05.03
2015

Iona Abbey, a principal atração da Ilha de Iona

Continuando meu tour por algumas ilhas da costa oeste da Escócia, a próxima ilha que visitei foi a Ilha de Iona.

A Ilha de Iona faz parte das Inner Hebrides e está localizada na costa oeste da Escócia, pertinho da Ilha de Mull e da Ilha de Staffa.

SONY DSC

Mesmo sendo uma ilha pequena e bem isolada, existe 177 pessoas que moram lá. Em dias de sol, eu imagino que deve ser um lugar super agradavel de ficar, já no inverno… 

Essa ilha tem atraido turistas do mundo todo por causa da sua única atração: a Abadia de Iona, um monastério fundado por St Columbas por volta do ano de 563, ou seja, a muuuito tempo atrás.

SONY DSC

Ao longo da sua história, o monastério foi muito disputado. Sofreu diversos ataques durante o periodo da Reforma, o que veio a deixá-lo um pouco destruido. Por longos anos a ilha ficou abandonada e apenas algumas décadas atrás que a Abadia foi restaurada.

SONY DSC

SONY DSC

SONY DSC

Hoje em dia, o monastério está super bem preservado e inclusive ainda é utilizado como igreja. Junto a Abadia tem um museu, que conta um pouco das batalhas travadas ali, o periodo conturbado da Reforma religiosa na Escócia. O museu é bem interativo, com bastante objetos e imagens. Achei bem legal!

IMG_3251

Junto ao monastério existia também um convento para freiras, mas infelizmente hoje em dia esse convento encontra-se em ruínas.

SONY DSC

SONY DSC

Além disso, junto a Abadia tem mais algumas outras pequenas capelas nos arredores. A St Oran’s Chapel é a mais visitada, pois é onde estão enterrados alguns reis da Escócia e de outros países, como Irlanda, Noruega e França.

SONY DSC

SONY DSC

SONY DSC

Perto da Abadia existe algumas cruzes celta, que acredita-se que tenha aparecido pela primeira vez aqui nessa ilha, como por exemplo a St Martin’s Cross e a St John’s Cross. As cruzes que vemos ali na parte externa da Abadia são replicas, pois as verdadeiras estão em exposição no museu.

SONY DSC

SONY DSC

SONY DSC

Depois de visitar a Abadia, capelas e andar por essa região, eu aproveitei que ainda tinha tempo sobrando e fui dar uma voltinha pela ilha.

SONY DSC

Mesmo com uma população tããão pequena, a ilha tem escola, um posto de correio, lojinhas, restaurantes, um supermercado e até hotéis.

SONY DSC

SONY DSC

Outro grande destaque da ilha, na minha modesta opinião (além da Abadia, é claro), é a praia que fica junto ao porto e ao vilarejo de Baile Mòr (a unica cidadezinha da ilha), é a praia. Uma praia digna de Caribe, minha gente! Areia branquinha e água tom turquesa… Um espetáculo!

SONY DSC

Quem quiser ir até Iona, precisa ir até a ilha de Mull primeiro e lá pegar um ferry que vai até a Iona. O tempo de travessia é de apenas 10 minutinho. Já quem quiser ir de Iona até a Ilha de Staffa, o tempo aumenta um pouco, levando mais ou menos uns 30 minutos.

IMG_3264

Obs.: O tempo de visita na ilha foi de 2 horas, tempo mais que suficiente pra ver tudo com muuuuita calma, visitar a Abadia, comprar um lanche no mercado, comer, bater foto da praia, caminhar pela cidade, sentar e descansar um pouco enquanto eu esperava o ferry chegar!

Obs.: A visita a Abadia é paga, valor de setembro de 2014: 7,10 libras/pessoa.

** Precisando de hotel na Escócia? Inicie as pesquisas aqui.

** Precisando de seguro viagem? Inicie as pesquisas aqui.

Ao reservar hospedagem e seguro viagem aqui pelo blog, nós ganhamos uma pequena comissão, mas você não paga nada a mais por isso. Obrigada! :D

Posts relacionados:

Todos os posts sobre a Escócia

Todos os posts sobre a Ilha de Skye

Siga o Blog Contando as Horas nas redes sociais:

no Instagram: @brunabartolamei

e curta nossa fanpage no Facebook: facebook.com/ContandoAsHoras

Bruna Bartolamei
Siga-me

Bruna Bartolamei

Catarinense, mas atualmente morando em Curitiba-PR. Já morou em Edimburgo, a capital da Escócia por quase 2 anos. Criou o blog pra contar um pouco mais sobre como foi o seu intercâmbio na terra dos Kilts e das Gaitas de Fole, e também, sobre suas viagens pelo mundo.
Bruna Bartolamei
Siga-me
Postado em Escócia, Hebrides, Ilha de Iona
Booking.com
  1. Raquel 05/03/2015 | 17:34

    Uma graça essa ilha!;)D

    • Contando as Horas 09/03/2015 | 02:23

      Oi, Raquel

      Concordo! Achei essas ilhas menores da costa oeste da Escócia super bonitinhas. Como o turismo começou a ser explorado melhor não faz tanto tempo, ainda parece que as coisas são mais originais. Nada daqueles lugares lotados, sabe? Vale a visita!

Deixe o seu comentário...