29.12
2016

Retrospectiva: As minhas viagem em 2016

Ano passado foi a primeira vez que fiz uma retrospectiva das viagens que fiz em 2015. Achei muito legal a experiencia de relembrar cada uma dessas viagens, que esse ano resolvi repetir a dose.

2017

Seja muito bem-vindo 2017!!

Comparado com os últimos anos, esse ano foi meio fraco em quantidade de viagens, é bem verdade, mas foi especial no quesito “riscar da listinha” lugares que eu realmente queria muito conhecer (Rússia e o Nordeste). E ainda, pra completar, eu tive que cancelar duas viagens, mas isso eu explico na sequencia. 

Obs.: Clique nos nomes das cidades em vermelho pra ler os respectivos posts sobre esse destino!

Minha primeira viagem de 2016 aconteceu no ultimo final de semana de janeiro. O destino era aqui perinho, Balneário Camboriú, no litoral de Santa Catarina. Fui para um evento de família. Ficamos lá por 4 dias e apesar de não ter tido muito tempo de passear, deu pra rever algumas coisinhas.

I-Love-BC

Bal. Camboriú

Em fevereiro foi o mês que o Raul foi fazer intercâmbio na França. Antes de começar as aulas propriamente ditas, ele passou quase uma semana em Courchevel. A cidade onde ele passou o restante das semanas de intercâmbio foi Annecy e a partir dali, todo final de semana ele ia para uma estação de ski diferente da região dos Alpes Franceses.

Courchevel-1

Courchevel

annecy-1

Annecy

DCIM102GOPROG0684109.

Alpes Franceses

Em fevereiro seria o mês em que eu iria pela primeira vez para a Colômbia. Quem lembra que no inicio deu um surto gigantesco de Zika em vários lugares aqui no Brasil (especialmente no Nordeste) e em outros países da América do Sul? Poisé, como essa doença ainda é meio uma incógnita (síndromes, micro cefalia, entre outras coisas), eu achei mais sensato cancelar a minha viagem. Bogotá não era alvo de grandes focos dessa doença, mas Cartagena, sim.

Se a viagem a Colômbia tive dado certo, eu teria ficado apenas 5 dias em casa e logo já embarcaria para a minha proxima viagem, que aconteceu na ultima semana de fevereiro, onde eu estive no Rio Grande do Sul, visitando a Serra Gaucha e o Vale dos Vinhedos. Passei 4 dias em Gramado e Canela e depois segui para Bento Gonçalves e Garibaldi.

DSC_0726

Gramado

Canela-1-1

Canela

Miolo-00

Bento Gonçalves

c13

Garibaldi

Em março eu não fiz nenhuma viagem, pois fiquei em função da minha mudança pra voltar a Curitiba.

Cheguei em Curitiba na primeira segunda-feira do mês de abril. Eu estive lá pra fazer um curso, que durou até agosto. Esse curso era sempre as quartas e sextas-feiras a noite, o que não me permitiu viajar nenhum final de semana. Mas isso não foi nenhum problema, pois eu aproveitei pra conhecer e revisitar alguns lugares de Curitiba.

cwb

Curitiba

Em agosto eu voltei a Chapecó, e aproveitei esses dias pra terminar de organizar a próxima viagem a Europa.

IF

Chapecó

Em setembro eu desembarquei na Europa, no aeroporto de Charles de Gaulle em Paris e segui de trem para a Bélgica.

Fui direto a Bruxelas. Foi minha terceira vez na capital da Bélgica. O que me levou até lá foram dois festivais, o Festival da Cerveja Belga (mais conhecido por lá como Weekend de la Bière) e o Festival de Histórias em Quadrinhos (chamado de Fête de la Bande Dessinée – esse post será publicado no próximo ano!).

Festival-00

Grand Place, em Bruxelas

Em Bruxelas alugamos um carro e seguimos em direção a parte francesa do país, onde fizemos um roteiro passando por algumas cervejarias. A primeira parada foi em Dinant, onde conhecemos a cervejaria Leffe.

dinant-4

Dinant

Depois seguimos para duas cervejarias trapistas belga, a Rochefort e a Orval. No meio do caminho passamos por diversas cidadezinhas muito bonitinhas e finalizamos esse dia em Bouillon.

DSC_0681

Rochefort

DSC_0790

Orval

IMG_7855

Bouillon

De Bouillon seguimos para a terceira cervejaria trapista dessa viagem, a Chimay. A estrutura dessa cervejaria é muito legal, tem até um hotel e nós ficamos hospedados lá.

IMG_7890

Chimay

No dia seguinte conhecemos outras cidadezinhas belgas no caminho ate Waterloo.

DSC_1293

Waterloo

E essa viagem a Bélgica não terminou por ai, nós ainda fomos de trem para a região de Flandres, no norte do país, onde visitamos Gent, Antuérpia e Bruges (ainda não escrevi os posts sobre esses três destinos, mas em breve eles estarão aqui no blog!).

DSC_1361

Gent

DSC_1707

Antuérpia

DSC_1835

Bruges

Depois desses 10 dias na Bélgica, foi vez de voltar ao aeroporto de Charles de Gaulle em Paris pra encontrar o restante da família, pois a gente seguiria viagem para um destino MUITO aguardado por todos nós aqui de casa: a Rússia.

DSC_2536

Moscou

Ficamos 16 dias em território russo. Os 7 primeiros dias foram reservados para Moscou e a partir de lá, fizemos um bate-volta a cidade de Sergiev Possad, local onde está localizado o Vaticano Russo.

russia-17

Sergiev Possad

De lá nos seguimos no trem de altíssississima velocidade russo Sapsan até St Petersburgo, onde ficamos por 9 dias. Nesses 9 dias, além de conhecer St Petersburgo, nós fizemos 3 bate-voltas: Peterhof, Tsarskoye Selo e Strelna.

IMG_9783

Sapsan

DSC_3775

Museu Hermitage, em St Petersburgo

DSC_4183

Peterhof

DSC_4730

Palácio de Catarina, em Tsarskoye Selo

russia-24

Residência de Verão do Presidente da Rússia, em Strelna

Fiquei 13 dias contados em casa e na metade de outubro dei inicio a mais uma grande viagem. Estive no feriado de outubro em Floripa, apesar do clima nublado e com chuva, deu pra rever alguns lugares.

floripa

Floripa

Também tive tempo de incluir no roteiro 2 dias em Blumenau, onde fui pela primeira vez na vida na Oktoberfest.

DSC_5495

Blumenau

De Floripa eu já embarquei pra o Nordeste, um destino que fazia MUITO tempo que estava na minha listinha. Finalmente essa oportunidade apareceu. O que me levou a terras nordestinas pela primeira vez foi uma Feira de Turismo em João Pessoa, na Paraíba.

Jampa-01

João Pessoa

praia-de-coqueirinho

Costa do Conde

Aproveitando a proximidade, achei que seria interessante conhecer outro estado ali do ladinho, Pernambuco. Fiquei uma semana inteirinha lá, onde pude conhecer as praias de Cabo de Santo Agostinho, Praia dos Carneiros, as Praias de Ipojuca (entre elas, Porto de Galinhas) e terminei meu roteiro em Olinda.

DSC_7088

Cabo de Santo Agostinho

praia-dos-carneiros

Praia dos Carneiros, em Tamandaré

DSC_8339

Porto de Galinhas

DSC_8686

Olinda

E pra finalizar o ano, a minha ultima viagem seria em novembro, onde eu iria embarcar novamente para a região Norte do Brasil. Nessa viagem eu iria conhecer o Pará (Belém e Marajó), mas ela acabou não acontecendo. Eu tive que cancelar essa viagem nos 45 minutos do segundo tempo. Mas não tem problema, pq ela vai sair no próximo ano! :D

Já tenho duas viagens programadas para 2017, algumas em fase de pesquisa (com possibilidade de se tornarem reais muito em breve) e muitas outras que, como sempre, eu ainda vou continuar sonhando!

Feliz 2017 para todos que acompanham o blog! Muita saúde e viagens pra todos nós!

** Precisando de hotel? Inicie as pesquisas aqui.

** Precisando de seguro viagem? Inicie as pesquisas aqui.

** Precisando alugar um carro? Inicie as pesquisas aqui e/ou aqui.

Se você gostou das dicas, ao reservar hospedagem, seguro viagem e aluguel de carro aqui pelo blog, nós ganhamos uma pequena comissão, mas você não paga nada a mais por isso. Obrigada! :D

Posts relacionados:

Retrospectiva: As minhas viagens em 2015

Siga o Blog Contando as Horas nas redes sociais:

no Instagram: @brunabartolamei

e curta nossa fanpage no Facebook: facebook.com/ContandoAsHoras

Bruna Bartolamei
Siga-me

Bruna Bartolamei

Catarinense, mas atualmente morando em Curitiba-PR. Já morou em Edimburgo, a capital da Escócia por quase 2 anos. Criou o blog pra contar um pouco mais sobre como foi o seu intercâmbio na terra dos Kilts e das Gaitas de Fole, e também, sobre suas viagens pelo mundo.
Bruna Bartolamei
Siga-me
Postado em Retrospectivas
Booking.com
Deixe o seu comentário...