamos um remis que nos levou bem cedo e foi nos buscar em um horário combinado no final da tarde. Villa la Angostura fica a mais ou menos 1 hora de carro de Bariloche.

CB 32

Ultima foto antes de pegar o teleférico pra ir embora.. Pista dos Iniciantes

A temporada 2016 está marcada para começar em 25 de junho indo até 25 de setembro. Por enquanto, pelo que vi hoje, a montanha esta aberta apenas para “peatones”, ou seja, só pra quem vai visitar, mas não vai praticar nenhum esporte de inverno.

* Precisando de hospedagem em Villa la Angostura? Para iniciar as pesquisas no site Booking, é só clicar aqui. *

Posts relacionados:

Todos os posts sobre Bariloche

Ski x Snowboard: As principais diferenças e equipamentos necessários

Sites para ver as condições de neve nas estações de ski da Argentina

Argentina 4U: A nova parceria do blog para reservas de passeios nas principais cidades turísticas da Argentina

Siga o Blog Contando as Horas nas redes sociais:

no Instagram: @brunabartolamei

e curta nossa fanpage no Facebook: facebook.com/ContandoAsHoras

Bruna Bartolamei
Siga-me

Bruna Bartolamei

Catarinense, mas atualmente morando em Curitiba-PR. Já morou em Edimburgo, a capital da Escócia por quase 2 anos. Criou o blog pra contar um pouco mais sobre como foi o seu intercâmbio na terra dos Kilts e das Gaitas de Fole, e também, sobre suas viagens pelo mundo.
Bruna Bartolamei
Siga-me
Postado em Argentina, Estações de Ski, Villa la Angostura
Booking.com
Deixe o seu comentário...