25.07
2016

Dica de Hotel no Vale dos Vinhedos: Pousada Villa Valduga

Organizar uma viagem ao Vale dos Vinhedos rende a possibilidade de descobrir ótimas opções de hospedagens. E foi o que aconteceu comigo!

O meu roteiro pela Serra Gaúcha teve duração de 9 dias, sendo que 5 deles eu optei por me hospedar literalmente no Vale dos Vinhedos. Dividi a minha hospedagem em 2 partes: 3 dias no Hotel & Spa do Vinho Autograph Collection (clique aqui para ver o post) e os outros 2 dias na Pousada Villa Valduga. Encontrei tantas boas opções, que não consegui me hospedar em apenas um único hotel!

Villa Valduga 5

A Casa Valduga foi a primeira vinícola do Vale dos Vinhedos a oferecer uma experiência completa de enoturismo, com visita a vinícola, hospedagem em suas pousadas e restaurantes.

Dentro da vinícola Casa Valduga fica a Villa Valduga, um local formado por 5 pousadas, chamadas de Raízes, Identidade, Leopoldina, Gran e Storia (essa é a ordem da mais antiga para a mais nova), onde os nomes de cada uma delas presta uma homenagem aos principais vinhos da casa .Todas essas pousadas ficam lado a lado, perto dos vinhedos, da fábrica, da enoboutique e dos restaurantes. 

Villa Valduga 2

O ideal é ficar ali pelo menos 2 dias, pra poder conhecer tudo o que a Casa Valduga oferece (lojinha, tour, curso sobre vinhos, entre outros), além de igrejinhas e vinícolas próximas (tema para o próximo post!).

Villa Valduga 22

Pousada Identidade e local onde também fica a recepção (fachada amarela)

Villa Valduga 26

Pousada Leopoldina

As 5 pousadas oferecem no total 24 quartos, mas eu optei por me hospedar na Pousada Gran, por dois motivos:

Villa Valduga 6

Pousada Gran

1) Era a única que oferecia um quarto individual, eu fiz essa viagem sozinha.

2) Era uma das pousadas mais novas do complexo, ficando atras somente da Pousada Storia (que é a mais chiquezinha).

Villa Valduga 8

Villa Valduga 1

A Pousada Gran é toda feita de pedra basalto, tem apenas 7 quartos, sendo 5 na categoria luxo, 1 master e uma luxo single.

Villa Valduga 10

Meu quarto era o Luxo Single, como esperado, era bem pequeno (mas por ser um quarto pra 1 pessoa, dá pra se virar tranquilinho), afinal, só tinha uma cama de solteiro (colchão excelente). Além disso, tem um guarda roupas, um móvel com a tv, mini bar, um local pra colocar a mala, ar-condicionado e ventilador de teto (pra quem for no verão), calefação (pra quem for no inverno) e uma sacada (com vista para todo o complexo).

Villa Valduga 9

A vista do meu quarto

O banheiro também era igualmente pequeno. Na verdade, achei o tamanho do quarto bem ok, mas o banheiro eu realmente achei muito pequeno. Tinha apenas chuveiro, que era muito bom, mas depois do banho não parava mais de pingar (não consegui dar jeito nisso e tive que aguentar esse barulho chato e irritante hehe). Os produtinhos são da linha Vinotage, produzidos pela própria Valduga. Gostei bastante!

Villa Valduga 4

Villa Valduga 3

O legal de ficar nessa pousada é que ela fica bem no meio de todas as outras, portanto, a localização é excelente. Fica a poucos passos da lojinha, do restaurante, da fábrica e dos vinhedos. A única coisa que fica mais longe é a recepção, que está localizada na ultima pousada do complexo (com relação a entrada principal da vinícola Casa Valduga), a Pousada Identidade.

Villa Valduga 28

Villa Valduga 25

Pousada Raízes

O hotel oferece conexão wifi gratuita em todo o complexo e funcionava muito bem. No valor da diária também está incluído o café da manhã.

Villa Valduga 11

O café da manhã é servido no restaurante localizado junto a Pousada Raízes (a primeira pousada da Villa Valduga). Achei o café da manhã bom, com uma boa variedade de pães e bolos, frios, sucos. Pratos quentes não eram muitos, apenas omelete e waffles. Também servem chá, sucos, café e tal.

Villa Valduga 12

No mesmo local onde é servido o café da manhã funciona um dos restaurantes, que serve apenas lanches rápidos. Tive que jantar ali na minha primeira noite, no domingo, pois o restaurante principal, o Restaurante Maria Valduga não funcionava nesse dia no jantar (almoço no domingo funciona normalmente).

Villa Valduga 13

Villa Valduga 21

Aproveitei pra pedir bruschettas, uma sopa de capelleti e sorvete artesanal com calda de frutas vermelhas e (estranhamente) pedi uma espumante da casa pra acompanhar tudo isso.

Villa Valduga 18

Ja na segunda-feira, minha ultima noite nessa pousada, fui conhecer o restaurante Maria Valduga. Considerado um dos melhores restaurantes do Vale dos Vinhedos. A noite esse restaurante tem menu pré-definido e preço fixo (na segunda-feira de meio dia esse restaurante não abre).

Villa Valduga 17

O menu pré-definido é dividido em entrada, prato principal, segundo prato e sobremesa. Eles vão trazendo os pratos na ordem, caso tenha algum que não queira, é só avisar o garçom.

Villa Valduga 20

Villa Valduga 16

Quanto as bebidas, eles só servem sucos, vinhos e espumantes produzidas pela Casa Valduga, além de água. Eu tinha lido na internet que fazia pouco tempo que eles também estavam produzindo cerveja, chamada de Leopoldina, perguntei ao garçom se poderia provar (mesmo não estando no cardápio) e deu tudo certo.

Villa Valduga 14

Villa Valduga 19

Gostei bastante de todas as opções, apenas achei que os pratos poderiam ser servidos de forma mais agilizada. Sempre tive que esperar uns 10 a 15 minutos entre cada prato servido. Mas no geral, a comida é muito boa, tava tudo realmente muito bom.

Villa Valduga 15

Quanto ao valor, eu paguei 85,00 reais + bebida (água + cerveja Leopoldina), não lembro o valor final ao certo, mas foi menos de 100,00 reais.

Villa Valduga 29

Pousada Storia

Quem quiser se hospedar nas pousadas da Villa Valduga, deve fazer a reserva diretamente no site da Casa Valduga, pois essas pousadas não estão nos sites de busca de hotel, como o Booking, por exemplo. No ato da reserva, é necessário pagar 50% do valor total via deposito bancário e o restante é pago la mesmo no hotel, na hora do check-out.

Villa Valduga 23

A Casa Valduga e Villa Valduga estão localizados na Via Trento, 2355, Linha Leopoldina, no Vale dos Vinhedos. O local fica a uns 15 minutos de carro do centro de Bento Gonçalves.

** Se você gostou das dicas desse blog e quiser dar uma força reservando hotel em Bento Gonçalves através do site Booking, para iniciar as pesquisas, é só clicar aqui -> Reservar hotel em Bento Gonçalves. Obrigada!!! **

** Importante: Ao reservar um hotel através de um link do site Booking aqui nesse post, será repassado uma comissão ao blog Contando as Horas. **

** Não sabe como utilizar o site do Booking? Aqui vai um post bem detalhado sobre como escolher e reservar um hotel. **

Posts relacionados:

Próxima viagem: Serra Gaúcha

Serra Gaúcha sem carro: Sim, é possível!

Todos os posts sobre Gramado

Todos os posts sobre Canela

Todos os posts sobre Bento Gonçalves

Todos os posts sobre Garibaldi

Siga o Blog Contando as Horas nas redes sociais:

no Instagram: @brunabartolamei

e curta nossa fanpage no Facebook: facebook.com/ContandoAsHoras

Bruna Bartolamei
Siga-me

Bruna Bartolamei

Catarinense, mas já morou em Curitiba (8 anos) e em Edimburgo, a capital da Escócia (quase 2 anos). Criou o blog pra contar um pouco mais sobre como foi o seu intercâmbio na terra dos Kilts e das Gaitas de Fole, e também, sobre suas viagens pelo mundo.
Bruna Bartolamei
Siga-me
Postado em Bento Gonçalves, Brasil, Rio Grande do Sul
Booking.com
Deixe o seu comentário...