20.12
2016

O que fazer no Centro de Florianópolis

Contrariando a maioria das capitais brasileiras, Florianópolis não é a maior cidade do estado de Santa Catarina. Floripa ocupa o segundo lugar, ficando atras somente de Joinville. Se durante a maior parte do ano é fácil explorar Floripa, o mesmo não acontece no verão, quando a ilha fica literalmente lo-ta-da de turistas.

floripa

Se estiver em Floripa em um dia que não esteja dando praia, inclua uma visita ao centro da cidade, afinal, essa região é super compacta e a melhor opção para conhecer tudo com calma é a pé (evite ao máximo fazer programas que exijam grandes deslocamentos de carro, pq o trânsito é uma loucura). 

IMG_1058

Nessa minha ultima viagem à Floripa eu comecei meu roteiro pelo centro da cidade no Mercado Público. Atualmente o Mercado Publico tem 140 boxes, onde é possivel encontrar absolutamente tudo, desde alimentos, peixes, roupas, artesanatos, entre outros. Nesses últimos anos o mercado esteve fechado pra reforma, mas foi reinaugurado no inicio de 2016.

IMG_1068

Praticamente em frente, fica a Casa da Alfândega. Até 1964 ela estava em pleno funcionamento, afinal, ali perto existia o Porto de Florianópolis.

IMG_1061

Repare que na pracinha bem em frente fica um monumento feito com vários bilros, peças que são usadas para produzir as rendas de bilro, herança da colonização portuguesa na cidade.

IMG_1063

Perto dali fica Praça Fernando Machado, local onde fica o Memorial ao Miramar, construído para indicar o local exato onde ficava a antiga marina de Floripa. Essa área do centro da cidade ainda não tinha sido aterrada, então, as embarcações chegam ate ali para descarregar mercadorias no Mercado Público.

IMG_1052

Nessa mesma praça também tem uma estátua do Coronel Fernando Machado, um dos heróis brasileiro que foi morto durante a Guerra do Paraguai.

IMG_1050

A próxima atração, localizada ali do lado, é a Praça XV de Novembro, considerada uma das grandes atrações de Floripa. Os relatos indicam que foi nesse local onde a Vila Nossa Senhora do Desterro, atual Florianópolis, foi fundada em 1662.

IMG_1047

Figueira Centenária

Nesse local também ficam três atrações importantes de Floripa: a Figueira Centenária, o Palácio Cruz e Sousa e a Catedral Metropolitana.

IMG_1044

Palácio Cruz e Sousa

IMG_1055

IMG_1035

Catedral Metropolitana

A partir da Praça XV de Novembro se tem acesso fácil as principais ruas de comércio da cidade: rua Conselheiro Mafra e rua Felipe Schmidt, ambas ruas exclusiva para transito de pedestres.

Se ainda tiver pique, da pra aproveitar e fazer uma caminha até o local onde estão os Clubes de Remo de Floripa, localizados pertinho do Terminal Rodoviário Rita Maria. É dali onde se tem uma das melhores vistas da Ponte Hercílio Luz de frente, um dos cartões postais da cidade e de Santa Catarina.

DSC_4912

A ponte que levou aproximadamente 4 anos pra ficar pronta, foi inaugurada em maio de 1926, foi muito aguardada por todos os catarinenses, afinal, era uma forma de manter a capital mais próxima do restante do estado.

DSC_4916

Quando foi inaugurada, ela tinha varias tecnologias inovadoras, mas em 1982, por medida de segurança, precisou ser fechada. Desde então, obras de restauração estão em andamento, mas sem previsão de finalização (como tudo no Brasil, né!).

DSC_4911

DSC_4903

Ali pertinho também fica o trapiche da Scuna Sul, onde partem barcos de passeio. A vista não tãão espetacular quanto a anterior, mas dá pra ver a estrutura da ponte mais de perto.

IMG_1079

IMG_1080

Aproveite também pra conhecer ali perto o Forte Santana, localizado praticamente embaixo da ponte, perto do Museu de Armas Lara Ribas. É possivel visitar o forte de forma gratuita. Ali tem uma pequena exposição sobre todos os fortes que existem na ilha, além de ter canhões no patio externo. De lá também é possivel ver a Av Beira Mar Continental, com aproximadamente 2 km de extensão, que ficou pronta a pouco tempo.

DSC_4933

DSC_4932

DSC_4924

DSC_4920

DSC_4923

E pra terminar o tour pelo centro de Floripa, eu sugiro uma caminhada pelo calçadão (com ciclovia) da Av Beira-Mar. Ali você vai encontrar diversas pessoas se exercitando (correndo ou caminhando ou passeando com o cachorro).

DSC_4934

DSC_4935

DSC_4937

É legal de ir até o Trapiche Municipal de Floripa, local onde no final de semana, ganha uma feirinha de artesanato e quiosques de comidas e bebidas (água de coco geladinha). Além disso, ali também tem uma área de lazer bem legal, com brinquedos para as crianças e alguns aparelhos de academia.

DSC_4948

DSC_4943

DSC_4946

Esse passeio descrito aqui pode ser feito em uma manhã, algo em torno de umas 3 horas. Depois disso, dá pra seguir andando pela Av. Beira Mar Norte, local onde estão diversos restaurantes legais da cidade, como o Miyoshi, Toro Steak House, Pizzaria Paparella, Guacamole, Macarronada Italiana, entre outros (esses são alguns dos que a gente já foi e recomenda).

** Precisando de hotel em Florianópolis? Inicie as pesquisas aqui.

** Precisando de seguro viagem? Inicie as pesquisas aqui.

** Precisando alugar um carro? Inicie as pesquisas aqui e/ou aqui.

Se você gostou das dicas, ao reservar hospedagem, seguro viagem e aluguel de carro aqui pelo blog, nós ganhamos uma pequena comissão, mas você não paga nada a mais por isso. Obrigada! :D

Posts relacionados:

Todos os posts sobre Santa Catarina

Todos os posts sobre Florianópolis

Siga o Blog Contando as Horas nas redes sociais:

no Instagram: @brunabartolamei

e curta nossa fanpage no Facebook: facebook.com/ContandoAsHoras

Bruna Bartolamei
Siga-me

Bruna Bartolamei

Catarinense, mas já morou em Curitiba (8 anos) e em Edimburgo, a capital da Escócia (quase 2 anos). Criou o blog pra contar um pouco mais sobre como foi o seu intercâmbio na terra dos Kilts e das Gaitas de Fole, e também, sobre suas viagens pelo mundo.
Bruna Bartolamei
Siga-me
Postado em Brasil, Florianópolis, Santa Catarina
Booking.com
Deixe o seu comentário...