09.02
2017

João Pessoa: Roteiro de 1 dia pela Orla e Centro Histórico

João Pessoa, capital da Paraíba, é conhecida por ser o local onde o sol nasce primeiro nas Américas. Além disso, é a terceira cidade mais antiga do Brasil, foi fundada em agosto de 1585. Dá pra acreditar que ela já tem 431 anos?

Jampa-01

Mesmo sendo a maior cidade da Paraíba, João Pessoa tem um pouco mais de 800 mil habitantes, mas ao chegar lá, você vai ficar impressionado com o ritmo tranquilo que a cidade leva.

Turisticamente falando, a cidade pode ser dividida em 2 partes: 

1) Orla

João Pessoa tem 9 praias espalhadas por seus 24 km de praias urbanas. Quem for a cidade, vai perceber que tudo na orla gira em torno das praias de Manaíra, Tambaú e Cabo Branco.

DSC_6570

DSC_6577

DSC_6578

Essas três praias são praticamente uma unica praia gigante, conectadas por um calçadão a beira mar muito legal, com espaço pra caminhada e ciclovia.

IMG_1631

Outra coisa que chama atenção na orla são os prédio com 3 ou 4 andares no máximo. Isso acontece pq existe uma lei, a Lei do Espigão, que proíbe construções muito altas. Achei isso sensacional!

IMG_1552

DSC_6579

A maioria das pessoas que se hospedam em João Pessoa ficam na Praia de Tambau, a mais central. Foi nessa praia que eu fiquei hospedada durante 1 semana. Se quiser ver os hotéis que me hospedei, clique aqui -> Dica de Hotel em João Pessoa: Laguna Praia Hotel e Dica de Hotel em João Pessoa: Hotel Nord Luxxor Tambaú.

DSC_6581

Levando em consideração que você vai estar exatamente em frente a um desses hotéis que me hospedei, em cada lado será possivel ver:

IMG_1688

Lado esquerdo: segue no sentido Praia de Manaíra. No trajeto existem diversos bares, restaurantes e lojinhas. Ao chegar no Hotel Tropical Tambaú, logo em frente, do outro lado da rua, fica a Feirinha de Artesanato de Tambaú. Vale a pena parar uns minutinhos, tem muita lojinha legal! E um pouquinho mais adiante, fica uma especie de shopping, chamado de Centro Turístico Tambaú, com dois andares cheio de lojinhas. Na sequencia, vem o calçadão que fica de frente pra Praia de Manaira, com diversos ambulantes vendendo água de coco, muitos hotéis e restaurantes.

DSC_6584

DSC_6580

Lado direito: Menos de 5 minutos de caminhada a gente chega o Busto do Almirante Tamandaré, que dá nome a essa Avenida a beira-mar. Ali ao ladinho fica o letreiro I love Jampa (a primeira foto desse post) e um pouco mais adiante começa a Praia de Cabo Branco. O calçadão ao longo da Praia de Tambaú é cheio de quiosques. Já o calçadão da Praia de Cabo Branco não tem quiosques, apenas tem pista de caminhada e ciclovia e do outro lado da avenida, alguns bares, restaurantes, hotéis e pousadas.

IMG_1547

IMG_1636

No final da Praia do Cabo Branco, passando uma rotula e subindo um morro, logo aparece a Estação Cabo Branco de Ciência, Cultura e Artes, um centro cultural inaugurado em 2008, projetado pelo arquiteto Oscar Niemeyer.

DSC_6164

DSC_6153

DSC_6068

DSC_6158

DSC_6159

No prédio principal é onde ficam em exibição trabalhos permanentes e exposições temporárias, obras de artistas paraibanos. Além disso, nesse prédio principal tem um mirante, localizado no ultimo andar, mas infelizmente no dia que estive lá, ele estava fechado pra manutenção. Tem um anfiteatro, auditório, um parquinho para crianças e diversas estátuas espalhadas pelo jardim. Ali também tem uma lanchonete e uma lojinha de souvenirs. A visita é relativamente rápida, acho que levei mais ou menos 1 hora pra conhecer tudo.

DSC_6151

DSC_6069

Bem pertinho dali, mais ou menos uns 5 minutos de caminhada, fica a Ponta do Seixas, ponto mais oriental do Brasil e local onde o sol nasce primeiro nas Américas. No trajetinho que vai até lá, tem uns tiozinhos vendendo artesanato e souvenirs.

IMG_1646

Chegando na Ponta do Seixas, ali existe um monumento que identifica onde o sol nasce primeiro nas Américas.

Também é onde fica o Farol do Cabo Branco, construído durante o período militar. Apesar de não ser possivel visitar o Farol, fico imaginando a vista sensacional que se tem do alto dos seus 40 metros de altura.

IMG_1673

E por fim, ao lado do Farol fica o Bosque dos Sonhos, um parque que me pareceu bem legalzinho.

IMG_1685

Se caso você, assim como eu, ficar se perguntando se é seguro caminhar por ali, eu já adianto: pode ir sem medo. Tem diversas barraquinhas e a cada pouco para uma excursão chegando ali, então a área está sempre bem movimentada.

DSC_6175

A visita aqui é rápida, algo em torno de uns 40 minutos. Na verdade, essa parte da visita poderia ter sido mais rápida, mas tinha uma turma de um colégio ali, mais ou menos umas 40 pessoas, deixando o local super povoado, o que exigiu uma certa paciencia pra tirar as fotos.

DSC_6184

** O trajeto entre a Orla e o Centro Histórico é feito através da Avenida Epitácio Pessoa. Pra quem não sabe, essa avenida é aquela que fica bem em frente o letreiro I love Jampa.

2) Centro Histórico

Na minha ultima manhã livre, antes de ir a Feira de Turismo, eu aproveitei pra fazer um tour particular com um motorista/guia pelo Centro Histórico de João Pessoa. Diversas pessoas me alertaram que não era pra ir lá sozinha, que era essencial ter um guia local pra aproveitar melhor a visita e ainda, ir pela manhã, quando a região ainda está mais tranquila e o sol está favorável para as fotos. E foi isso que eu fiz!

O tour durou umas 3 horas, deu tempo de fazer tudo com muita calma e bater minhas fotos tranquilamente. No geral, não vi grandes movimentações suspeitas ou pessoas atoa por lá. Eu fui em um sábado de manhã, então não sei se o movimento de fato é mais fraco nesse dia, se dei sorte ou o que.

DSC_6437

O tour começou na Praça João Pessoa, onde bem no centro está uma estátua de João Pessoa, presidente da Paraíba. Nos arredores dessa praça ficam a Assembléia Legislativa, o Palácio da Redenção (Sede do governos do estado), o Tribunal de Justiça e a Faculdade de Direito da Paraíba. Infelizmente quando estivemos ali no sábado de manhã, nenhum desses edifícios estavam abertos a visitação. Que queria ter visitado o Memorial Epitácio Pessoa, localizado no Palácio da Justiça, onde é possivel saber mais sobre a vida do único paraibano a chegar a Presidência da República.

DSC_6430

DSC_6431

Dali seguimos para a Praça Dom Adauto, onde fica o Conjunto Arquitetônico Carmelitano formado pela Igreja Nossa Senhora do Carmo, Capela Santa Teresa D’Avila e Palácio do Bispo, tombados pelo Iphan.

DSC_6445

DSC_6449

Apesar de mal conservado (pra dizer bem a verdade, totalmente abandonado) fica o Casarão dos Azulejos, uma construção antiga muito bonita, totalmente revestida com azulejos portugueses que vieram da cidade do Porto.

DSC_6454

A duas quadra dali fica a atração número um pra quem vai até o Centro Histórico de João Pessoa, o Centro Cultural São Francisco, formado pelo Convento de Santo Antonio e pela Igreja da Ordem Terceira de São Francisco. Essas construções foram erguidas 4 anos apos João Pessoa ter sido fundada as margens do rio Paraíba.

DSC_6456

DSC_6511

DSC_6514

Ao chegar ali na praça, os azulejos portugueses nas paredes representando a Paixão de Cristo, que levam até o Centro Cultural já impressionam. É possivel visitar, a entrada custa 6,00 reais (valor de outubro de 2016) e a visita é guiada.

DSC_6478

DSC_6457

DSC_6461

No tour é possível ver o convento, mobílias, estátuas sacras, a igreja, uma capelinha toda feita de ouro, uma fonte, um relógio de sol, entre outras coisas.

DSC_6472

DSC_6491

DSC_6495

E a nossa visita terminou em uma ala onde o guia abriu uma janela que dava de frente para o rio Paraíba, local onde a cidade foi fundada. Coisa mais linda!

DSC_6488

DSC_6490

Ao vivo e muito mais bonito!

Para ir até a próxima atração, nos passamos pela Ladeira de São Francisco, considerada a primeira rua de calçamento da cidade. É ali onde fica também a Casa da Pólvora e um mirante. O guia não recomendou parar ali nesse mirante por motivos de segurança.

DSC_6517

No final da ladeira está a Praça Antenor Navarro, local onde estão alguns casarões históricos coloridas que foram tombado pelo Iphan. Infelizmente elas estão todas pichadas, o que fez com que perdesse um pouco a beleza do lugar.

DSC_6551

A menos de 1 minutos de caminhada chegamos a Igreja de São Frei e Pedro Gonçalves, localizada praticamente em frente ao antigo Hotel Globo, o primeiro hotel da cidade.

DSC_6530

DSC_6543

DSC_6554

DSC_6553

Se não foi possivel parar no mirante da Casa da Pólvora por motivos de segurança, foi possivel conhecer o mirante do Hotel Globo, que oferece ótimas vistas do rio Sanhauá (um dos afluentes do rio Paraíba), da vegetação quase intocada e dos casarões antigos abandonados.

DSC_6544

DSC_6536

DSC_6534

E por fim, nossa ultima parada foi no Parque Sólon de Lucena, mais conhecido por Parque da Lagoa, uma antiga área pantanosa, que durante o governo de Sólon de Lucena, foi urbanizado e transformado em parque publico (por isso ele tem esse nome). Ficou anos abandonado e recentemente passou por uma revitalização, que deixou o lugar muito legal. Hoje em dia, ele é considerado o principal parque da cidade.

DSC_6555

Esse parque tem uma lagoa no centro, ao redor do lago tem uma pista de caminhada e uma ciclovia. Além disso, a área tem algumas palmeiras-imperiais, que dão todo um destaque ao local.

DSC_6556

Quem quiser parar aqui pra conhecer e tirar umas fotos, pode ir tranquilamente. No dia que estivemos lá, tinha um carro da policia e diversos policiais circulando pela região.

DSC_6560

DSC_6559

Nos visitamos somente as principais atrações, ficaram faltando muitas outras coisas, como por exemplo, o Teatro Santa Roza, Catedral Basílica Nossa Senhora das Neves, entre outros.

Outras informações

Se você mora aqui na região sul ou sudeste do Brasil, saiba que o sol nasce por volta das 05:00 e o por do sol acontece lá pelas 17:15. Sim, escurece muito cedo no Nordeste!

Os estados do Nordeste não adotam o horário de verão, com isso, quando nas demais regiões do Brasil estiver em vigor o horário de verão, nos estados do Nordeste será 1 horas a menos.

** Precisando de hotel na Paraíba? inicie as pesquisas aqui.

** Precisando de seguro viagem? inicie as pesquisas aqui.

Ao reservar hospedagem e seguro viagem aqui pelo blog, nós ganhamos uma pequena comissão, mas você não paga nada a mais por isso. Obrigada! :D

Posts relacionados:

Todos os posts sobre a Paraíba

Todos os posts sobre João Pessoa

Siga o Blog Contando as Horas nas redes sociais:

no Instagram: @brunabartolamei

e curta nossa fanpage no Facebook: facebook.com/ContandoAsHoras

Bruna Bartolamei
Siga-me

Bruna Bartolamei

Catarinense, mas já morou em Curitiba (8 anos) e em Edimburgo, a capital da Escócia (quase 2 anos). Criou o blog pra contar um pouco mais sobre como foi o seu intercâmbio na terra dos Kilts e das Gaitas de Fole, e também, sobre suas viagens pelo mundo.
Bruna Bartolamei
Siga-me
Postado em Brasil, João Pessoa, Paraíba
Booking.com
  1. Natalie 13/02/2017 | 14:46

    Oi, Bruna. Tudo bem? :)

    Seu post foi selecionado para o #linkódromo, do Viaje na Viagem.
    Dá uma olhada em http://www.viajenaviagem.com

    Até mais,
    Bóia – Natalie

  2. Juliana Barbosa Bento de Oliveira 21/04/2017 | 22:33

    Estou amando seu blog e fazendo lindas viagens!!

Deixe o seu comentário...