23.08
2016

Holanda: Um dia na terra do queijo Gouda e do Stroopwafel

A Holanda é um país pequeno, mas com muitas cidades interessantes pra conhecer. Enquanto estava morando em Edimburgo, fiz três viagens pra lá e na ultima delas, resolvi incluir no meu roteiro a cidade de Gouda (a pronuncia é algo como “ráuda”).

Se vc já viu esse nome antes na seção de frios e laticínios no supermercado, é isso ai mesmo, pois foi lá onde o queijo Gouda foi criado. Além do queijo Gouda, foi la onde os Stroopwafels, as famosas bolachinhas de caramelo holandesas, também foram criadas.

edimbra 2011 098

Olha o sacrifício que foi incluir essa cidade no meu roteiro! =D 

A cidade de Gouda tem uma localização ótima para quem quer fazer um bate-volta, pois ela fica bem no meio das quatro principais cidades da Holanda: Amsterdã, Haia (Den Haag, em holandês), Roterdã e Utrecht.

mapa gouda

A cidade tem apenas uma estação de trem, que é super pequena e fica muito perto do centro da cidade. Dá pra ir a pé, em uma caminhada de uns 10 minutinhos.

edimbra 2011 125

Como toda cidade holandesa que se preze, Gouda tem canais, moinhos e uma praça central super movimentada.

Existem 4 moinhos na cidade, mas apenas 2 deles estão localizados mais próximos do centro. Eu já tinha visto moinhos na Holanda na viagem que fiz a Zaanse Schans, mas resolvi conhecê-los assim mesmo.

edimbra 2011 121

O primeiro moinho que conheci foi o Molen’t Slot (Moinho no Castelo), localizado próximo ao rio Hollandsche Ijssel, que tem esse nome pq antigamente nessa região existia um castelo. Dá pra visitar em algumas épocas do ano, mas quando estive lá, não estava aberto.

edimbra 2011 089

edimbra 2011 095

O outro moinho que visitei foi o Molen de Roode Leeuw (Moinho Leão Vermelho), localizado as margens do canal Turfsingel e a uns 10 minutos de caminhada a partir do moinho visitado anteriormente. Esse moinho é considerado um dos mais antigos da Holanda, construído durante o século 18. Pode ser visitado.

edimbra 2011 099

Depois de visitar os moinhos, voltei ao centro da cidade, onde fui direto a praça principal da cidade, a Markt. É nessa praça onde fica a Prefeitura (Stadhuis), a Casa de Pesagem dos Queijos (The Goudse Waag) e o Mercado de Queijos (Gouda Kaasmarkt).

edimbra 2011 114

edimbra 2011 117

As fotos ficaram meio ruins pq estava chovendo e eu não vi que tinha molhado a lente da camera

O prédio em destaque nessa praça é a Prefeitura, com seu estilo gótico e suas janelinhas vermelhas, a construção mais alta da cidade. Não deixe de reparar na lateral direita da igreja, que tem um relógio que a cada meia hora faz uma apresentação de 2 minutos, homenageando o Conde Floris V, que concedeu o título de cidade a Gouda durante o século 13.

edimbra 2011 138

edimbra 2011 143

edimbra 2011 141

edimbra 2011 153

Ali pertinho, fica a Casa de Pesagem dos Queijos, que como o nome já indica, era onde a produção de queijo era pesada antigamente, mas que atualmente, é onde está o centro de informações turísticas da cidade e um museu que conta um pouco sobre a história e pesagem do queijo Gouda.

edimbra 2011 148

A cidade é responsável por produzir aproximadamente 60% dos queijos holandeses. O legal de ter ido a cidade em um sábado era que diversas barraquinhas de produtores da região estavam expondo os seus produtos e com isso, pude provar muita coisa de graça, como queijo gouda e stroopwafel!

edimbra 2011 142

edimbra 2011 155

Esse Mercado de Queijos é considerado um dos mais tradicionais da Europa, afinal, ele existe a mais de 300 anos. Os produtores da região trazem seus produtos e negociam com os vendedores da cidade, em frente a Casa de Pesagem dos Queijos. Quem quiser, também pode comprar direto nas barraquinhas (mas caso esteja na cidade em dias que o mercado não esteja funcionando, existem algumas lojas especialistas em queijo), ninguém vai sair de lá sem provar o queijo Gouda!

edimbra 2011 152

E pra finalizar a minha visita a cidade, fui conhecer a Sint-Janskerk ou St John Church, a principal igreja protestante da cidade, dedicada ao santo padroeiro da cidade, São João Batista. Com seus 123 metros de altura, ela é considerada a maior igreja do país. É famosa por seus vitrais, produzidos entre os séculos 16 e 17, com cenas da bíblia e da história da Holanda.

edimbra 2011 136

edimbra 2011 132

edimbra 2011 133

Na hora de voltar a estação de trem, outra surpresa, queijos Gouda enfeitado toda a cidade! A cidade é pequena, ideal para um bate-volta e pode ser conhecida com tranquilidade em umas 3 horas. Vale muito a pena!

edimbra 2011 158

edimbra 2011 164

edimbra 2011 166

Posts relacionados:

Todos os posts sobre Amsterdã

Todos os posts sobre Delft

Todos os posts sobre Keukenhof

Todos os posts sobre Roterdã

Todos os posts sobre Zaanse Schans

Siga o Blog Contando as Horas nas redes sociais:

no Instagram: @brunabartolamei

e curta nossa fanpage no Facebook: facebook.com/ContandoAsHoras

Bruna Bartolamei
Siga-me

Bruna Bartolamei

Catarinense, mas atualmente morando em Curitiba-PR. Já morou em Edimburgo, a capital da Escócia por quase 2 anos. Criou o blog pra contar um pouco mais sobre como foi o seu intercâmbio na terra dos Kilts e das Gaitas de Fole, e também, sobre suas viagens pelo mundo.
Bruna Bartolamei
Siga-me
Postado em Gouda, Holanda
Booking.com
  1. Daiana Araújo 19/09/2016 | 16:39

    Linda Holanda!

  2. Luiz Schiavon 04/01/2017 | 20:29

    Bruna,

    Sou curitibano e moro aqui também estamos planejando uma semana na Holanda no mes de Abril,a partir do dia 17, tem alguma dica para dar, estamos pensando em Utrech, Gouda Alkmaar e finalizar em Amsterdam, claro que vamos voltar a Keukhoff! o que acha disso? Agradeço já pela sua atenção.

    • Contando as Horas 05/01/2017 | 23:36

      Oi, Luiz

      Legal o teu roteiro. Não conheço ainda Utrech e nem Alkmaar, mas te indicaria Zaanse Schans ou Kinderdijk para ver de perto os famosos moinhos holandeses. Se você gosta de porcelanas, tem Delft também. Além disso, tem Haia, local onde fica a família real holandesa. Lugares não faltam.

      Obrigada pela visita aqui no blog! :D

Deixe o seu comentário...