12.04
2015

St Maarten: Philipsburg e as praias do lado holandês da ilha

O território ocupado por St Maarten, o lado holandês, é de apenas 40% nessa ilha do Caribe. Como já falei nos posts anteriores, a sua capital é Philipsburg. Todo mundo que vai ao Caribe está em busca de praias paradisíacas. E obviamente, eu não fui exceção a essa regra. Mas claro que além de aproveitar muito a praia, eu também quis pra dar uma voltinha pela sua capital.

Depois de desembarcar em St Maartin e de almoçar, a gente resolveu fazer um reconhecimento de área em Philipsburg, local que escolhemos pra nos hospedarmos.

SONY DSC

Maho Beach, a praia mais famosa de St Maarten!

A cidade está localizada em uma pequena faixa de terra que fica entre o Great Salt Pond e a praia de Great Bay (a quarta foto deste post aqui mostra Philipsburg vista do avião). No total, a cidade tem meia duzia de ruas, sendo que as três mais movimentadas são: o calçadão de frente pro mar, a Front Street e a Old Street. Todas essas ruas tem diversas lojas (principalmente lojas de luxo e duty free), bares, restaurantes e alguns hotéis. 

SONY DSC

SONY DSC

Logo que os holandeses descobriram essa ilha no Caribe, eles montaram base onde atualmente está Philipsburg. Pra demarcar e proteger o território, os holandeses começaram a construir dois fortes, o Forte Amsterdam e o Fort Willem, um em acada lado de onde está a atual capital. Pelo que li na internet, esses dois fortes estão em ruínas, mas dizem que as vistas sobre a baia de Philipsburg são muito bonitas. Infelizmente eu não os visitei, mas fica a dica.

SONY DSC

Guavaberry é uma frutinha tipica dessa ilha do Caribe e o produto mais famoso é o licor

SONY DSC

Pra mim, as duas grandes atrações da cidade são: a Courthouse, o edifício sede da corte do país, que fica de frente para uma pracinha bem bonitinha cheia de coqueiros. De um lado dessa praça está o prédio da corte e do outro um mapa da ilha bem no meio do calçadão.

IMG_6452

SONY DSC

Já a outra atração é a Old Street, uma ruazinha cheia de lojinhas e restaurantes super coloridos. Mas vale dizer que não dá pra deixar pra conhecer essa rua no final do dia, pq ela tem dois portões em cada um dos lados da rua, que quando chega 18:00 eles fecham. Na minha opinião, a melhor hora pra caminhar (e principalmente fotografar!) é de manhã, pq todo o pessoal que desembarcou dos cruzeiros foram fazer os passeios agendados ou foram pra alguma praia da ilha.

SONY DSC

SONY DSC

Bem em frente a entrada principal da Old Street ficam as lojas de marcas internacionais (Tiffany’s, Michael Kors, entre outras), lojas de artesanato, diversas farmácias, lojas duty free (ideal pra quem quer comprar apetrechos pra GoPro – comprei algumas coisas pra minha máquina ali), entre outras.

SONY DSC

E em um dos cantos da Great Bay fica o porto da cidade. A parte destinada aos cruzeiros é fechada ao público geral, mas por ali existem alguns restaurantes e lojinhas tbm. Vale a caminhada até lá!

SONY DSC

IMG_6443

Mas o grande destaque de St Maarten, obviamente são as suas praias. No caso de St Maarten, todas as praias ficam de frente pro mar do Caribe (e não pro oceano Atlântico), o que garantem águas azul turquesa calminhas e transparentes que são convidativas para nadar ou praticar algum esporte aquático.

SONY DSC

Das 37 praias existentes em toda a ilha, apenas 12 ficam no lado holandês, indo de Cupecoy até Dawn Beach.

SONY DSC

IMG_6449

Como nós nos hospedamos em Philipsburg, a praia que fica bem em frente é a Great Bay. Como o proprio nome já indica, essa praia tem uma faixa de terra enorme, que vai do porto até o Hotel Sonesta Great Bay. Na minha opnião, eu achei essa praia bem ok, está longe de ser a mais bonita da ilha. Não ficamos ali nenhum dia, apenas caminhamos um pouco no dia que chegamos e geralmente ficavamos ali no final do dia vendo o por do sol.

SONY DSC

SONY DSC

Quem optar por passar o dia nessa praia, vai ter diversas pessoas ou até mesmo bares e hotéis oferecendo pacotes atrativos pra chamar atenção dos turistas. Por cerca de 20,00 dólares/dia, da para alugar uma cadeira com guarda sol e ter wifi gratuito. Sem contar que, no calçadão que fica de frente pra essa praia é lotado de lojas, restaurantes e bares (tem até um Hard Rock, que durante o dia vive lotado, mas a noite – jantamos lá um dia – fica vazio!).

SONY DSC

SONY DSC

SONY DSC

Como em 4 dias seria impossível conhecer todas as praias da ilha (e esse nem era o meu objetivo), logo que cheguei em St Maarten fui tentar descobrir qual era a praia preferida (leia: bonita!!!) dos moradores de St Maarten. A resposta foi unanime: Mullet Bay! E a praia é realmente espetacular!

SONY DSC

Sabe aquelas praias de areia branca fininha com mar azul turquesa que deixam todo mundo de boca aberta? Essa praia é assim! Sem falar que a água é quentinha e muuuito transparente.

SONY DSC

SONY DSC

Na verdade, o que mais gostei nessa praia é que não tem construção, é só a praia e o mar. Claro que tem alguns barzinhos que vendem lanches rapidos e bebidas, mas fora isso, nada de prédios ou casas a beira-mar.

SONY DSC

SONY DSC

Também achei bem interessante que até a metade da praia existem pessoas que alugam cadeira e guarda-sol por cerca de 15,00 a 20,00 dolares/dia, mas o restante da praia é livre pra quem quer caminhar, deitar direto na areia pra pegar sol ou quer apenas sentar e ficar olhando o movimento sem gente caminhando por perto.

SONY DSC

Pertíssimo dessa praia, fica a “praia-atração” de St Maarten, a famosa Maho Beach. Pode até ser que pelo nome ninguém conheça essa praia, mas tenho certeza que todo mundo já viu uma foto de um avião passando beeeem pertinho da cabeça das pessoas em uma praia do Caribe antes de pousar. Pois bem, essa é a Maho Beach!

SONY DSC

Essa praia é uma loucura! Todo mundo que vai a St Maarten vai até lá. Sério mesmo. A praia vive lotada. Apesar de ser a praia mais famosa da ilha, nos ficamos apenas umas 2 horas por lá, tempo mais do que suficiente pra fotografar milhares de vezes aviões pousando e decolando na ilha.

SONY DSC

Todo mundo tomando um solzinho na maior tranquilidade e de repente..

IMG_6600

Aparece um avião!

Por ali existe um bar, o Sunset Bar & Grill, ideal pra comer e beber alguma coisa. Esse bar é a desculpa ideal pra permanecer um pouquinho mais por ali e continuar fotografando os aviões. O bar tá sempre lo-ta-do, tem que ter um pouco de paciencia pra pegar uma mesa boa com vista pra praia, mas vale a pena. Ah, eles oferecem wi-fi free para os clientes, assim vc bate a foto e já posta nas redes sociais! hahaha =D

SONY DSC

SONY DSC

Ah, e bem em frente ao bar tem uma prancha de surf onde estão escrito os horarios e respectivas cias aéreas que vão pousar na ilha. Já adianto, os aviões maiores somente por volta do meio dia em diante. E pra quem quer ver o avião da KLM, pelo que fiquei sabendo, ele só pousa em St Maarten no sábado (mas é bom confirmar essa info!).

SONY DSC

IMG_6606

IMG_6607

IMG_6608

IMG_6609

IMG_6610

Pra quem estiver se perguntando se não é perigo ir lá, olha, teoricamente não. Pra ver os aviões pousando não há problema. O maior problema são as decolagens, existem até placas alertando o pessoal a não ficar na praia por um único motivo: logo que os aviões ligam as turbinas pra decolar, o ar liberado faz a areia e algumas pedras voarem e isso pode ser perigoso. Fora isso, fotografar e filmar os aviões pousando é bem divertido!

IMG_6593

Além dessas praias, mesmo eu não tendo visitado, vale dar uma olhada em outras praias como: Little Bay (é a próxima praia depois de Great Bay e é onde está o hotel Divi Little Bay), Simpsons Bay (uma praia mais tranquila, sem opção de esportes aquáticos, legal pra quem quer tranquilidade) e Cupecoy (outra praia bem tranquila).

SONY DSC

Entre todas as opções de bares e restaurantes no lado holandês, a gente foi jantar em alguns, mas todos ficam em Philipsburg. Duas noites jantamos no restaurante do hotel em que estávamos hospedadas (já falei desse restaurante aqui), outra noite fomos no Hard Rock (ideal é ir a noite, pois a cidade fica vazia com a saida dos cruzeiros no final do dia) e outra vez fomos no Taloula Mango’s. Ah, almoçamos no restaurante Green House que fica no porto de Philipsburg no primeiro dia, gostei bastante! E também recomendo a sorveteria Milano, que fica no calçadão perto do porto.

SONY DSC

É importante ficar ligado nos horários do jantar em St Maartin, pq a cozinha dos restaurantes fecha super cedo, por volta das 21:30 – 22:00.

SONY DSC

Quem tiver pensando em fazer algum passeio com alguma agencia local (a gente fez um que foi nas ilhas de Tintamarre e Creole Rock) no lado francês da ilha, é legal ficar hospedado em Philipsburg, pois os passeios partem da marina Dock Maarten, que fica no porto de Philipsburg. Outra ilha que visitamos no lado francês foi a Pinel Island, mas fomos até lá por conta própria. Mas isso é tema pro próximo post, onde vou falar sobre St Martin, o lado francês da ilha!

IMG_6618

E pra terminar esse post que já tá enorme, aqui vão alguns preços de táxi partindo de Philipsburg até alguns lugares da ilha. Até o aeroporto são 20,00 dólares, até Maho Beach tbm são 20,00 dólares, 25,00 até Mullet Bay, 25,00 dolares até Orient Beach (no lado francês da ilha) e 30,00 dolares até Marigot, a capital do lado francês da ilha.

SONY DSC

Ah, quando estiver passando pela fronteira entre os dois países, vai ter um Obelisco de Fronteira com com as bandeiras de cada uma dos países, eu não fiz nenhum taxista parar lá pra bater foto, mas quem tiver interesse, é só ficar ligado!

Posts relacionados:

Todos os posts sobre Aruba

Todos os posts sobre Barbados

Todos os posts sobre St Maartin/Martin

Todos os posts sobre St Kitts e Nevis

Siga o Blog Contando as Horas nas redes sociais:

no Instagram: @brunabartolamei

e curta nossa fanpage no Facebook: facebook.com/ContandoAsHoras

Bruna Bartolamei
Siga-me
Postado em Caribe, St Maarten / St Martin - , , , , , , , , , , , ,
Compartilhe
Deixe um Comentário
Blog Membro RBBV
Contando as Horas
Essa manhã eu teria embarcado para o Brasil. Além das 18 mil coisas que tinha planejado fazer em 10 dias, a mais importante era conhecer minha sobrinha 🥰 (e também, rever meus sobrinhos de quatro patas 🐕🐕 - não esqueci de vcs, não sou uma tia desnaturada 😁). A gente já tinha até planejado um churras com camarão empanado de entrada, lembra @yasminbartolamei ? 😂Otimização de tempo é tudo numa viagem. Impossível comer todas as coisas que tenho saudades (e repetir algumas) em apenas 20 refeições. 🤰🏻😅😆
.
Enquanto isso, depois de 52 dias de quarentena, estou aqui acompanhando Portugal deixar o estado de emergência e passar para o estado de calamidade, situação onde as medidas de isolamento ficam um pouco mais brandas para facilitar esse período de transição para a normalidade.
.
Eu espero que as pessoas não sejam irresponsáveis e sem noção nesse momento, pq o isolamento obrigatório pode voltar.
.
Ontem qdo sai de casa para comprar máscara (a partir de hj o uso é obrigatório em todos os ambientes fechados, como por exemplo, mercado, lojas, bancos, transporte público, entre outros), por exemplo, já vi uma cena que prefiro nem comentar. Além de todas as incertezas que o momento já nos coloca, certamente vamos precisar de muito mais sorte para lidar com esses seres irresponsáveis do que com o vírus.
.
Não vou me alongar muito nesse blablabla, pq a loucura dessa nova realidade está só começando.
.
Mas voltando a minha viagem.. Eu sei que meu pai estava contando os segundos pra ter alguém em casa pra implicar 🤣 e minha mãe estava ansiosa pelos nossos lanchinhos e risadas na madrugada (sim, somos duas 🦉🦉). Véééiooo e Véééiaaa.. em 2021 estarei ai! 🇵🇹✈️🙏🏽🇧🇷🤩
.
Essas foram as últimas fotos que tirei lá em casa, no Brasil, em fevereiro de 2019. ☺️
18.04.2020: UM ANO EM PORTUGAL! 🥰🥰🥰
🇵🇹🇵🇹🇵🇹🇵🇹🇵🇹🇵🇹🇵🇹
.
Queria escrever algo interessante sobre esse momento pra deixar aqui registrado, mas não ando muito inspirada. Como nessas últimas semanas tenho recebido algumas msgs relacionadas a pandemia/quarentena, vou falar sobre isso.
.
02 de março foram divulgados os primeiros casos de coronavírus em Portugal. Dia 11 de março a OMS declarou pandemia de coronavírus. Dito isso...
.
No inicio, o governo português declarou estado de alerta, logo na sequência foi declarado estado de emergência (já foi renovado 02 vezes).
.
Nos primeiros dias os mercados estavam um verdadeiro caos. Muitas pessoas. Muitas coisas faltando (principalmente papel higiênico, carnes, frutas e verduras). Nas últimas semanas a situação voltou a normalidade.
.
As atrações turísticas, lojas, restaurantes (seguem funcionando, mas no esquema de take away/entrega a domicílio), bares, academias, entre outros tipos de comércio fecharam suas portas e assim permanecem até então.
.
As Farmácias e os Mercados estão funcionando no esquema de sai 1 entra 1, portanto, exige paciência.
.
Os transportes públicos em Lisboa estão funcionando com horários reduzidos. Não andei mais de metro, mas li nos jornais que o acesso está liberado para todas as pessoas, as catracas estão livres. Também li que começaram a fazer controle de temperatura nas entradas das estações.
.
Os 3 principais aeroportos de Portugal (em Lisboa, no Porto e em Faro) fecharam durante o período de Páscoa. E nos demais dias estão operando apenas para pouquíssimos voos comerciais, mas principalmente para voos humanitários, de repatriação ou de transporte de mercadorias.
.
Lisboa está deserta. Se você sair de casa, independente do horário, parece sempre domingo 07:00 da manhã. Tudo vazio. Poucas pessoas nas ruas.
.
A maioria das pessoas tem usado luvas e máscaras. Eu não tenho usado, pq só tenho saido de casa para ir ao mercado e algumas vezes pra caminhar.
.
E pra todos que me mandaram msgs pedindo como eu estou: depois de 38 dias de quarentena, posso dizer que já ando um pouco entediada, mas estou bem. ☺️
.
Essas são algumas fotos que tirei ao longo desse ultimo ano. 😁
#tbt 2020, nós mal nos conhecemos e não estou gostando nada do que tem acontecido. 😰😰😰
.
2019 precisou de 12 meses pra ser ruinzinho. Já 2020, em apenas 3 meses, chegou metendo os dois pés nas costas. 😰😰😰 Meeedooo dos próximos 9 meses!!! 🤭
.
Se eu soubesse que 2020 seria assim, eu teria viajado o mês de janeiro inteiro pelas Arábias. 🤷🏻‍♀️😅😁
.
Eu sei que ninguém anda muito interessado em consumir dicas de viagens por esses dias, mas já vou deixar registrado aqui para os dias melhores que virão: Doha tem varios museus, mas sem dúvida, os 2 mais visitados, são: o Museu de Arte Islâmica (fotos) e o Museu Nacional do Catar. Se tiver que escolher apenas um pra visitar, eu recomendo o Museu Nacional do Catar, vale cada centavo (até pq, o valor dos bilhetes não são nada baratos). Já o Museu de Arte Islâmica vale mais pelo seu exterior.
.
📍Doha, Catar 🇶🇦
.
#museumofislamicart #doha #catar #qatar #orientemedio #middleeast #ficaemcasa #fiqueemcasa #stayhome #quarentenanaosaoferias #quarentena #quarentine #pandemia #seemydoha #mydoha #dohaqatar #dohainstagram #doha2020 #instadoha #qatar2022 #qatarphoto #essemundoenosso #travelgirl #mulheresviajantes #amoviajar #qatarairways #viajar #brasileirosnocatar #brasileirosnoqatar
Khor Al Abaid 🐪 🌵☀️⛺️
.
Existem diversos tours no deserto: para ver o sol nascer, dia todo (com almoço e algumas atividades), para passar a noite e para ver o por do sol (foi o que escolhi).
.
Água do mar é morninha e eu achei beeem mais salgada que o normal.
.
Nessa foto da pra ver as aguas do mar encontrando as areias do deserto. 💛
.
2 segundos antes dessa foto, enquanto eu me arrumava, esse camelo ousado tentou me dar um beijinho 😂😂😂 Quase morri do coração!! 😅
.
📍Catar 🇶🇦
.
#khoralabaid #catar #qatar #desertsafari #sunsetdesertsafari #alkhordesert #orientemedio #middleeast #essemundoenosso #travelgirl #mulheresviajantes #amoviajar #qatarairways #viajar #brasileirosnocatar #brasileirosnoqatar #viagemeturismo
Catar / Qatar 🇶🇦🇶🇦
.
Vim com expectativa altíssima e ainda assim me surpreendi com tudo que vi.
.
Amei a comida. Os árabes são muito de boa (só não da pra tirar foto haha). Quero comprar todos os caquedos que vejo nas lojas, acho tudo lindo. Temperatura sensacional nessa época.
.
Na foto: Deserto de Khor Al Abaid, localizado ao sul de Doha, na fronteira entre o Catar e a Arábia Saudita. É um dos poucos no mundo onde o mar invade as areias do deserto.
.
📍Catar 🇶🇦
.
#khoralabaid #catar #qatar #desertsafari #sunsetdesertsafari #alkhordesert #orientemedio #middleeast #essemundoenosso #travelgirl #mulheresviajantes #amoviajar #qatarairways #viajar #brasileirosnocatar #brasileirosnoqatar #viagemeturismo
2019 foi um ano com muitas coisas boas e algumas ruins, mas prefiro lembrar apenas dos melhores momentos. 😅☺️😁
.
Comecei o ano recebendo a notícia de que meu visto para morar em Portugal tinha sido concedido (sem necessidade de entrevista).
.
Coloquei a venda meu apartamento em Curitiba (já foi vendido).
.
Me mudei para Portugal (demorei mais do que o previsto para encontrar um apartamento como eu queria, mas valeu a espera, amo esse bairro onde eu vivo).
.
Estive na Croácia pela 3x (ainda quero ir mais uma).
.
Minha sobrinha nasceu (virei Dinda!!).
.
Voltei pela milésima vez a Escócia (Meu país preferido!!)
.
Voltei a Berlim (dessa vez para ver os mercadinhos de Natal).
.
E terminei o ano passando rapidamente por Londres (eu não queria, fui obrigada hahaha)
.
2019 me deu a oportunidade de viver esses bons momentos, mas sinceramente, não vou sentir saudade!
.
Seja muito bem-vindo 2020 (espero que esse ano seja muito melhor)!
.
Desejo a cada um de vocês um excelente ano de 2020, com muita saúde (o resto a gente sempre da um jeito)!!
.
🎊🥂🍾✈️💐💞
.
📍Lisboa, Portugal 🇵🇹
.
#felizanonovo #feliz2020 #lisboa #lisbon #lisboaportugal #lisbonportugal #portugal #visitportugal #vidaemportugal #travelgirl #viajemais #woman #essemundoenosso #igportugal #viajar #mulheresviajantes #brasileirosemportugal #instagramcml #viagemeturismo #agenciadeviagem #travelphotography #cahemportugal #lookdodia #lisboalovers #lisboacool #visitlisboa #meusroteirosdeviagem #lisboa_pt
Contando as Horas