30.11
2014

Todas as opções de transporte entre Inverness e a Ilha de Skye

Já perdi as contas de quantas vezes recebi essas perguntas: “Como ir de Inverness a Ilha de Skye? Qual é a melhor opção de transporte?”. Pois então, infelizmente não existe uma resposta certa para cada uma dessas perguntas. Nesse caso, a minha resposta sempre será: “Depende”.

Na verdade, como existe mais de uma opção de transporte, a maioria das pessoas acham difícil chegar a uma conclusão. Então pra que ninguém tenha mais que se preocupar com isso, eu procurei reunir todas as duvidas aqui nesse post.

SONY DSC

Existem 5 opções de deslocamento entre Inverness e a Ilha de Skye:

1) Avião: Já cansei de receber perguntas sobre o aeroporto da Ilha de Skye. Gente, a Ilha de Skye NÂO tem aeroporto. Os dois aeroportos mais próximos são, o de Inverness e o da Ilha de Lewis, que fica na capital Stornoway, mas é necessário ainda, pegar um ferry até Uig, um vilarejo no norte da Ilha de Skye. 

Vantagem: Ao meu ver não existe nenhuma vantagem em ir de avião até Inverness, pois o que as Highlands tem de mais interessante só pode ser visto por terra. Na verdade, a única vantagem nesse caso, é ir de avião a Ilha de Lewis, mas só se for durante a primavera ou verão de lá, pois as opções de ferries são maiores.

Desvantagem: Quem for de Glasgow ou Edimburgo de avião até Inverness vai perder o principal do passeio, que fica por conta do deslocamento por terra, onde é possível ver as paisagens belíssimas do país.

SONY DSC

2) Alugar um carro: Quem preferir, pode alugar um carro. Eu nunca dirigi no Reino Unido, mas procurei prestar atenção na estrada pra poder dar maiores detalhes aqui nesse post. Ao sair de Inverness, a estrada percorrida passa boa parte pela lateral do Loch Ness, essa estrada é a A82. Logo após passar o vilarejo de Drumnadrochit, uns 15 ou 20 minutos mais adiante, vai ser necessário pegar a estrada A87, em direção a Kyle of Lochalsh. Ai é só atravessar a Skye Bridge e seguir pela mesma estrada, a A87. Na ilha de Skye, 90% dessa estrada tem vista para algum lago ou mar. As estradas estão em boas condições, tem muitas placas, impossível se perder.

Vantagem: A viagem em si já é um passeio. Pelo caminho existem diversas paisagens dignas de cartão postal. A estrada é muito bem sinalizada, existem lugares propícios para parar o carro, descer, admirar a paisagem e fotografar. Sem duvida alguma, o fato de poder fazer diversas paradas pelo caminho é uma das maiores vantagens dessa opção de deslocamento.

Desvantagem: É importante lembrar que, na Escócia como em todo o restante do Reino Unido, eles dirigem na mão contraria do que nós aqui no Brasil, então, é literalmente tudo ao contrario, tudo ao contrario mesmo. A atenção deve ser redobrada e todo o cuidado é pouco.

SONY DSC

3) Excursão com Agência de Turismo Local: Em Inverness, existem muuuitas empresas que oferecem day trip de um dia até a Ilha de Skye. O trajeto é longo e geralmente eles incluem uma parada no Eilean Donan Castle, geralmente o tour não segue até Portree. O que a maioria dos tours fazem é ir apenas até Kyleakin e Bradford pra ver as cadeias de montanhas Red Cuillins e Black Cuillins e só. Claro que isso fica a critério de cada um, mas a ilha de Skye é muito mais do que os Cuillins.

Vantagem: O fato de ter um guia contando histórias, curiosidades e fatos importantes, com certeza é o grande plus nesse caso. Outra grande vantagem, na minha opinião, é pra quem não tiver tempo de programar uma viagem nos mínimos detalhes, esse caso é o mais indicado, pois não há necessidade em se preocupar com nada.

Desvantagem: muitas vezes, pode acontecer de que a gente fique com a sensação de que não conheceu muito bem um determinado lugar pq o tempo pde ser curto. Pra evitar desapontamentos nesse caso, a dica é: ser objetivo. Não ficar se enrolando muito pra desembarcar do ônibus, não perder tempo conversando, ver o que tem que ver, fotografar tudo e voltar pro ônibus. Simples assim.

SONY DSC

4) Trem: A ilha de Skye não tem NENHUMA estação de trem, infelizmente. A estação de trem mais próxima é a que fica no vilarejo de Kyle of Lochalsh. Inclusive, nos dias que passei na ilha, perguntei a algumas pessoas sobre a opinião delas sobre ter uma estação de trem na ilha e todas foram categoricamente contra essa idéia. Quem já leu meia dúzia de reportagens sobre a construção da Skye Bridge, vai perceber que muito provavelmente nunca vai existir uma estação de trem na ilha.

Vantagem: Nenhuma vantagem em ir de trem de Inverness a Ilha de Skye, pois será necessário ir até Kyle of Lochalsh e lá pegar um ônibus. Geralmente, os horários dos trens e ônibus não são coordenados. Então, perde-se muito tempo com essa opção.

Desvantagem: a maior desvantagem é o tempo de deslocamento, visto que será necessário adicionar o tempo de espera entre o desembarque de trem e o embarque no ônibus.

SONY DSC

5) Ônibus: essa é uma das melhores opções nesse caso. Existe apenas uma empresa que faz esse trajeto, a Scottish Citylink. O ônibus parte da Inverness Bus Station, que fica bem no centro da cidade e chega na Portree Square, uma praça/rodoviária que fica literalmente bem no meio de Portree. Existem apenas três opções de horários, sendo 1 pela manha, outro ao meio dia e outro no fim do dia. A única opção que não é direta é o ônibus que parte ao meio dia, é necessário trocar de ônibus em Invergarry.

Vantagem: a maior vantagem nesse caso é o fato de que a maioria das opções de horários desse ônibus é direta (2 opções), ou seja, não há necessidade de se preocupar com nada durante o trajeto. É só curtir a paisagem. Essa empresa vende a passagem pela internet, que pode ser comprada com bastante antecedência e ainda, no ato da compra, já recebemos a passagem no e-mail. É só imprimir e apresentar ao motorista no dia da viagem.

Desvantagem: não existem muitas opções de horários, então é bom se programar com antecedência. Geralmente o primeiro horário é o que está mais lotado e o ônibus para diversas vezes pelo caminho arrecadando mais passageiros.

** Precisando de hotel na Escócia? Inicie as pesquisas aqui.

** Precisando de seguro viagem? Inicie as pesquisas aqui.

Ao reservar hospedagem e seguro viagem aqui pelo blog, nós ganhamos uma pequena comissão, mas você não paga nada a mais por isso. Obrigada! :D

Posts relacionados:

Todos os posts sobre a Escócia

Todos os posts sobre a Ilha de Skye

Siga o Blog Contando as Horas nas redes sociais:

no Instagram: @brunabartolamei

e curta nossa fanpage no Facebook: facebook.com/ContandoAsHoras

Bruna Bartolamei
Siga-me

Bruna Bartolamei

Catarinense, mas atualmente morando em Curitiba-PR. Já morou em Edimburgo, a capital da Escócia por quase 2 anos. Criou o blog pra contar um pouco mais sobre como foi o seu intercâmbio na terra dos Kilts e das Gaitas de Fole, e também, sobre suas viagens pelo mundo.
Bruna Bartolamei
Siga-me
Postado em Escócia, Highlands, Ilha de Skye, Inverness
Booking.com
  1. geovanna 30/11/2014 | 19:21

    fiz um trajeto doido pra conseguir incluir Skye no meu roteiro em maio e optei pelo ônibus saindo de Edimburgo, com baldeação em Glasgow. Foi uma viagem longa, os ônibus são bem simples, mas valeu cada segundo na poltrona dura. As paisagens são maravilhosas e o precinho da passagem foi bem bom. Na volta, fui de Skye a Inverness e não tenho nada a reclamar. A viagem é bem curta e as paisagens igualmente bonitas.

    • Contando as Horas 01/12/2014 | 17:46

      Oi, Geovanna

      Isso mesmo, como é difícil incluir a Ilha de Skye no roteiro usando transporte publico, né?!?! Tbm quebrei a cabeça pra montar meu roteiro, mas no final das contas acabou dando tudo certo. O ônibus acaba sendo a melhor opção, não tem jeito.

      Obrigada pelo comentário! :D

  2. Jacqueline Alexandre 22/06/2015 | 07:20

    Maraaa!!! Me diz uma coisa: quanto tempo durou essa viagem de ônibus de Edimburgo com baldeação em Glasgow? E quanto custa a passagem? E quais os horários? É possível fazer o mesmo trajeto pra voltar de Skye?

  3. claudia 15/07/2015 | 19:23

    Bruna, é possível fazer esse passeio de bate e volta?

    • Contando as Horas 15/07/2015 | 22:02

      Oi, Claudia

      Possivel até é, mas vc vai conhecer pouco da Ilha de Skye. Geralmente os tours passam pelo Eilean Donan Castle, atravessam a Skye Bridge e vão ate os Cuillins, que ficam bem na entrada da ilha e retornam.

  4. João Carlos 25/04/2016 | 00:00

    Boa noite Bruna ! Então existem tours feitos na ilha Skye ? Quais empresas que fazem ? Tipo eu gostaria de ir primeiro para Edimburgo …e de lá para ir ilha Skye .. Consigo comprar lá mesmo ou já posso fazer isso pela net

    • Contando as Horas 30/04/2016 | 16:14

      Oi, João Carlos

      Existem sim. Existem vários. Não sei quais empresas fazem, pq realmente são muitas e como são feitos por moradores locais, muitas vezes nem site eles tbm. O que te aconselho a fazer é o seguinte (foi o que eu fiz): no dia que vc chegar em Portree, ir ao escritório do Visit Scotland. Lá tem uma série de panfletos onde vc pode ver o tour que mais te agrada. Caso tenha dificuldade de selecionar um, converse com as atendentes, elas são super atenciosas e diz que vc quer um tour de um dia pela ilha com as atrações x, y e z (as que vc faz muuuita questão de conhecer), elas mesmo ligam e agendam pra vc. Simples assim! Eu fiz isso e não tive nenhum problema!

  5. Claudia 20/05/2016 | 01:20

    Oi Bruna !!!Parabéns pelo blog!!! Sempre o utilizo nas minhas viagens! Estou programando uma viagem para as ilhas Skye no verão e a minha dúvida é alugar um carro ou não. Já aluguei carro no Reino Unido e queria saber como são as estradas para chegar à ilha e, dentro da ilha, se é perigoso se locomover. ( As estradas são tortuosas, só passa um carro, mal sinalizadas.. ) ou é seguro ( dentro da dificuldade de dirigir ao contrário rsrsr) . Um abraço e obrigada!

    • Contando as Horas 20/05/2016 | 16:41

      Oi, Claudia

      Obrigada!! Fico feliz em saber que o blog tem te ajudado! =DD

      Olha, eu andei boa parte das Highlands e Ilha de Skye de ônibus ou de van, então realmente, não tenho do que me queixar com relação as estradas.

      Na Ilha de Skye existe uma estrada que circunda toda a ilha e algumas estradas menores (pra cortar caminho) que atravessam a ilha de um lado pro outro. Mas se vc andar sempre nessa estrada principal, ela é bem sinalizada sim, tem bastante placas. Essas fotos que aparecem no post são todas dessa estrada principal.

      Devem existir algumas estradas tortuosas, de uma mão só e tal, mas não passeio por elas. Nas atrações que visitei, sempre passei por estradas bem sinalizadas.

      Se pra vc dirigir na mão inglesa não é problema, quanto as estradas vc não precisa se preocupar.

      As estradas são bem policiadas também, lembro de ter visto carros da policia andando pra lá e pra cá. O limite pra andar nessas estradas também não são altos, então como a própria estrada é o passeio, ninguém costuma correr. Tem diversos lugares pra parar o carro e tirar fotos. Enfim, super tranquilo, na minha opinião.

  6. Daniel Klein 14/08/2016 | 22:00

    Boa noite. Estou adorando seu blog. Tenho o período de 19/04 a 01/05 para conhecer Edimburgo e, caso haja tempo, Glasgow e norte da Inglaterra, uma ou duas cidades. Alguma sugestão de tempo. Quero muito ir a Highlands, Ilha Skye e mais. Se puder, me da uma sugestão, já que minha esposa não quer ir e assim posso fazer uma viagem mais econômica. Obrigado

    • Contando as Horas 15/08/2016 | 22:27

      Oi, Daniel

      Edimburgo vc consegue ver o principal em 2 ou 3 dias. Em Glasgow tbm. Ilha de Skye precisa de pelo menos 2 dias inteiros pra valer a pena. Ja outras cidades no norte da Inglaterra, vc pode conhecer York, Newcastle, Liverpool, Nottingham, entre outras.

  7. LEONEL 30/08/2016 | 11:54

    Oi Bruna!. Mais uma vez parabéns pelo blog. Estou finalizando o roteiro para Edimburgo, Inverness e Ilha Skye (16/09-24/09). Estarei hospedado por duas 2 noites em Inverness e 3 noites em Portree. O passeio será por tour com ônibus ou van. Como as maiorias dos posts comentam sobre bate volta Inverness a algumas localizações da ilha Skye, peço sua colaboração. O que seria mais perto de Inverness para conhecer; algo a mais do que o lago Ness e Castelo de Eilean Donan?. O castelo de Dunvegan deve ser incluído neste roteiro ou quando hospedado em Portree?. Tem alguma sugestão de receptivo?. Muito obrigado.

    • Contando as Horas 31/08/2016 | 21:37

      Oi, Leonel

      Vc pode ir ao Forte St George, região de Applecross Peninsula, Dunrobin Castle, tem algumas destilarias de whisky entre Inverness e Aberdeen também.

      Isso, Dunvegan Castle fica na Ilha de Skye. Dependendo do horario, vc consegue ir e voltar de onibus (principalmente se vc for de manhã), durante o mês de setembro.

  8. Rafael 25/09/2016 | 18:35

    Oi Bruna! Parabéns pelo site! Queria uma dica… Vou para a Escócia no Hogmanay. Chego no dia 28 de Dezembro e volto no dia 2 de Janeiro. Vale à pena chegar por Inverness e ir no dia 30 para Edimburgo para as festas? Ou é melhor ficar logo todo o período em Edimburgo? Muito obrigado!

    • Contando as Horas 02/10/2016 | 20:47

      Oi, Rafael

      Valer a pena sempre vale. Inverness e as Highlands tem paisagens muito bonitas. Mas ai depende muito do que vc prefere fazer, afinal, Edimburgo nessa época de final de ano fica beeem animada.

  9. Rafael 05/10/2016 | 20:05

    Obrigado Bruna! Então chegar em Edimburgo no dia 28 de Dezembro à noite e sair dia 2 de Janeiro não será entediante? Terei boas opções lá neste período?

    Beijos,

    Rafael

    • Contando as Horas 05/10/2016 | 23:20

      Oi, Rafael

      Na minha opinião não será nenhum pouco entediante. Mas como disse, depende muito do que vc gosta / prefere fazer. Vc vai participar do Hogmanay? Além disso, a cidade tem muita coisa pra ver/fazer, além de diversos bate-volta que vc pode fazer a partir de Edimburgo. Certeza absoluta que vc não vai ficar entediado lá.

  10. Rafael 07/10/2016 | 07:02

    Oi Bruna! Muito, muito obrigado pelas respostas! Vou participar do Hogmanay sim, consegui até comprar o pacote de ingressos para os 3 dias, incluindo o Concert in the Garden. (Esgotaram em horas!!! – só consegui porque botei o despertador para a hora do inicio da venda na internet) Gosto de animação, então acho que não tem dúvida, melhor curtir mais Edimburgo, certo? Bjs e novamente muito obrigado!

Deixe o seu comentário...