18.05
2012

Estocolmo – Parte 2

Todos aqueles que dizem que as capitais dos países escandinavos não tem muitas coisas pra fazer, eu digo, um final de semana mal deu pra nós visitarmos tudo o que haviamos planejado pra nossa viagem a Estocolmo.

Nosso segundo dia começou cedíssimo, pra que a gente pudesse dar conta de visitar tudo o que estava no roteiro. 

A primeira parada foi na Riddarholmskyrkan, a Igreja de Riddarholmen que é considerada a mais antiga de Estocolmo. Seu estilo medieval segue o mesmo estilo de muitas igrejas que vimos na Dinamarca e na Noruega, e seu pináculo pode ser visto de muitas partes da cidade. É lá também onde estão sepultados praticamente todos reis e rainhas da Suécia, como por exemplo, todos os reis entre Gustav Adolf II e Gustav V estão lá.

A uma curta caminhada dali, em uma outra ilha, ficam o Kungliga Slottet , o Sveriges Riksdag e a Storkyrkan. Eu sei, esses nomes estranhos não fazem muito sentido, mas já vou explicar um a um…

O Kungliga Slottet é o Palácio Real de Estocolmo, é a residência oficial da realeza da Suécia. Não sei pq, mas sempre fico impressionada com o fato de não ter grades ou cercas separando o povo da entrada dos Palácios.

Isso é bem comum nos países escandinavos onde existem ainda a monarquia, como Noruega e Dinamarca (a Finlândia é o único dos países nórdicos que não tem monarquia).

Domingão, os horários pra visita são reduzidos, o Palácio só estaria aberto a partir do meio dia (até as 15:00), então apenas garantimos os nossos ingressos, e antes da visita, fomos assistir a troca da guarda que já estava pra começar.

A troca da guarda na temporada considerada de inverno (outubro a março) acontece somente as quartas, sábados e domingos, pontualmente as 13:00.

Diferentemente dos meses de verão, que tem um “desfile” começando na praça Sergels Torg, seguindo por algumas ruas da cidade até chegar em uma das entradas do Palácio Real, em outubro (que foi quando estivemos lá), a troca da guarda é mais simples e também é beeeem rapidinha. A duração não passa de uns 15 minutos pelos meus calculos.

Aproveitando a bondade dos guardinhas, pedimos se dava pra bater uma foto. E olhe só, pra nossa surpresa era uma guardinha..

Logo após a troca da guarda, parecia que todas as pessoas de Estocolmo tiveram a mesma idéia que nós e foram para a entrada do Palácio Real, então pra fugir da fila e aproveitar melhor o tempo, acabamos indo rapidinho até a Storkyrkan.

A Storkyrkan é a Catedral de Estocolmo, seu nome oficial Sankt Nikolai Kyrka presta uma homenagem a São Nicolau. O estilo do seu exterior é bem diferente de que estamos acostumados a ver nos países escandinavos, inclusive as cores. Um dos seus destaques é a imagem de madeira de São Jorge e o dragão, obra que data do século 15. Ahh, e também foi nessa igreja onde a Princesa Victoria se casou com o seu personal trainer, Daniel Westling, que atualmente é chamado de Duque de Västergötland.

Agora sim, com a fila um pouco menor, fomos conhecer o Palácio Real de Estocolmo. Além de visitar os Apartamentos Reais, a Coleção de Tesouros Reais, podemos visitar também o Museu Três Coroas.

Além de ser a residencia oficial, também é ali onde fica o escritório onde o Rei Carlos XVI Gustavo trabalha, cumprindo suas funções reais e recepcionando convidados em eventos oficiais.

Foto retirada do site Sverige Kungahus

O Palácio não parece ser tão grande quando olhamos por fora, mas os número impressionam, como por exemplo, são mais de 600 comodos que estão divididos em sete andares.

Foto retirada do site Sverige Kungahus

Há muitos séculos atrás, no atual lugar do Palácio Real, ficavam um castelo medieval chamado de Tre Kronor ou Três Coroas. Em uma noite em 1697, o castelo foi completamente destruido pelo fogo.

Foi a unica foto que consegui tirar, antes de levar uma advertencia do guardinha

Algumas partes da base e muralhas desse Castelo e nós pudemos ver tudo isso de pertinho no Museu Tre Kronor. Além disso, lá também podemos ver um pouco de como era a vida no Castelo naquela época e alguns objetos que foram encontrado em escavações.

Foto retirada do site Sverige Kungahus

Próximo ao Museu fica a ala onde estão em exibição os Tesouros Reais pertencentes a familia real sueca, como por exemplo uma espada que pertenceu ao Rei Gustav Vasa, a coroa, manta e o cetro que pertenceu de Erik XIV, a coroa da Rainha Lovisa Ulrika, além de muitas outras coroas que pertenceram a muitos Reis e Rainhas. Também vimos a pia de batismo feita toda em prata que é utilizada para batizar os herdeiros ao trono desde 1696.

Foto retirada do site Sverige Kungahus

Foto retirada do site Sverige Kungahus

E por ultimo fomos visitar os Apartamentos Reais que são as alas abertas a visita pública e onde o Rei Carlos e a Rainha Silvia recebem seus convidados em eventos, cerimonias, banquetes e festas oficiais.

Foto retirada do site Sverige Kungahus

Infelizmente não é permitido bater foto em nenhum desses lugares que visitamos, mas pra quem viu as fotos dos apartamentos reias do Palácio de Buckingham que eu já escrevi e coloquei aqui, já dá pra imaginar que a decoração e a opulência das salas são de impressionar.

Em nossa ultima voltinha pela cidade antes de ir pro aeroporto, acabamos passando em frente ao Parlamento Sueco

E ai, ainda continua achando que os países nórdicos não tem nada de interessante pra conhecer? Acho que não né.. =)

Bruna Bartolamei
Siga-me

Bruna Bartolamei

Catarinense, mas já morou em Curitiba (8 anos) e em Edimburgo, a capital da Escócia (quase 2 anos). Criou o blog pra contar um pouco mais sobre como foi o seu intercâmbio na terra dos Kilts e das Gaitas de Fole, e também, sobre suas viagens pelo mundo.
Bruna Bartolamei
Siga-me
Postado em Estocolmo, Suécia -
Compartilhe
Deixe um Comentário
6 comentários em "Estocolmo – Parte 2"
  1. Raul Bartolamei   03/07/12 • 16h27

    quero ir aiiiii

    • Bruna   04/07/12 • 12h25

      Aonde a gente não quer ir, me fale?? heheeheh

  2. Alcileia Ribeiro Fernandes   26/06/17 • 01h45

    Mto bom, seu blog….dicas interessantes.

  3. claudio batista   24/08/17 • 12h56

    Oi Bruna, recentemente descobri o site. Gostaria de te dizer que adorei. É muito bom descobrir novos lugares ou matar saudades de outros que já estive, pois, durante 15 anos trabalhei em navios de cruzeiros e muitos desses lugares tive a oportunidade de conhecer. Parabéns pelo site e continue nos mandando novidades, abs

    • Contando as Horas   31/08/17 • 18h21

      Oi, Claudio

      Ah, é? Que legaaal!! Deve ter sido uma experiência otima trabalhar e poder conhecer tantos lugares fantásticos. Obrigada pelo comentário e visita aqui no blog!!

Blog Membro RBBV
Contando as Horas
Edimburgo! 💛💛💛
.
Se quando eu estava no Brasil e precisava atravessar o Atlantico, eu sempre estava por aqui, agora morando em Portugal, eu vou aparecer com muito mais frequência.
.
Como sempre, foi pouco tempo, mas o suficiente pra amenizar a saudade.
.
Melhor presente de aniversário (antecipado) que eu poderia dar a mim mesma. 😁😁😁 (Olha que a conversão não ta nada favorável: 1,00 libra = 5,14 reais 🤯).
.
Em 2020, eeeuu volto! 🏴󠁧󠁢󠁳󠁣󠁴󠁿💙☺️
.
📍Edimburgo, Escócia
.
#castelodeedimburgo #edinburghcastle #edimburgo #edinburgh #escocia #scotland #visitacotland #escocia2029 #eurotrip #outono #fall #autumn #loveautumn #proximaviagem #amoviajar #mulheresviajantes #travelgirl #essemundoenosso #meusroteirosdeviagem #brasileirosnaescocia #viagens #sourbbv #viajar #travel #picoftheday #helloescocia
#tbt Ano passado, exatamente nesse dia, eu chegava em Lisboa para colocar em prática tudo o que havia planejado nos meses anteriores.
.
Para quem tiver interesse em vir para Portugal com o visto D2 (visto de empreendedor), basicamente é necessário seguir os seguintes passos:
- Tirar o NIF (equivalente ao CPF no Brasil), nas Finanças ou na Loja do Cidadão. Precisa ir junto um cidadão português ou um estrangeiro, desde que possua a AR.
- Abrir uma conta pessoal (em pt-pt pessoa singular).
- Arrumar um contador (em pt-pt contabilista).
- Fazer a constituição da empresa no modelo “Empresa na Hora” na Loja do Cidadão (dar inicio na atividade, fazer a ata da empresa, assinar mil coisas, entre outros procedimentos).
- Abrir uma conta pessoa jurídica (pt-pt pessoa coletiva).
** Entre esses procedimentos, sao necessarios alguns dias. Se quiser aproveitar pra passear, é o momento. Eu fui a Rússia e a Escócia , enquanto aguardava ter tudo pronto para a Segurança Social.
- Fazer os procedimentos na Segurança Social.
** Nesse periodo, ja aproveite pra ir fazendo o plano de negócios (necessário para apresentar no Consulado no momento que for solicitar esse tipo de visto).
.
📍Azenhas do Mar, Portugal 🇵🇹
.
#azenhasdomar #oceanoatlantico #portugal #turismodeportugal #visitportugal #vidaemportugal #travelgirl #viajemais #essemundoenosso #mulheresviajantes #brasileirosemlisboa #instaviagem #viagemeturismo #cahemportugal #mar #meusroteirosdeviagem #sourbbv #revistaqualviagem #amoviajar #viajar #brasileirosemportugal #trabalharemportugal #eurotrip2019 #portugalovers #moraremportugal #vistod2 #arportugal #vistod2portugal #vidaemportugal #instaportugal
Parece que foi ontem, mas hoje completa 6 meses desde que cheguei em Portugal. 🇵🇹
.
Eu poderia fazer uma lista (interminável) de tudo que já fiz nesse tempo, mas pensei melhor e resolvi falar sobre o idioma.
.
- Os portugueses atendem ao telemóvel falando “estou”, e nós atendemos o celular falando “oi”.
- Eles falam partilhar e nós falamos compartilhar.
- Eles dizem frigorífico, e nós geladeira.
- Os portugueses vão a casa de banho, os brasileiros vão ao banheiro.
- Eles atravessam a rua na passadeira, e nós na faixa de pedestres.
- Os portugueses compram sandes, gelado e sumo, e nós sanduiche, sorvete e suco.
- Eles tomam chá em uma chávena, nós tomamos chá em uma xícara.
- Eles dizem súshi e nos, sushí.
- Os portugueses são giros (estou fazendo uma moral 😅😅😅), os brasileiros são gatos.
- As portuguesas são fixes, as brasileiras são legais.
- As portuguesas usam cuecas (essa é difícil de acostumar hahaah), e as brasileiras usam calcinhas.
- Os portugueses dizem que fizemos perguntas parvas, e nós dizemos que eles respondem idiotices.
- Os portugueses dizem gajo e rapariga, e nós (no sul do Brasil) guri e guria.
- Eles andam de métro, autocarro, electrico e comboio, e nós de metrô, ônibus, bondinho e trem.
- Aqui as coisas são “sem piada”, no Brasil, as coisas são “sem graça”.
- Em Portugal existem jogadores chamados de guarda-redes e avançados, no Brasil são chamados de goleiros e atacantes.
- Em Portugal eles gritam golo, no Brasil gritamos gol.
- Em Portugal os jogadores usam camisola (ahahah essa tbm é dificil de acostumar), e no Brasil, camisa.
- Eles metem um “gosto” nas fotos do Ig e Facebook, nos colocamos um “curtir”.
.
Com certeza já aprendi muitas outras palavras, mas agora lembrei dessas.
.
Como dá pra perceber nessa listinha que vos (primeira vez que uso essa palavra na vida 🤣🤣🤣 nem sei se estou usando certo) escrevi, a língua portuguesa é igual, mas é diferente. 😅😅
.
Ah! E as despedidas: por email, sempre são com “melhores cumprimentos“, que substitui o famoso “atenciosamente” no Brasil, e por telefone (ainda tambem não me acostumei com essa) eles dizem: “com licença, beijinhos”.
.
Que venham os próximos 6 meses!
🇵🇹🇵🇹🇵🇹🇵🇹🇵🇹🇵🇹
.
📍Portugal 🇵🇹
50 tons de verde! 💚
.
Parece que estou sozinha no parque, mas 20 segundos depois passou por aqui um milhão de chineses. 😅😅😅
.
📍Plitvice, Croácia 🇭🇷
.
#plitvice #plitvicelakes #lagosplitvice #plitvickajezera #croacia #croatia #eurotrip #outono #nature #lakes #portugal #tapportugal #croatiaairlines #amoviajar #mulheresviajantes  #travelgirl #essemundoenosso #meusroteirosdeviagem #brasileirosnaeuropa #brasileirosnacroacia #viagens #travelphotography #sourbbv #viajar #travel #europa #picoftheday #euamoviajar #trilhas
Minha primeira viagem depois de me mudar para Portugal é para... Croácia! 🇭🇷😁 Achei uma passagem com preço bom e resolvi comprar de última hora.
.
Esse voo de Lisboa para Zagreb (capital da Croácia) é recente, existe desde abril desse ano. De Zagreb até aqui, o trajeto de ônibus/autocarro é feito em mais ou menos 2 horas.
.
Essa é minha 3x na Croácia, e dessa vez vim conhecer uma das maiores atrações do país: o Parque Nacional dos Lagos de Plitvice.
.
São 16 lagos e 4 tipos de trilhas, mas eu fiz as trilhas B e C (cor verde). Uma percorre os Lower Lakes e a outra, os Upper Lakes. Nem tudo fiz a pé, existe passeio de barco e ônibus/autocarro que percorrem algumas partes.
.
Dois dias são suficientes para conhecer as principais partes. E sééério, venham no outono. A cada 3 passos uma foto! 🍁🧡
.
📍Plitvice, Croácia 🇭🇷
.
#plitvice #plitvicelakes #lagosplitvice #plitvickajezera #croacia #croatia #eurotrip #outono #fall #autumn #loveautumn #nature #lakes #proximaviagem #portugal #lisboa #tapportugal #croatiaairlines #amoviajar #mulheresviajantes #travelgirl #essemundoenosso #meusroteirosdeviagem #brasileirosnaeuropa #viagens #sourbbv #viajar #travel #europa #picoftheday
No terceiro (e último dia) fizemos a trilha nos Passadiços do Paiva.
.
Essa trilha tem mais ou menos uns 8 km, e a maior parte do percurso é feita nessas estruturas de madeira que foram construídas ao longo da margem esquerda do rio Paiva.
.
Existem dois pontos de início: em Areinho e Espiunca. Nós optamos por começar em Areinho, pq apenas os primeiros 30 minutos são subida e o restante do trajeto é descida ou linha reta.
.
Pelo caminho encontramos cascatas, praias fluviais e falhas geológicas.
.
A entrada no parque é limitada e paga. Se comprar o bilhete pela internet sai mais barato (2,00 euros) e não corre o risco de ir até lá e não conseguir entrar no parque.
.
📍Passadiços do Paiva, Portugal 🇵🇹
.
#arouca #areinho #espiunca #passadiçosdopaiva #aroucageopark #turismocentrodeportugal #turismodeportugal #visitportugal #vidaemportugal #travelgirl #viajemais #mulheresviajantes #essemundoenosso #meusroteirosdeviagem #brasileirosemportugal #instaviagem #viagemeturismo #agenciadeviagem #amoviajar #viajar #summer #verao #veraoeuropeu #moraremportugal #viveremportugal #viajarfazbem #vamosviajar #travelphotography #portugaltrip #portugal2019
Contando as Horas