27.10
2017

Edimburgo: Um tour pela Princes Street

A Princes Street (junto com a George Street) é uma das principais ruas da New Town de Edimburgo. Ela tem apenas 7 quadras, indo da altura onde está a North Bridge até o cruzamento de diversas ruas localizado bem em frente a St John’s Episcopal Church.

DSC_1640_Fotor

Como deu pra notar, a rua é super pequena. De um lado tem toda a extensão do Princes Street Gardens e do outro lado, lojas, restaurantes, hotéis, entre outros. 

princes street em edimburgo

Todo mundo que vai a Edimburgo, com certeza vai passar muitas vezes por aqui, afinal, ela é considerada uma das principais ruas de comércio da cidade.

DSC_1649_Fotor

A Princes Street também está na rota da maioria das linhas dos transportes publicos da cidade (tram e os ônibus).

DSC_1620_Fotor

Se você estiver procurando por hotéis, na propria Princes Street existem alguns. É aqui onde fica o hotel mais famoso da cidade, o Hotel Balmoral. Além disso, existem muitas outras opções. Eu já escrevi um post especifico sobre esse assunto, para ver, é só clicar aqui: Edimburgo: Opções de hospedagem na Princes Street.

DSC_1627_Fotor

Ao lado do Hotel Balmoral fica o Centro de Informações turisticas do Visit Scotland. Se precisar de qualquer informação, mapas, entre outros, é legal dar uma passadinha ali.

DSC_1653_Fotor

Entre o Hotel Balmoral e o Centro de Informações existem umas escadas rolantes. Elas dão acesso a principal estação de trem da cidade, a Waverley Railway Station.

DSC_1656_Fotor

Pra quem se interessa em fazer compras, na Princes Street ficam diversas lojas, como Apple, Whittard of Chelsea (loja de chás), Topshop, H&M, Jenners (a tradicional loja de departamento de Edimburgo), Marks & Spencer, Office, Gap, Body Shop, Primark, Kiko, All Saints, Swarovski, Zara, Next, Russell & Bromley (loja de calçados super tradicional), Levis, River Island, Debenhams, Lush, Urban Outfitters, New Look, House of Fraser, entre outras. Aqui também tem diversas lojinhas de souvenirs.

DSC_2208_Fotor

Se precisar de mercado, existem três de fácil acesso. Um Sainsbury dentro da estação de Waverley, acesso pelas escadas rolantes que citei acima, um dentro da loja Marks & Spencer e outro Tesco, na altura onde tá o Castelo de Edimburgo.

DSC_1721_Fotor

Também existem diversos cafés ao longo dessa rua, como StarbucksCosta Coffee, Caffè Nero, entre outros. Também tem um Yo! Sushi, na altura do The Mound. Tem uma lojinha do Ben’s Cookies.

DSC_1715_Fotor

Se precisar comprar chip de celular, aqui também é o melhor lugar. Todas as principais empresas de telefonia celular do UK tem uma loja aqui, tipo Vodafone, ThreeO2 e EE.

DSC_2286_Fotor

E claro, eu não esqueci das farmácias. É aqui onde fica a maior Boots de Edimburgo (tem dois andares, as marcas de cosméticos foram ampliadas) e a SuperDrugs.

DSC_1722_Fotor

Quem precisar sacar dinheiro, ao longo da Princes Street também existem diversos caixas ATM. Quem precisar trocar dinheiro, existe uma loja dos Correios (Post Office) no The Waverley Mall (a entrada esta localizada na Waverley Bridge, entre a estação de trem de Waverley e a Topshop.

DSC_1724_Fotor

As principais atrações turisticas que podem ser acessadas a partir da Princes Street, são: Calton Hill, Scott Monument, Princes Street Gardens (parte East), os museus no The Mound (The Royal Scottish Academy e logo atras, a Scottish National Gallery), Princes Street Gardens (parte West) e a St John’s Episcopal Church.

DSC_1731_Fotor

St John’s Episcopal Church e uma parte do Castelo de Edimburgo

Se a Royal Mile merece um dia inteirinho, a Princes Street também não fica muito atrás, não. Reserve ao menos meio dia pra conhecer as principais atrações e comércio da rua mais movimentada de Edimburgo.

** Solicite um roteiro personalizado para Escócia aqui.

** Reserve seu hotel na Escócia aqui.

** Reserve seu Seguro Viagem com a Seguros Promo aqui.

** Alugue seu carro no Brasil ou no exterior aqui e/ou aqui.

Se você gostou das dicas, ao reservar hospedagem, seguro viagem e aluguel de carro aqui pelo blog, nós ganhamos uma pequena comissão, mas você não paga nada a mais por isso. Obrigada! :D

Posts relacionados:

Todos os posts sobre a Escócia

Todos os posts sobre Edimburgo

Todos os posts sobre Glasgow

Todos os posts sobre Stirling

Todos os posts sobre Aberdeen

Todos os posts sobre as Highlands

Todos os posts sobre Inverness

Todos os posts sobre a Ilha de Skye

Siga o Blog Contando as Horas nas redes sociais:

no Instagram: @brunabartolamei

e curta nossa fanpage no Facebook: facebook.com/ContandoAsHoras

Bruna Bartolamei
Siga-me

Bruna Bartolamei

Catarinense, mas já morou em Curitiba (8 anos) e em Edimburgo, a capital da Escócia (quase 2 anos). Criou o blog pra contar um pouco mais sobre como foi o seu intercâmbio na terra dos Kilts e das Gaitas de Fole, e também, sobre suas viagens pelo mundo.
Bruna Bartolamei
Siga-me
Postado em Atrações turísticas, Edimburgo, Escócia
Booking.com
  1. Lucas 06/11/2017 | 10:35

    Oi, Bruna, adorei conhecer um pouco mais sobre a princes street! Depois de muito refletir decidi fazer meu intercâmbio em Edimburgo. Gostaria de saber se existe algum tipo de lugar/bairro/rua que devemos evitar por não ser segueo, como o Brasil está cada vez mais perigoso, achei que não custava nada garantir essa informação!

    Muito obrigado desde já e parabéns pelo blog!

    • Contando as Horas 07/11/2017 | 15:09

      Oi, Lucas

      Juraaaa? Que legal!!! Espero que você goste da Escócia!! :D

      Então, Edimburgo está anos luz de ser tão perigosa como algumas cidades aqui do Brasil. Sério mesmo. Acontecem algumas coisas pela cidade, mas são casos super isolados. Uma vez ou outra, não é nada com muita frequencia.

      Pelas noticias que sempre leio (desde o tempo que morei em Edimburgo), parque Meadows não é bom ir a noite, pq ele é um parque publico e não é fechado (alguns outros parques de Edimburgo tem portões e fecham a noite). Outra região que é bom ficar um pouquinho mais atento é em Leith (esses dias vi que uma mulher foi assaltada e foi abusada sexualmente em um estacionamento perto do Leith Links). Mas assim, são coisas super “únicas”, acontecem muito de vez enquanto. É só ficar um pouco atento mais a noite ou em áreas muito vazias da cidade. Mas no geral, pra nos brasileiros que já estamos acostumados de andar em estado de alerta o tempo todo, não costuma dar problema não.

      Eu até to cogitando escrever um post especifico sobre isso, mas ainda não sei como poderia passar essas infos pro “papel” pra que as pessoas entendam essa questão da melhor forma possível.

      Mas como te disse, a Escócia não é um lugar livre de nada, obviamente, acontecem assaltos, alguns crimes e tal, mas a situação lá não é nada surreal como aqui no Brasil (nunca li nada de alguém morrer por causa de um tenis, celular ou algo do tipo, sabe?). Quanto a isso, pode ir beeem despreocupado.

Deixe o seu comentário...